A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

18/06/2014

Há Cem Anos Houve Águias a Nadar!?

18/06/2014 + 4 Comentários
POR ESTES DIAS, HÁ CEM ANOS, HAVIA GLORIOSOS A NADAR EM SETE RIOS


Que o Benfica é um clube ecléctico todos sabemos, se bem que nunca é de mais lembrá-lo. Com o Futebol como modalidade de paixão, com estreia em 1 de Janeiro de 1905, os nossos pioneiros viam mais e mais longe. Seguiu-se o Ciclismo (5 de Maio de 1906), Atletismo (2 de Dezembro de 1906), Ginástica (6 de Janeiro de 1913) e Natação (1914).

Há modalidades e modalidades
A Natação é uma das modalidades que não tem tido prática ininterrupta no "Glorioso". Das quatro iniciais depois do Futebol compara-se ao Ciclismo. A Natação exige condições técnicas mínimas (aprender a nadar e desenvolver a natação) e infra-estruturas (Piscina) que dificultaram durante muitos anos a sua existência dentro do Benfica. Apesar do "Sonho da Piscina" datar dos anos 30 apenas em 12 de Novembro de 1978 foi possível inaugurar a primeira piscina. E a actual é a segunda, inaugurada em 28 de Fevereiro de 2005. Este ano de 2014 marca o centenário da Gloriosa Natação, mas será a 79.ª temporada com "águias a nadar", 65 em competição e 46 ininterruptamente desde 1969.

Um Clube e cem anos de natação repartidos por quatro ciclos
A Natação existe no Benfica desde 1914, se bem que apenas haja registos da primeira participação em competição dois anos depois, em 16 de Julho de 1916 durando este período inicial até 1919. A modalidade foi retomada entre 1924 e 1938. Depois apenas em 1957 voltaram as "águias nadadores" mas sem competir até 1968. Foi em 1969 que a Secção foi reactivada mantendo-se até á actualidade, com períodos melhores e outros nem tanto, com destaque para uma década fantástica, entre meados dos anos 80 e início da década de 90 em que o Benfica elevou a Natação portuguesa ao seu melhor nível desde sempre, onde pontificaram Alexandre Yokochi e Sandra Neves, talvez os dois melhores nadadores - por género - portugueses de sempre!

Em 1914 começou a nadar-se em Sete Rios
Em final dos anos 40 um dos pioneiros da Gloriosa Natação prestou o seguinte depoimento a Mário de Oliveira e Rebelo da Silva aquando da elaboração da História do Benfica publicada em 1954 e que transcrevo da página 345 do I Volume:
«Em 1914, frequentava eu o campo de Sete Rios onde havia um velho tanque de rega para regas, junto a um poço. Dedicava-me, ao mesmo tempo, e intensamente, aos desportos de mar, sobretudo à natação, no Clube Naval de Lisboa, clube que tinha então a Sede e o posto náutico no Cais da Viscondessa, em Santos. O tanque despertou-me a ideia de introduzir a natação do S.L.B., o que comuniquei aos amigos benfiquistas, especialmente ao nosso capitão geral, Cosme Damião.»

No campo Sete Rios construído durante 1913 num terreno agrícola, a Quinta Nova, na Estrada de Palhavã. Atrás da baliza Este a estrutura de apoio ao tanque para rega. Ao fundo o casarão  das três janelas, assinalado a cinzento no mapa e junto dele o tanque circular onde começou - pode ter começado - a Natação no Benfica. Há cem anos ainda que com interregnos!

Inscrições para 2 de Agosto de 1914
O Clube inscreveu três sócios - Júlio Miranda, Manuel Florêncio e Carlos Chambers Ramos - para participarem numa prova de natação integrada no certame "Jogos Olímpicos Nacionais" marcada para 2 de Agosto. Não foram encontradas, ainda, notícias acerca de resultados ou mesmo se a participação chegou a efectivar-se. Manuel Florêncio estava até inscrito para mais de uma prova. Seja como for, mesmo que não houvesse estreia em competição, não é possível alguém inscrever-se numa modalidade tão técnica - saber nadar e fazê-lo bem - se não tivesse praticado antes e com afinco. Tudo leva a crer que há cem anos, por este tempo (Junho e Julho) havia azáfama no tanque junto à baliza este do campo de Sete Rios. Foi lá que as primeiras "águias nadadoras" se devem ter exercitado. Aliás Rogério Jonet (então associado n.º 1 do SLB em 1993) confirmou que o tanque era razoavelmente grande e suficientemente profundo para permitir a aprendizagem. E eles os futebolistas e associados utilizavam-no, até como balneário. Segundo disse Jonet - teria um metro e oitenta - quando o tanque estava a transbordar  ele ficava completamente submerso colocando os pés no fundo do tanque. Isto no tempo em que não havia qualquer piscina em Portugal e os clubes de Lisboa com actividade náutica alugavam "espaços entre cordas" nas docas do rio Tejo, próximas de Alcântara.

Num dos próximos textos e fotografias
A Gloriosa Natação entre 1914 e 1919.

O primeiro período das toucas vermelhas!

Alberto Miguéns

Plano para Junho
(Previsão sempre à meia-noite)
De 18 para 19: Álvaro Gaspar (1913/14 - A Glória Final);
De 19 para 20: Atenção ao "Futeluso - versão 2015";
De 20 para 21: Tanta e Tanta Glória Benfica (Golo 17 mil);
De 21 para 22: Eu Benfiquista no Museu do FCP by BMG (parte II);
De 22 para 23: Notícias da Nossa Selecção (parte II);
De 23 para 24: Tanta e Tanta Glória Benfica (Golo 22 mil);
De 24 para 25: Eu Benfiquista no Museu do FCP by BMG (parte III);
De 25 para 26: Tanta e Tanta Glória Benfica (Golo 27 mil);
De 26 para 27: Oitocentos Anos;

De 27 para 28: Gostava Tanto Que..
4 comentários
comentários
  1. T.C.C.E Natação8/1/15 17:42

    Alexandre Yokoshi é agora professor universitário nos Estados Unidos mas foi campeão mundial universitário, vice-campeão europeu júnior e sénior, tricampeão Latino, finalista olímpico, recordista ibérico e ajudou o Benfica a vencer a maior competição internacional colectiva que uma equipa portuguesa de natação já ganhou: A Taça dos Clubes Campeões da C.E.E.

    O Alberto Miguéns tem alguma informação sobre a Taça dos Clubes Campeões da C.E.E.? Nomeadamente sobre a competição desse ano e a história dessa prova.

    No sítio da LEN não há nenhuma referência, e seria interessante ter o contexto dessa vitória europeia única em Portugal. Já procurei neste blog mas também não encontrei nenhuma referência.

    Saudações benfiquistas!
    Sérgio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Sérgio

      A competição não é internacional. é uma competição nacional aberta a nadadores dos países da CEE. Foi realizada para comemorar a entrada de Portugal na CEE. Era bom era! Vencer uma competição com clubes campeões de países que são potências olímpicas e mundiais na natação? Era bom era!

      Gloriosas Saudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. T.C.C.E Natação8/1/15 21:42

      Muito obrigado pelo esclarecimento!

      Eliminar
    3. Mas vou tentar saber mais pormenores desse I Torneio de Natação dos Clubes de Países da CEE (1987)

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail