Rogério Imortal (1944/45) -->
A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o SL Benfica e a sua Gloriosa História. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

08/12/2019

Rogério Imortal (1944/45)

08/12/2019 + 0 Comentários
TERCEIRA TEMPORADA, AINDA MAIS GLÓRIA.

Em 18 de Março de 1945, magnífica assistência do extremo-esquerdo Rogério para o interior-esquerdo marcar o 7-2... ao FC Porto 

Rogério participa 41 encontros dos 46 jogos realizados pelo Benfica. Marca 30 golos em 3575 minutos, ou seja, um golo a cada 119 minutos.

Mudança da direita para a esquerda
Na terceira temporada fixa-se a extremo-esquerdo . Inicia a temporada como extremo-direito, mas só faz dois jogos nessa posição com 36 encontros como extremo-esquerdo, dois como interior-direito e um como suplente utilizado. Dos 41 jogos, marca golos em 21 encontros: catorze golos em catorze jogos, dois golos em cinco jogos e três golos em dois jogos. Termina a temporada como extremo-esquerdo inquestionável.

Fundamental no título de campeão nacional
Numa edição com 18 jornadas foi quarto futebolista mais utilizado, com 1440 minutos, em 16 jornadas com 16 golos: um golo por jogo, ou seja, marcou a cada 90 minutos, pois os jogos eram completos, não havendo substituições. Mas podiam existir lesões - felizmente com ele não ocorreu - deixando a equipa em inferioridade numérica. Melhor extremo-esquerdo português, quanto a jogar na selecção nacional... está quieto que os "outros" mandavam mais!

Continua…

Alberto Miguéns

Publicar um comentário

Subscrever este blogue

Apoio de: