A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

18/01/2012

Quem vai jogar? Sei é que joga o Benfica!

18/01/2012 + 1 Comentários API


O capitão Nuno Gomes recebe o Troféu Pedro Pauleta conquistado frente ao CD Santa Clara
 
            
1.                      Que rotação!?
OPINIÃO

Logo à noite, o nosso querido Benfica está de regresso à Catedral, para entre as 20.15 horas e as 22 horas vencer a 2.ª jornada do Grupo B da Taça da Liga rumo à decisiva 3.ª jornada com o CS Marítimo para definir qual o emblema que receberá o FC Porto nas meias-finais.

Vencedor das últimas três edições… em quatro da mais recente competição do “Futeluso”, o “Glorioso” é o principal candidato a conquistar o triunfo nesta IV Taça da Liga. Porque é Benfica! Porque tem três triunfos em quatro presenças! Porque temos o melhor plantel e esta é uma competição para ser conquistada mais pelo plantel que por uma equipa.

Esperadas mudanças nos convocados e titulares
Adivinham-se dificuldades para os próximos meses com a disputa em simultâneo durante a semana das jornadas para o Campeonato Nacional (fim-de-semana) e das eliminatórias para a Liga dos Campeões (terça ou quarta-feira). Para estarmos aptos a conquistar o título de Campeão Nacional e tentar o de Campeão Europeu, é necessário ter o plantel com capacidade física, ritmo competitivo, entrosamento táctico e integração, de todos, no espírito colectivo de conquista. Tudo isto consegue-se dotando os futebolistas do grupo de trabalho com condições (minutos, jogos, golos e confiança). É necessário, havendo obviamente quem seja mais e menos utilizado, que os menos utilizados, mesmo assim, tenham minutos jogados a bom ritmo. Se estão no plantel do Benfica é porque têm qualidade para honrar o “Manto Sagrado”.

Mudanças com ponderação
Além de “dar minutos” aos menos utilizados uma boa rotação permite “descansar” os mais utilizados. Para o jogo de logo à noite será mais válida a primeira premissa (“dar competição”) do que a segunda (“descanso”), isto porque no último mês os nossos valorosos futebolistas jogaram, apenas, quatro encontros de 90 minutos, ainda há três semanas estiveram inactivos no fim-de-semana natalício.

Segundo se diz, quando um plantel tem bons futebolistas, está bem treinado (fisicamente e estrategicamente) e comunga dos mesmos objectivos, não se nota quebra de qualidade nas equipas, se apenas se fizerem três ou quatro alterações nos “jogadores de campo” pois os guarda-redes são “caso à parte”. Assim, se mudarmos um defesa ou dois (um lateral e um central), um centrocampista e um avançado, a equipa continuará a brilhar como até aqui. Pelo tempo de utilização durante a temporada (ver Quadro I) há sete futebolistas a necessitarem de “minutos e oportunidades”: Rúben Pinto, Luís Martins, Nélson Oliveira, Mora, David Simão, Capdevila e Miguel Vítor, ou seja, quatro titulares mais três suplentes.

QUADRO I
SITUAÇÃO ACTUAL*
DO PLANTEL BENFIQUISTA
* Em 17 de Janeiro de 2012
CATORZE COM MAIS MINUTOS
Nome
Minutos
Jogos
Golos
Ass.
Artur
2 794
33
(- 25)
1
Garay
2 600
30
1
-
Javi Garcia
2 511
30
1
-
Emerson
2 426
28
-
1
Witsel
2 325
32
3
5
Luisão
2 127
24
2
1
Cardozo
2 106
30
22
7
Maxi Pereira
2 000
24
-
5
Gaitán
1 994
31
4
10
Nolito
1 923
36
13
8
Aimar
1 900
32
3
12
Bruno César
1 687
31
7
5
Saviola
1 435
29
9
8
Matic
1 249
23
1
2
CATORZE COM MENOS MINUTOS
Nome
Minutos
Jogos
Golos
Ass.
Rodrigo
1 019
20
10
3
Jardel
922
12
1
-
Ruben Amorim
809
15
-
2
Miguel Vítor
688
11
2
-
Eduardo
450
6
(-4)
-
Enzo Pérez
432
11
-
1
André Almeida*
409
6
-
1
Capdevila
400
5
-
1
David Simão
293
7
-
3
Mora
241
7
-
1
Nélson Oliveira
209
5
-
-
Luís Martins
109
3
-
-
Rúben Pinto
21
2
-
-
Mika
0
-
-
-
NOTA: * Jogos com o “Manto Sagrado” (pré-época)
Vermelho encarnado  – Futebolistas titulares com Vitória FC
Vermelho esverdeado – Suplentes utilizados com Vitória FC
Vermelho azulado       - Suplentes não utilizados com Vitória FC

Será assim!? Jorge Jesus sabe melhor do que ninguém quem servirá, bem, muito bem, os interesses do “Glorioso”! Confiança total!

2.                    Invictus…
ESTATÍSTICAS

O nosso adversário das 20.15 horas é a actual Delegação n.º 5 do SL Benfica. Mas, ao contrário do que seria normal as relações entre as duas instituições – maior clube português e emblema mais representativo do arquipélago açoriano – nunca foram muitas, antes pelo contrário…


Como se sabe, uma delegação SLB, é um clube ao qual foi concedido, a seu pedido, a filiação no Benfica. Ou seja, um clube já existente, que por interesse pediu para fazer parte da família desportiva (e foi aceite) no “Glorioso”!


Pequena história do CD Santa Clara
O CD Santa Clara, em Ponta Delgada, na ilha açoriana de São Miguel foi fundado em 31 de Janeiro de 1921, num bairro operário da maior cidade dos Açores. Tinha como símbolos um emblema com uma bola e um leão a encimá-la. Os equipamentos eram constituídos por camisolas listadas horizontalmente a vermelho e branco, calções brancos e meias pretas.
O primeiro emblema do "Santa Clara"
Na primeira digressão a Lisboa em Maio de 1935, realizou o primeiro jogo - 22 de Maio de 1935 - com o SL Benfica no Estádio das Amoreiras, com a vitória, por 11-2, do “Glorioso”. Depois seguiu-se o pedido de filiação no Benfica com alteração dos equipamentos (iguais aos do Benfica) e do emblema com um açor no lugar da nossa Águia.

O histórico (e mais belo...) emblema do "Orgulhoso"
Em 1 de Novembro de 1937 estreiam o “equipamento à Benfica” na primeira jornada do Campeonato Regional de 1937/38 frente ao Clube União Sportivo (CUS) que equipava de... verde-e-branco.Eh pá! Se bem que o grande rival do CD Santa Clara fosse o Clube União Micaelense (CUM) que equipava de preto e vermelho... desde 1911!


O CD Santa Clara recebeu ajuda, limitada mas muita... pelas condições existentes nos anos 30 e face ao que era usual nesse tempo. O “Glorioso” nunca teve – também não o procurou – retorno, em nenhum atleta significativo vindo de São Miguel. Por exemplo, quer o SC Angrense (Terceira) quer o Angústias AC (Faial) sempre foram emblemas Delegações) com maior ligação ao Clube-Sede.

Actual emblema do CD Santa Clara (uma espécie de dragãozito com bico)
Actualmente o CD Santa Clara é um emblema com ténue ligação ao "Glorioso", aliás muito mais próximo dos andróides, onde procura os benefícios do "Sistema", não sendo por acaso que o actual treinador portista Vitó Pereira passou por lá. E só não subiu ao primeiro escalão (em 2009/10) por que instâncias superiores decidiram a favor do Portimonense SC, onde o presidente era um conhecido portista - Fernando Rocha (que até foi dirigente do FC Porto!). Não dá para todos... não é?!


Há, ainda, a curiosidade do adversário seguinte ser também uma Delegação (Gil Vicente FC), e também com uma ligação fraca em termos históricos. Aliás, são as duas Delegações menos interessantes do "Glorioso". Nem a pedido...

O Benfiquismo nos Açores
Mas, para o SLB o que contava era a satisfação dos açorianos, muito bem representados no maior clube, o CD Santa Clara, esmagadoramente Benfiquistas. Na última sondagem por regiões (1997), havia 70 por cento de Benfiquistas, 20 por cento de sapóides, 5 por cento de andróides e 5 de outros clubes (Belenenses, Académica Coimbra, Boavista FC, etc.), entre os açorianos com simpatia pelo desporto/ futebol.


A nossa vantagem frente ao simpático CD Santa Clara é avassaladora (ver Quadros II e III). Quando nos preparamos para a dezena de jogos, estamos invictos nos nove encontros entretanto realizados entre os dois emblemas, com sete vitórias e dois empates, e 25/7 em golos.

                                        QUADRO II
         JOGOS TOTAIS POR COMPETIÇÃO
         com CD Santa Clara
Competição
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
9
7
2
0
25
7
Campeonato Nacional
6
5
1
-
  9
2
Taça da Liga
-
-
-
-
-
-
Troféu Pedro Pauleta
1
-
1
-
  1
1
Particulares
2
2
-
-
15
4

Em nossa "casa" contamos por vitórias todos os quatro jogos realizados em Lisboa, em dois estádios: 11-2 nas Amoreiras (num jogo particular); e 4-1 (em 3 jornadas) para o Campeonato Nacional, com a curiosidade do último jogo (V 1-0) significar a despedida (física, que não da memória de todos os que por lá passaram, do relvado às bancadas) no MONUMENTAL (E IMENSO) ADEUS À (PRIMEIRA) CATEDRAL.

O capitão Simão Sabrosa marcou o último golo da Grande Catedral, a Inigualável

                                               QUADRO III
ÚLTIMOS 9 SLB vs CD Santa Clara
Jogo
N.º
Época
Comp
Sit
V
E
D
001
1934/35
Par
C
11-2
002
1999/
2000
CN
F
3-0
003
CN
C
1-0
004
2000/01
Par
N
4-2
005
2001/
2002
CN
C
2-1
006
CN
F
0-0
007
2002/
2003
CN
F
2-1
008
CN
C
1-0
009
09/10
Trof*
F
1-1
010
11/12
TL
C
TOTAIS
9 J - 7 - 2 - 0 (25/7)
                        NOTA: Troféu Pedro Pauleta (Vitória nas g.p. por 5-3)

Querido Benfica. A Glória é tua. Estamos à espera de celebrar em 2012 a conquista deste troféu de 2011 em Coimbra. 

O capitão Luisão sem alegria, assobiado por alguns adeptos ressabiados, exibe o troféu da III Taça da Liga. A equipa não merecia, o capitão não merecia e a fotografia para a eternidade, a assinalar esta conquista, muito menos. Para reflectir e não voltar a sujeitar uma equipa e um capitão a ser humilhado por alguns dos adeptos depois de enorme esforço perante uma equipa do futebol-cacetada...

A conquista em 2012, pode ser em Coimbra, no Algarve, Aveiro, Porto, Braga, topo do Campo Grande, China, México ou na Nova Zelândia. Pelo menos metade do Estádio será nosso!


Alberto Miguéns


NOTA: Sem ter muita vontade, mas "de quando em vez", como sinto necessidade de saber o que se passa, fiz questão de ver a repetição do Trio d' Ataque (ao Benfica). Fiz mal.


Hugo Gilberto: O Perfeito Anormal andróide (continua a ser...). Como ele está sempre a insinuar: Ora aí está!...;

ROC - Disse, pelo menos três vezes: Espero que não haja frissuras (sic) no sporting! Olha que não! Olha que não! Vocês, sapóides, têm mesmo ar de frissureiros!;


Miguel Não Vejo Um Boi À Minha Frente Guedes - O Imperfeito Normal andróide (continua a ser...). É um demagogo, afirmando com desprezo mentiras que com tal tranquilidade passam por verdade. Só podia ser do Fruta Corrupção e Putedo;


Júlio Machado Vaz - Deixa-se enrolar pelo Imperfeito Normal, porque não ouve a argumentação dele, pois já está a pensar no que vai dizer, ou seja, é "Um Intelectual à Portuguesa" , ou seja não é. É um Burguês Pedante.


Que tristeza Benfiquistas. Como é possível!? É porque eles querem Benfiquistas deste calibre.





1 comentários
comentários
  1. Dois comentarios:

    1. Foi deveras degradante a postura de alguns socios/simpatizantes nessa final da taca da Liga.
    Estando presente no estadio, nao fui dos que assobiaram a equipa (representada por Luisao) na entrega do trofeu. Nem sequer fiquei no estadio para ver tal desidrato, pois a humilhante derrota 4 dias antes que nos afastou da taca de Portugal ainda me doia muito, e nao estava com disposicao para "festas menores". O futebol praticado nesse jogo tambem nao foi dos melhores. Ainda assim nada justifica a assobiadela na entrega do trofeu.
    Mas pior foi verificar que alguns socios/simpatizantes literalmetne gozavam, com adeptos do Pacos de Ferreira que iam saindo nos autocarros. Foi muito humilhante ver essas figuras feitas nesse dia.
    2. Julio Machado Vaz nao e como o "pinta". Na minha opiniao, faz o seu papel bem (nao excelente) e impoe respeito e ordem nos outros dois "compinchas". A quantidade de vezes que tanto o lagarto como o corrupto ficam literalmente engasgados com as respostas ou consideracoes de JMV e bastante elevada. Sempre sem baixar o nivel e expressando as suas visoes. Nao e perfeito (ninguem e), mas defende o Benfica.

    Quanto a taca da Liga, espero naturalmente uma vitoria mais logo.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail