A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

28/12/2015

FCP.STOP.80%.STOP.SLB.

28/12/2015 + 5 Comentários API
ERAM ASSIM OS TELEGRAMAS TELEFONADOS NO "MEU TEMPO".



A notícia do momento é o contrato do FCP com a Altice para a cedência dos direitos televisivos (e outras minudências - talvez audiências - mais...) Quase um mês depois do contrato do Benfica com a NOS.



Não sou muito adepto de comentar a "espuma" dos dias. Prefiro deixar assentar e depois dar a minha opinião. Mas neste caso a tentação supera a racionalidade. É uma espécie de Campeonato dos Contratos Televisivos! E quando se ouve ou lê "campeonato" é melhor falar...

Pelo que vi dos dois contratos, estes são difíceis de comparar, mas parece-me que em termos de "campeonato" os dois clubes venceram conseguindo os três pontos correspondentes. Veremos no final (é assim em todos os campeonatos) qual será campeão! Ambos venceram na celebração dos contratos. Mas só um vencerá daqui a 10/12 épocas. Aquele que tiver mais sucesso será aquele que soube fazer o melhor.

Vamos por partes.

Difícil comparação
Parece-me obra de adivinhação saber quem vai ter mais milhões. Por três motivos:
1.  Os contratos têm tempos de início e de terminar desfasados;
2.  Os contratos incluem "produtos" diferentes;
3. O contrato do Benfica com a Emirates (para a publicidade no equipamento à Fly Emirates) tem valores que não são do domínio publico embora haja sempre quem saiba "mais qualquer coisinha" .(clicar)

O que me parece (duas vitórias) 
Primeira. Que o contrato do Benfica é superior ao do FC Porto se os tornarmos comparáveis. Ou seja, juntando os contratos publicitários do principal patrocinador nas camisolas aos 400 milhões por uma década da NOS: média de 40 milhões ano começando em 36 milhões (2016/17) mais exploração da Benfica TV. Embora na publicidade nas camisolas, o Benfica tenha margem para fazer melhor ou pior (que o FCP) pois não tem actualmente uma cedência por um período tão longo. O FCP será Meo até final de 2022/23 enquanto o "Glorioso" será Fly Emirates até final de 2017/18. A seguir irá fazer um contrato que poderá (ou não) superar em muito os valores do FC Porto. Além disso o contrato da cedência dos direitos televisivos nos jogos em casa do FCP só terá início em 2018/19 enquanto o do Benfica começará em 2016/17. Tudo junto dá a aparência que o Benfica receberá mais que o FC Porto se os tentarmos tornar comparáveis;

Outra. Que o FC Porto ficou a ganhar em relação à "famosa" cláusula da Olivedesportos/Sport TV dos 80 por cento. A tal que indexava os contratos do FCP aos do SLB nunca podendo a Olivedesportos/Sport TV fazer contratos com o FCP inferiores a 80 por cento daqueles que estabeleceria com o "Glorioso". Por exemplo, 80 por cento de 500 milhões de euros são 400 milhões. Não me parece que o FCP vá receber menos 100 milhões que o Benfica, apesar de todas as condicionantes já apontadas. Aparentemente o FCP está mais "próximo" do nosso clube que os 20 por cento que os dirigentes portistas consideravam poder ser a distância de grandeza (neste assunto) do FC Porto frente ao SLB.

Visão Benfiquista
Perceber que o FC Porto está a "morder" os nossos calcanhares causa alguma "revolta". Até com 80 por cento já parecia estarem a sobrevalorizar o FCP, em relação ao "Glorioso" quando mais o que a situação actual contempla. Para mim o FCP nem 70 por cento vale. O Benfica é superior ao clube dos portistas a todos os níveis. Juntando tudo - história, palmarés, popularidade nacional e internacional, postura, transparência, eclectismo e audiências dos jogos televisionados, etecetra - o Benfiquismo dá "abada" no portismo! Depois "irrita" não ver essa diferença traduzida nas ma$$a$.

O que (realmente) interessa
É o modo como os milhões serão gastos. E principalmente os resultados desportivos. É para isso que serve - ou devia servir - o dinheiro no Futebol. Criar condições financeiras para realizar investimentos que permitam sucesso (títulos e troféus) desportivo. Ou seja, aquilo que se considera, ser o dinheiro "bem ou mal" gasto!

É aqui que se faz a diferença. É este o "campeonato" que o Benfica tem de conquistar.

E vai conquistar. O Benfiquismo (maior e melhor que o portismo) assim o permitirá.

Alberto Miguéns
5 comentários
comentários
  1. Feitas as contas, que são fáceis de fazer, utilizando valores aproximados mesmo sem saber os valores exactos, o contrato do Benfica vale pelo menos mais 200M ao longo dos 12,5 anos. Sem contar com notícia do Record de hoje.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os direitos televisivos, que são o que verdadeiramente está em causa, são contratados por valores equivalentes.
      Como o mercado potencial do Benfica é de mais de 50%, o porto não representará metade do valor de mercado do Benfica.
      LFV foi comido em toda a linha!

      Eliminar
  2. ESTE COMENTÁRIO ESCRITO PELO PORTO É IGUAL A VENDA DO HULK POR 60MILHOES E TANTOS OUTROS KE DIZEM TER VENDIDO POR UNS MILHOES E NO FIM VEM A VERDADE DE KE FOI POR MT MENOS ,AKI VAI SER IGUAL,MAS A MEO IA PAGAR ESSES MILHOES TODOS POR UM CLUBE KE NAO TEM ADEPTOS, SOCIOS NEM AUDIENCIA PR RECEBER ESSES VALORES...LOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E se pagar? Isso só significa que o Benfica negociou mal, LFV foi papado pelos parceiros privilegiados, como acontece nos negócios com o A.Madrid.

      Eliminar
  3. É...LFV enriqueceu a ser comido de cebolada. Que os outros 2 fizeram um negócio que eu não esperava, estou de acordo, mas não acredito que LFV fosse o 1º a negociar, mas sim o último.Vá lá que ele fizesse antes um pré-contrato para servir de base aos outros clubes para agora acertar as agulhas!
    Nas terras férteis nasce lá tudo o se planta.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail