Só Néné Se Lembraria Disto! - Em Defesa do Benfica
A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

10/05/2018

Só Néné Se Lembraria Disto!

10/05/2018 + 3 Comentários API
QUANTOS NOMES FEIOS NÃO LHE CHAMEI NAQUELE DIA. 



Eu que nunca o assobiei por não sujar os calções fiquei indignado. Uma fotografia de um capitão do "Glorioso" a receber um troféu é um ícone para sempre. E para sempre a fotografia desta Taça de Portugal ficará registada com a camisola portista. Mas até podia ser a de qualquer outro adversário. 



Tudo isto surgiu na lembrança, a propósito de outro assunto, pois estava, ainda há pouco - por uma iniciativa a realizar daqui a uns dias - a tentar recordar qual o melhor jogo que vi Sheu fazer com o "Manto Sagrado" e não foram poucos. Mas este foi o melhor. Três assistências para três golos de Nené. Um verdadeiro hat-trick. Três golos consecutivos no mesmo jogo! E depois de 0-1 com um auto-golo de Veloso ali a dez metros do lugar onde eu estava em «sentapé»!



Quando se querem comparar «Benficas» comparem-se com estes que são a regra em 80 por cento de 114 temporadas. Não com a excepção dos restantes 20 por cento!


Aberto Miguéns

3 comentários
comentários
  1. tambem vi esse jogo no jamor,era garoto.aquilo tudo para mim era magia pura.os jogos na saudosa luz então era uma loucura,principalmente as noites europeias,chegava várias horas antes e adorava observar os benfiquistas que vinham das aldeias ou do estrangeiro...era o BENFICA.temo que esses tempos jamais voltem,ficam sentimentos de nostalgia.

    ResponderEliminar
  2. Gabriel Alves esse senhor do comentário, o esférico na ilharga.

    ResponderEliminar
  3. Curioso. Eu também estive lá. Ainda me lembro de nesse dia o meu Pai me ter comprado uma pequena bandeira de cetim vermelho com o nosso emblema bem no meio.
    Ainda bem que não me lembro de ter visto Nené com aquela camisola horrível. Um raro momento lamentável numa carreira brilhante. Uma infelicidade tanto maior quanto me lembro de fotos de outros capitães a levantar Taças no Estádio Nacional desde Francisco Ferreira a José Águas, Coluna, Simões, Shéu. Foi uma lástima que no Benfica não estivessem preparados e atentos para arranjar uma camisola para evitar esta situação.

    ResponderEliminar

Subscrever este blogue