A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

16/11/2016

Já Cheira Mal...

16/11/2016 + 9 Comentários API
ESTA HISTÓRIA DOS TÍTULOS QUE O SPORTING CP QUER FORÇAR OS MEDIA E A FPF A FICAR COM ELES. A USURPÁ-LOS!


Quem lê este blogue sabe qual a opinião dele acerca dessa "golpada sportinguista" baseada em chico-espertice e desinformação. Repito a opinião já expressa neste blogue:

O que interessa não é o «Em Defesa do Benfica», "A Bola" ou toda a comunicação social ter a sua interpretação. Em termos de tornar a informação oficial o que interessa é a FPF…
Colocar no seu portal o que decidiu em 1938. A listagem entre 1921/22 e 2015/16 dos 93 vencedores do Campeonato de Portugal/Taça de Portugal, bem como a listagem, entre 1934/35 e 2015/16, dos vencedores dos 82 campeonatos da I Liga/I Divisão. E além disso a listagem das Supertaças «Cândido de Oliveira», da Taça FPF (1976/77), da Taça Ribeiro dos Reis (entre 1961/62 a 1970/71; aberta a equipas de Honra e Reserva dos clubes da I e II Divisão Nacional), dos Campeonatos Nacionais de Juniores, Principiantes/Juvenis, Iniciados e Infantis, por exemplo. Ou seja, oficializar publicamente o que tem homologado desde 1921/22. Só depois disso é que tudo fica claro. Como fazem todas as Federações responsáveis. É que quem quiser fazer "estudos ou trabalhos” acerca do Futebol português, neste assunto, tem de recorrer a fontes não oficiais. Mas na FPF nem isso os incomoda…




Diariamente recebo pedidos de esclarecimento acerca de mentiras que o SCP e os sportinguistas colocam a circular
Percebendo-se que escrevem acerca de assuntos que não dominam. Não chega só ter livros ou imagens dos mesmos. É preciso lê-los. Como se vê pela imagem eu também tenho o agora "famoso" livro de Henrique Parreirão. E tenho-o ofertado pelo autor que conheci muito bem. E como se vê o meu livro está lido e relido. Até tem fita-cola na lombada de tão utilizado estar.

Embora extravase o âmbito desde blogue: defender o Benfica com a sua História e defender a História do "Glorioso", mesmo contra atentados à mesma vindos do interior do Clube
O entulho que circula acerca do Campeonato de Portugal é tanto que cria confusão em quem não domina o assunto...até porque quem cria o entulho também não sabe o que foi (e como foi) o campeonato de Portugal.

Mas só o vou fazer (porque será em três partes) na fase em que há uma semana, entre o final de Novembro e o início de Dezembro, na qual o Benfica não joga (e se entretanto não existirem assuntos) do Benfica. Se existirem transfere-se para a época de Natal
Este blogue é para comentar assuntos do Benfica ou de outros clubes se estiverem relacionados com o Benfica. Não me interessa minimamente o que são, o que fazem os dirigentes do SCP ou o Sporting CP nem igual dose em relação ao FCP. Era estar a dar importância a quem a não tem comparada com a do "Glorioso". E considero que podem encontrar noutros blogues do Benfica essa temática. Aliás na actualidade há blogues Benfiquistas que gastam mais tempo com o Sporting CP e o seu presidente do que com o Benfica. E têm todo o direito de o fazer. Mas eu preocupo-me é com o Benfica. Com o mal dos outros posso eu bem. O que me envaidece são os êxitos do "Glorioso" e o que me preocupa são os "males" que afectam o Benfica. Mesmo que encobertos. Por sabichões de "meia-tijela" de lentilhas!

 CALENDÁRIO DE JOGOS (NOVEMBRO / DEZEMBRO)
Mês
Dia
Adversário
Competição
Local
N
O
V
E
M
B
R
O
01
TER
FC Paços r V 1-0reira
Liga Campeões.04
Casa/ SLB
06
DOM
FC Paços r E 1-1
Primeira Liga.10
Fora/Porto
09
QUA

Jogos das Selecções
13
DOM
16
QUA
19
SÁB
CS Marítimo
Taça Portugal. 1/16
Casa/ SLB
23
QUA
Besiktas JK
Liga Campeões.05
Vodafone/Istambul
27
DOM
Moreirense FC
Primeira Liga.11
Casa/ SLB
30
QUA



D
E
Z
E
M
B
R
O
02
SEX
CS Marítimo
Primeira Liga.12
Fora/Funchal
06
TER
SSC Nápoles
  Liga Campeões.06
  Casa/ SLB
11
DOM
Sporting CP
  Primeira Liga.13
  Casa/ SLB
14
QUA
?
Taça Portugal. 1/8
?
18
DOM
GD Estoril Praia
Primeira Liga.14
Fora/ Estoril
21
QUA
Rio Ave FC
Primeira Liga.15
Casa/ SLB
25
DOM
NATAL
29
QUI
FC Paços Ferreira
Taça da Liga. 01
Casa/ SLB

Só para justificar as três partes
As 17 edições do Campeonato de Portugal (1921/22 a 1937/38) bem como a sua continuação como Taça de Portugal até 1945/46 tiveram três regulamentos:

Entre 1921/22 e 1925/26 (cinco edições) houve um primeiro regulamento;

Entre 1926/27 e 1933/34 (oito edições) houve um segundo regulamento;

Entre 1934/35 (devido à criação do campeonato da I e da II Liga) e 1945/46 (12 edições - quatro como campeonato de Portugal e oito como Taça de Portugal) houve um terceiro regulamento. Este só sofreu um pequeno ajuste em 1941/42 porque o representante insular - vencedor do jogo entre o campeão da Madeira e dos Açores - deixou de participar. Só por isso, de resto manteve-se tudo como desde 1934/35. Não houve qualquer modificação no regulamento do campeonato de Portugal quando a FPF decidiu alterar o nome para Taça de Portugal. Só em 1947/48 - em 1946/47 não se disputou a competição - a Taça de Portugal teve novo regulamento - o quarto desde 1921/22 - mas isso deveu-se ao facto de ter passado a existir um quadro fixo de clubes na I Divisão com promoções e despromoções à II Divisão, pois entre 1934/35 e 1946/47 os clubes eram apurados para a I/II Liga e depois para a I/II Divisão através dos respectivos Campeonatos Regionais.

O Campeonato de Portugal não foi uma competição homogénea como uns tontos querem fazer crer. E as oito edições iniciais da Taça de Portugal - 1938/39 a 1945/46 - tiveram exactamente o mesmo regulamento da terceira fase do Campeonato de Portugal (1934/35 a 1937/38) em mais uma prova que eram a mesma competição com designações diferentes. Vou colocar as formas de apuramento e todos os resultados do Campeonato de Portugal/Taça de Portugal, entre 1921/22 e 1945/46. Este blogue vai-se transformar "Em Defesa do Futebol Português". Ou seja, substituir a FPF! Que se devia envergonhar!

Neste assunto...até Dezembro!

Alberto Miguéns
9 comentários
comentários
  1. Alberto, sabe qual é a melhor maneira de explicar aos sportinguistas que não é pelo facto de uma competição se chamar CAMPEONATO DE PORTUGAL que o seu vencedor se declarará campeão naciolnal?
    Pela mesma razão que o adversário do sporting na taça (Praiense) não será campeão nacional se ficar em primeiro lugar no seu campeonato só por ele se chamar CAMPEONATO DE PORTUGAL, como é o caso.

    saudações GLORIOSAS E BENFIQUISTAS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a resposta é exactamente o teu 2º parágrafo ;)

      Eliminar
  2. Nem mais,

    O que conta são as decisões, não os nomes. Se assim fosse uma SUPERtaça valia mais que uma simples taça!

    AM

    ResponderEliminar
  3. Em Espanha houve o Campeonato de Espanha disputado também em eliminatórias. Hoje em dia os vencedores dessa competição contam como vencedores da Taça do Rey. Aliás, o próprio troféu entregue ao vencedor da Copa do Rei tem a inscrição "Campeonato de España".

    ResponderEliminar
  4. Caro Alberto,

    A questão principal como disse é que a competição designada de "Campeonato de Portugal" NÃO FOI EXTINTA, APENAS MUDA DE NOME para TAÇA. Este facto retira qualquer argumentação possível. A Taça apenas perde é protagonismo nada mais.
    E o Campeonato da Liga "Experimental" também não é extinto, porque teve continuidade, APENAS altera o nome.

    Não sei porquê insistem em contabilizar de forma separada da Taça o "Campeonato de Portugal", incluindo o próprio Benfica quase que admitindo que essa competição não é a Taça, ou seja, num chico espertismo há Portuguesa contabilizam apenas o que interessa, agora os chico espertos do Sporting respondem e quem os pode cencurar.
    O Sporting só tem "argumentos" nesta questão porque TODOS contabilizam de forma errada, e isto só vai terminar quando juntarem esses titulos com os da Taça, portanto a Federação deve dar essa indicação e assim fica o assunto resolvido.

    Isto tudo apenas revela que a incompetência e mediocridade da Federação e da sociedade no geral, que não é de agora.


    Cumprimentos Gloriosos,
    Jonas52

    ResponderEliminar
  5. alerta vermelho16/11/16 23:39

    Amigo Alberto, o estranho no meio de tudo isto, é que a Federação ou a liga (qual o orgão mais competente?), não aparecem a terreiro para vir esclarecer isto! Porquê? Estão á espera que isto passe? Existe alguma maneira de os forçar a vir esclarecer isto? É que eles não querem vir!

    ResponderEliminar
  6. Caro,

    O que me parece é que a FPF alheia-se do assunto porque nunca quis assumir, desde meados dos anos 60, a alteração que tomou em 1939.

    E não tem coragem de anular esse artigo pois seria revisionismo.

    Por isso não publicam as listas dos títulos que homologaram. Preferem deixar a Imprensa fazer a "norma".

    O SLB perdeu a oportunidade em 2012 de obrigar a FPF a definir-se com a justificação do Museu Benfica. Era "encostar a FPF à parede. A não pronunciar-se estaria a boicotar o rigor no Museu. assim foi o que eles quiseram. Passar entre os pingos da chuva.

    Eu não acredito que a FPF se pronuncie. Nem a lista de títulos vão publicar. era necessário a Direcção do SLB obrigá-los a pronunciarem-se, mas havendo o pretexto do Museu. agora? É difícil!


    TRIsaudações Benfiquistas

    Alberto Miguéns

    NOTA: Oxalá as minhas previsões estejam erradas!

    ResponderEliminar
  7. Estou tranquilo pois a mentira tem perna-curta

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail