E Agora...Benfica? - Em Defesa do Benfica
A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

18/04/2018

E Agora...Benfica?

18/04/2018 + 3 Comentários
É REPETITIVO ESTAR A INSISTIR QUE O TÍTULO FICOU MAIS DIFÍCIL DEPOIS DO ÚLTIMO DOMINGO.


Quem é que no Mundo duvida disso?!

Resta a esperança do FC Porto "escorregar"
E tal não é questão de fé. O FCP já mostrou que é pouco consistente. As duas derrotas consecutivas (e recentes) em terreno alheio (Paços de Ferreira e Lisboa/Restelo) não aconteceram por acaso. O plantel limitado pode voltar a ceder, embora com o estímulo de faltarem apenas quatro jogos e só dois em terreno do adversário seja mais vitamina que anemia.



Ao "Glorioso" resta vencer sempre
Não tem alternativa estando a dois pontos da liderança havendo doze para disputar. O Benfica não pode ceder um milímetro, enquanto o FCP pode ceder um centímetro do tamanho de um empate (dois pontos) que mesmo assim sagra-se campeão em igualdade pontual com o SLB o que seria a quarta vez, depois de 1937/38, 1955/56 e 1977/78, em 84 campeonatos!



O calendário corre a favor do Benfica (parte I)
Por muito teórico que isso seja, a deslocação ao Funchal e a Guimarães é mais complexa que a ida ao terreno do GD Estoril Praia e ao topo do Campo Grande. Aqui o Benfica tem de mostrar a competência das últimas temporadas em que tem feito boas exibições e resultados QB, quando joga desinibido e com a equipa com tracção à frente e cuidado na bagageira traseira.


O FC Porto é mais vulnerável que o "Glorioso" nos jogos em terreno adversário. Mais uma derrota e menos um empate. Nos dois jogos vai defrontar o 5.º e 8.º melhores clubes a jogar "em casa". O CS Marítimo tem mais três sucessos que insucessos. O Vitória SC tem mais um sucesso. Já o Benfica frente ao GD Estoril Praia só tem que aproveitar as fragilidades: mais sete insucessos (11) que sucessos (4). O Sporting CP fica para outro dia. Há dois jogos antes dele para fazer seis pontos

O calendário corre a favor do Benfica (parte II)
Por muito que seja mais suposição que teoria comprovada na actual conjuntura - o SLB atrás do FCP dois pontos - o facto de jogar primeiro parece ser vantajoso para o "Glorioso". O Clube terá de somar sempre os três pontos, ultrapassando sob condição o FC Porto pressionando este de modo a mostrar se lá para as bandas de Contumil há, ou não, «estofo de Campeão». O Benfica até o tem de Tetracampeão.


O FC Porto é mais forte que o "Glorioso" nos jogos no seu terreno pois permanece invencível. Menos uma derrota e igual no empate. Nos dois jogos vai defrontar o 16.º e 17.º piores clubes a jogar "fora". O Vitória FC tem apenas uma vitória, para cinco empates e nove derrotas. O CD Feirense tem duas vitórias, um empate e 12 derrotas. O calendário do Benfica é menos fácil mas também acessível frente aos 6.º e 11.ºs melhores clubes a jogar "fora". Seis pontos exigem-se a qualquer dos dois primeiros da classificação. Será em terreno alheio - Estoril/Funchal e Lumiar/Guimarães - que se definirá o vencedor do 84.º campeonato nacional

Num desporto profissional
Nada pode ser mais estúpido que proibir ofertas para uma equipa de um clube vencer a outra colocada em campo pelo adversário. Para perder devia dar irradiação a quem - dirigentes, treinadores e futebolistas - se deixa corromper para viciar o resultado. Agora oferecer dinheiro para estimular o esforço e concentração para vencer? Então mas os futebolistas não recebem verbas variáveis além dos vencimentos fixos?! Alguém sabe de onde vem o dinheiro? Eu se tivesse dinheiro suficiente para não fazer dádivas risíveis oferecia parte da minha fortuna para os quatro adversários do FCP terem, ainda mais vontade, de vencer o FC Porto. Nem que tivesse de entrar para associado de cada um dos quatro clubes que vão defrontar o líder da competição. E depois que viesse a Dona Judite à minha mansão com piscina de 25 metros de comprimento e dois de profundidade mais um campo de ténis e outro de golfe com nove buracos..."chatear-me"!

CALENDÁRIO DE JOGOS (ABRIL/ MAIO.2018)
Mês
Dia
Hora
Adversário
Liga
Local
A
B
R
I
L
21
SÁB
20:30
GD Estoril Praia
31
Estoril/Fora
22
DOM
20:15
Boavista FC
31
J. Alvalade/Casa
23
SEG
20:00
Vitória FC Setúbal
31
Porto/Casa
25
QUA

28
SÁB
18:15
CD Tondela
32
SLB/Casa
28
SÁB
20:30
Portimonense  SC
32
Portimão/Fora
29
DOM
18:00
CS Marítimo
32
Funchal/Fora
M
A
I
O
02
QUA

05
SÁB
20:30
Sporting CP
33
J. Alvalade/Fora
05
SÁB
20:30
SL BENFICA
33
J. Alvalade/Casa
06
DOM
20:15
CD Feirense
33
Porto/Casa
09
QUA

13
DOM
00:00
Moreirense FC
34
SLB/Casa
13
DOM
00:00
Vitória SC Guimarães
34
Guimarães/Fora
13
DOM
00:00
CS Marítimo
34
Funchal/Fora
16
QUA


20
DOM
Taça Portugal. FINAL
NOTA: Os horários para a última jornada estão dependentes dos "acasalamentos" de jogos para os diversos "apuramentos": Campeão nacional/Liga dos Campeões; Liga Europa; e despromoções!

Acredita, Benfica
                           

Alberto Miguéns

3 comentários
comentários facebook
  1. E Agora...Benfica? Eu digo:
    - Se ficarmos em 3º lugar, RV e LFV rua.
    - Se ficarmos em 2º lugar, RV e LFV rua.
    - Se por milagre formos campeões irei a Fátima a pé (interrogo-me como e onde é que os fatimenses mais conhecidos por nossasenhorenses cumprirão estas promessas), RV e LFV passam a ser os maiores mas pelo menos um dos dois terá que fazer mea culpa pela falta de ambição no jogo com o Porto e pôr o lugar à disposição.

    ResponderEliminar
  2. Caro Dr Alberto,

    No paragrafo que titulou: "Resta a esperança do FC Porto escorregar...", escreve também: "o plantel mais limitado pode ceder...", essa tese que os media nos venderam de que o FC Porto tem um plantel mais limitado, pode ser facilmente desmontado, e poderemos avaliar esse mesmo plantel em termos quantitativos e qualitativos. E como nada é bom ou mau, se não for por comparação, deixo também o plantel do Benfica.

    Plantel do FC Porto sectorialmente:
    G Redes 4: Casillas, Sá, Vaná e Fabiano.

    Laterais 4: Ricardo, Maxi, Alex Telles e Dalot (já fez 6 jogos como titular na A).
    Centrais 4 : Felipe, Marcano, Diego Reyes e Osório.

    Médios 7: Herrera, Sérgio Oliveira, Oliver, André André, Otávio, Paulinho e Danilo (lesionado de longa duração).

    P Lança/Avançados 8: Aboubakar, Marega, Soares, Gonçalo Paciencia, Waris, Corona, Brahimi e Hernani.

    Portanto, o actual plantel do FC Porto é composto por 27 Atletas (avaliamos aqui o factor quantioade), com 14 Internacionais A (avaliamos aqui o factor qualidade).

    Plantel do Benfica sectorialmente:
    G Redes 3: Bruno Varela, Svilar, Paulo Lopes.

    Laterais 4: André Almeida, Douglas, Grimaldo e Eliseu.
    Centrais 3: Ruben Dias, Jardel e Luisão.

    Médios 6: Fejsa, Pizzi, Zahovic, Samaris, João Carvalho e Krovinovic (lesionado de longa duração).

    P Lança/Avançados 7: Jonas, Jimenez, Seferovic, Rafa, Salvio, Cervi e Diogo Gonçalves.

    (excluo o americano Parks, porque nunca foi titular no campeonato, acumula cerca de 60 minutos jogados na Liga, sempre como suplente utilizado)

    O actual plantel do Benfica é composto por 23 Atletas, com 12 Internacionais A.

    Cenário hipotético, se em Setubal, o Ruben Dias, o Jardel e o Fejsa, são castigados disciplinarmente, quem seriam os seus substitutos para o clássico? Luisão, Samaris, e quem seria o central que faria dupla com Luisão contra o FC Porto?

    Observando o calendário do FC Porto, a deslocação aos Barreiros é extremamente dificil, isto se observarmos as 5 ultimas partidas do FC Porto nos Barreiros para o campeonato: 3 empates e 2 derrotas, é bem mais fácil para o FC Porto jogar e ganhar na Luz. Recordo também que no campeonato passado, o FC Porto na recta final empatou em casa com o V Setubal e Feirense, assim como nos Barreiros, claro!

    Daí que, teremos campeonato até ao final, o FC Porto voltar a "escorregar"? No Futebol tudo é possivel, porém, nas derrotas em Paços e no Restelo, o FC Porto estava privado do "Panzer" Marega, e sobre este, só acrescentaria aquele expressão tão habitual nos treinos de captação e recrutamento na formação: "habilidade tem o Marega, só lhe falta é corpo..."

    E termino, afirmava em cima que teriamos campeonato até ao final, não é bem assim, se o FC Porto entrar em Guimaraes na jornada 34 líder, será Campeão, porque o afirmo? Observei os 83 campeonatos disputados em Portugal, e, tendencia (muito, muito forte) quem entra na liderança na derradeira jornada, é quase sempre Campeão Nacional, apenas vislumbrei uma excepção, temporada 1954/55, o Belenenses entra na liderança na derradeira jornada, precisa de vencer o Sporting no Restelo, porém, o avançado Martins do Sporting faz o 2-2 aos 86 minutos, e o eterno rival do Benfica vai lhe oferecer esse campeonato!

    Saudações des_Portistas

    P.S. Entretanto, no novo Estádio da Luz, já ali se jogaram 15 clássicos para o campeonato, e o FC Porto juntou no Domingo naquele Estádio a sua 6ª vitória para o campeonato (o Benfica apenas regista 3 vitórias, metade). Alguns já lhe chamam o tal medo cénico do Valdano, suspeito que o Herha de Berlim, ou D Corunha, venceriam com regularidade no Estádio da Luz, porquê? Porque jogam com camisolas azuis e brancas listradas ...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Paulo Teixeira

      Eu só registo o que me apercebi. Assim que o FC Porto teve quatro futebolistas impedidos (lesões e/ou suspensos) perdeu pontos. Mesmo o jogo do GD Estoril Praia (primeiro jogo com 45 minutos) o FCP ia levar uma coça por não ter futebolistas fundamentais.

      Continuo a pensar que sem Casillas, Marcano, Telles, Brahimi e Marega (nem precisa de ter os cinco em simultâneo de fora) o FCP será acessível ao CS Marítimo e Vitória SC Guimarães, entre uma derrota e dois empates.

      Saudações do Tetracampeão

      Alberto Miguéns

      Eliminar

Subscrever este blogue