A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o SL Benfica e a sua Gloriosa História. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

27/10/2021

De Regresso a Guimarães Um Mês Depois

27/10/2021 0 Comentários

ONDE O HÁBITO É VENCER.

 

A última vitória, por 3-1, foi obtida, para a Liga bwin, em 25 de Setembro de 2021.

 

Já há certezas no Grupo D

No grupo D que cruza nas meias-finais com o vencedor do grupo B o FC Porto (sem pontos) está fora das meias-finais. O CD Santa Clara (quatro pontos) é o principal favorito, embora o Rio Ave FC (um ponto) ainda tenha possibilidade...se golear o FC Porto.

 


No Grupo B o Sporting CP está bem encaminhado por jogar as meias-finais frente ao CD Santa Clara ou Rio Ave FC

Mas terá de o provar em Penafiel, empatando (pelo menos). Sporting CP (três pontos), FC Famalicão (três pontos) e FC Penafiel (sem pontos).

 

NOTA: assim que for divulgada, nesta quarta-feira, a lista dos futebolistas convocados será feita a habitual previsão de um treinador de sofá.

 

Com convocatórias no dia do jogo

Permite aos adeptos tentarem adivinhar as mesmas quando o que é hábito é tentar adivinhar o onze inicial. Face às lesões de Gil Dias, Valentino, André Almeida, Gedson, Seferovic e Rodrigo Pinho, os 20 escolhidos devem ser:

 

2 (1)Helton e Svilar (Odysseas também deve estar convocado embora não seja divulgado);

8 (5): Diogo Gonçalves, Gilberto, Lucas Veríssimo, Otamendi, Vertonghen, Ferro, Morato Nemanja;

7 (3): Weigl, Meïte, Taarabt e João Mário; Rafa, Pizzi e Everton;

3 (2)DarwinGonçalo Ramos, Yaremchuk.


Se forem convocados 
21 acrescento: Grimaldo;

Se forem convocados 22 acrescento: Seferovic (não estando lesionado);

Se forem convocados 23 acrescento: Paulo Bernardo.


       ASSIM VAI O PLANTEL DE 31 GLORIOSOS

NOTAS: Min - Minutos jogados; JT – Jogos totais; Tit – Jogos a titular; SU – Jogos como suplente utilizado;  A – Assistências para goloG – Golos; TitularSuplente utilizadoSuplente utilizado substituídoSuplente não utilizadoConvocado não utilizado; L - Lesionado; L * - Recuperar de lesão; NI – Não Inscrito na UEFA; B – Inscrito na UEFA pela lista B; A – Suspenso por acumulação de cartões amarelos; V – Suspenso com cartão vermelho directo; C – Castigo pelos desacatos provocados na final da Taça de Portugal 2020/21

 

 

Um domínio avassalador. Mas hoje nada disso conta. Começa zero-a-zero e é a eliminar

No total, em 182 jogos, 128 vitórias (mais 103 que as 25 derrotas), 29 empates e 409 golos marcados (mais 259 que os 150 sofridos). São mais 74 sucessos (128 vitórias) que os 54 insucessos (29 empates e 25 derrotas). No Campeonato Nacional, em 152 jogos, 107 vitórias (mais 86 que as 21 derrotas) e 24 empates, com mais 226 golos (347 marcados e 121 sofridos). São mais 68 sucessos (107 vitórias) que os 45 insucessos (24 empates e 21 derrotas).

Na Taça da Liga, invicto em sete jogos, quatro vitórias e três empates, com mais oito golos (doze marcados e quatro sofridos). É mais um sucessos (quatro vitórias) que os três insucessos (apenas empates).  Impressionante! O Vitória SC é um dos dez melhores clubes de Portugal!


                   JOGOS TOTAIS POR COMPETIÇÃO

frente ao Vitória SC Guimarães

Competição

J

V

E

D

GM

GS

TOTAIS

182

128

29

25

409

150

Campeonato Nacional

153

108

24

21

350

122

Taça de Portugal

15

10

1

4

31

  18

Taça da Liga

7

    4

3

  -

12

4

Torneios

    4

    4

  -

  -

   11

   4

Particulares

    2

    1

  1

  -

2

   1

Supertaça

1

    1

-

  -

3

   1

 

Ampla superioridade como visitantes

Nos recintos do adversário, em 90 jogos, 53 vitórias (mais 34 que as 19 derrotas), 18 empates e 164 golos marcados (mais 66 que os 98 sofridos). Na Taça de Portugal, em cinco jogos, três vitórias (mais duas que a única derrota), um empate e mais dois golos obtidos (oito marcados e seis sofridos). Na Taça da Liga, em quatro jogos, três vitórias e um empate e mais sete golos obtidos (nove marcados e dois sofridos). No Campeonato Nacional, em 77 jogos, 44 vitórias (mais 26 que as 18 derrotas), 15 empates e mais 52 golos marcados (137 marcados e 85 sofridos). Até os valores estatísticos são impressionantes nos recintos do adversário. No total mais 16 sucessos (53 vitórias) que os 37 insucessos (18 empates e 19 derrotas). Na principal competição disputada entre os dois clubes continua o domínio avassalador: mais onze sucessos (44) que os 33 insucessos (15 empates e 18 derrotas).


                    JOGOS TOTAIS POR COMPETIÇÃO

como visitantes frente ao Vitória SC Guimarães

Competição

J

V

E

D

GM

GS

TOTAIS

90

53

18

19

164

98

Campeonato Nacional

77

44

15

18

137

85

Taça de Portugal

5

3

1

1

8

6

Taça da Liga

4

3

1

0

9

2

Torneios

3

3

-

-

9

4

Particulares

1

-

1

-

1

1

 

De regresso o maior Clássico português em XV edições da Taça da Liga

O jogo mais vezes disputado, o SL Benfica frente ao Vitória SC. Quatro (passará a cinco) jogos em Guimarães e três encontros na «Catedral».



Nas três últimas décadas

Desde 1990/91 continuamos a exercer uma superioridade factual que se traduz nos resultados: 60 vitórias (mais 38 que os 22 insucessos: onze empates e onze derrotas) em 82 jogos, com 148 golos obtidos (mais 95 marcados que os 53 golos sofridos). Impressionante!

 

No campeonato nacional, em 31 edições (nas últimas 32 temporadas, pois em 2006/07 o Vitória SC Guimarães competiu no segundo escalão), são mais 32 sucessos (46 vitórias) que os 13 insucessos (seis empates e sete derrotas), com mais 77 golos (112 marcados para 35 sofridos).

 

Nos restantes jogos a vantagem do Benfica continua impresionante. Em 18 jogos, mais seis sucessos (12 vitórias) que os quatro empates (dois "fora" e dois “em casa”, no ultimo encontro, para a Taça da Liga, já em 2020/21) e duas derrotas (ambas "em casa") ou seja, o Benfica consegue melhores resultados como visitante do que como visitado. Em golos, mais 16 a favor: 30 marcados para 14 sofridos.


ÚLTIMOS 82 SLB vs Vitória SC

Jogo

N.º

Época

Comp

Sit

V

E

D

101

1990/91

CN

F

2-0

102

CN

C

2-0

103

1991/92

CN

C

2-0

104

CN

F

3-1

105

 

1992/93

CN

F

1-0

106

TP

F

2-1

107

CN

C

3-1

108

1993/94

CN

F

2-1

109

CN

C

0-0

110

1994/95

CN

F

3-1

111

CN

C

1-3

112

 

1995/96

CN

C

1-1

113

CN

F

4-2

114

TP

C

1-0

115

Par

C

1-0

116

 

1996/97

TP

C

3-2

117

CN

F

0-1

118

CN

C

0-1

119

1997/98

CN

C

1-0

120

CN

F

1-0

121

1998/99

CN

F

2-0

122

CN

C

3-1

123

1999/00

CN

F

1-2

124

CN

C

3-0

125

2000/01

CN

F

4-0

126

CN

C

1-0

127

2001/02

CN

C

0-0

128

CN

F

4-1

129

2002/03

CN

F

1-1

130

CN

C

4-0

131

2003/04

CN

C

2-0

132

CN

F

1-0

133

2004/05

CN

F

2-1

134

CN

C

2-1

135

2005/06

Par

F

1-1

136

CN

C

2-1

137

CN

F

0-2

138

TP

C

0-1

139

2007/08

CN

C

0-0

140

CN

F

3-1

141

2008/09

TCG

F

2-1

142

CN

F

2-1

143

TL

F

2-0

144

TL

C

2-1

145

CN

C

0-1

146

 

2009/10

TCG

F

2-0

147

CN

F

1-0

148

TP

C

0-1

149

TL

F

1-1

150

CN

C

3-1

151

2010/11

TCG

F

5-3

152

CN

F

1-2

153

CN

C

3-0

154

2011/12

CN

C

2-1

155

TL

F

4-1

156

CN

F

0-1

157

2012/13

CN

C

3-0

158

CN

F

4-0

159

TP

N

1-2

160

2013/14

CN

F

1-0

161

CN

C

1-0

162

2014/15

CN

C

3-0

163

CN

F

0-0

164

2015/16

CN

F

1-0

165

CN

C

1-0

166

2016/17

CN

F

2-0

167

TL

F

2-0

168

CN

C

5-0

169

TP

  N

2-1

170

2017/18

ST

  N

3-1

171

CN

F

3-1

172

CN

C

2-0

173

2018/19

CN

C

3-2

174

TP

F

1-0

175

CN

F

1-0

176

2019/20

TL

C

 

0-0

 

177

CN

F

1-0

 

 

178

CN

C

2-0

 

 

179

2020/21

TL

C

 

1-1

Vgp 4-1

 

180

CN

C

 

0-0

 

181

CN

F

3-1

 

 

182

2021/22

CN

F

....3-1....

 

 

183

TL

F

 

 

 

184

CN

C

 

 

 

TOTAIS

82 - 60 -  11 11  (148/53)

NOTAS: 1. Em destaque nas épocas o clube que se sagrou campeão nacional; 2. Em destaque – Jogos para o campeonato nacional como visitante; 3. Em destaque os jogos para outras competições no terreno do adversário excepto Campeonato Nacional

 

Carrega Benfica

 

Alberto Miguéns

Enviar um comentário

Apoio de: