A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

01/06/2013

Museu Cosme Damião na Atalaia /Barquinha

01/06/2013 + 2 Comentários API
BENFIQUISMO


Quando chega o início de Junho - primeiro fim-de-semana - ou dia 10, feriado nacional é chegada a hora de rumar ao Museu do Benfica de Mário Leite Ferreira. Em 2013 completa 12 anos. A festa de aniversário é hoje, 1 de Junho. 

Mário Ferreira é daqueles entusiastas do Benfica que conseguem, por amor desinteressado ao Clube, sempre muito mais do que pensamos poder ser possível.

Numa família humilde, empregado por conta de outrém e família à sua responsabilidade o que é certo é que em vez de fazer da garagem sítio para guardar o automóvel, fez dela um magnífico museu, com espólio variado, ecléctico e interessante. 

Há fotografias variadas e inéditas, utensílios e equipamentos, jornais e cromos, cartões e bilhetes, expositores e vitrinas, tudo de A a Z, de tudo um pouco desde que relacionadas com o "Glorioso".

O Museu começou em 3 de Junho de 2001 numa pequena dependência da sua casa na Vila Nova da Barquinha. Depois rumou uns quilómetros mais adiante, à Atalaia, onde em 8 de Junho de 2008 passou a ter, e muito bem, o nome de um dos fundadores do Clube e a sua maior figura, mesmo passados 109 anos: Cosme Damião.

Há sempre uma figura ligada ao futebol do Clube, como convidada de honra. No ano passado foi Mozer, este ano será José Augusto.


Penso que fui convidado pelo Mário Ferreira logo em 2002. Poucas vezes faltei - em 2012 aconteceu... - a essa extraordinária Sagração de Benfiquismo que é comemorar o aniversário de um Museu do Benfica. É como renascer todos os anos. Aposto que Cosme Damião - que anda por lá em fotografias - gostaria de lhe fazer uma visita.

Desta vez levo-lhe uma "prenda diferente". Mas é segredo, nem o Mário Ferreira sabe disso. Mais uma prenda que passará a ser espólio, logo depois da oferta. É assim o Museu do Benfica do Mário Ferreira.

E                                      
PLURIBUS                  
UNUM                           Todos Por Um (p'lo Benfica)

Alberto Miguéns

NOTA: Ontem escrevi acerca da falta de rigor do Record, e disse que não há dia em que nesse jornal ou em "A Bola" (O Jogo não pode ser considerado um projecto jornalístico) não haja dezenas de erros - desinformação prestada aos leitores e pagantes - e raramente há um dia em que não se invente acerca do Benfica. Entre os vários erros nas edições de ontem do "Record" e "A Bola" destaco este retirado da página 8 deste diário que é um projecto pretensioso sui generis.


Eu que participei nas eleições do "Glorioso" , em 26 de Outubro de 2012, fiquei com a ideia que Rui Gomes da Silva foi eleito para o cargo de vice-presidente (efectivo). Eis que sete meses depois fiquei a saber que afinal é suplente. "A Bola" sempre bem informada sobrepõe-se à realidade. Feitios!

2 comentários
comentários
  1. E PLURIBUS UNUM é DE TODOS,UM ....algum rigor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tretas à século XXI

      Foi Félix Bermudes quem sugeriu a frase. E Félix Bermudes é explicito no verso do Hino (Ávante P´lo Benfica), para o qual escreveu a letra:

      "Todos Por Um!" - eis a divisa do velho clube campeão.

      O resto "De Todos, Um" é conversa da treta.

      Caro dosul mais informações e conhecimento. Dá sempre "jeito".

      Alberto Miguéns

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail