A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

24/12/2011

Vivam os Goleadores do Benfica (2)

24/12/2011 + 1 Comentários API
ESTATÍSTICA
             
   

video
             
Entre os goleadores sobressaem os que são dotados de forte remate e o sabem utilizar, podendo marcar golos de longa distância, que em futebol costuma definir-se por um golo marcado com um remate fora da grande-área (ou área da grande penalidade).

O futebol nasceu simples, apenas, com um rectângulo sem áreas interiores
É bom saber que sendo o futebol inventado, em 26 de Outubro de 1863, a possibilidade do jogador que estivesse mais perto da baliza tocar a bola com as mãos sem ser marcado livre foi estabelecida, três anos depois, em 1866, e em 1877, a obrigatoriedade desse jogador vestir um equipamento que o diferenciasse dos restantes. A grande-área (e a grande penalidade) foi criada em 1891, 18 anos depois e a pequena-área ou área de protecção ao guarda-redes apenas em 1907, já o “Glorioso” contava três anos.

Dos melhores pontapés “bojarda”
O Benfica tem tido ao longo da sua notável história dos melhores executantes de pontapés fulminantes, com destaque para Henrique Costa (anos 10), Vítor Hugo (anos 20), Valadas (anos 30/40, o primeiro exímio executante a que apelidaram VÁ-LÁ-DAS-BRASAS), Coluna (anos 50) e depois, claro, o fantástico Eusébio (anos 60/70) que colocou a fasquia demasiado alta, deixando de se poder fazer comparações. Quem é que vai conseguir aproximar-se dos 166 golos de fora da grande-área!?

A beleza única de um “petardo”
Os golos fora da grande-área têm um “sabor especial”, pois são obtidos a 17/23 metros da baliza (dificilmente mais do que isso, pois o limite frontal da grande-área está a 16.50 metros (18 jardas) da linha de golo e o limite da “meia lua” a 20.15 metros/ 22 jardas (11.00 metros (12 jardas) até à marca de grande penalidade e 9.15 metros (10 jardas) a partir dela…)


O nosso Cardozão é destes…
Para além de serem os golos menos vulgares (mais raros) daí serem sempre motivo de prazer acrescido, têm ainda a beleza da geometria pelas trajectórias, velocidade e colocação da bola fora do alcance dos guarda-redes. Parecendo mais fáceis de defender tornam-se impossíveis, retirando aos guarda-redes a responsabilidade do golo, dando o mérito total ao marcador. Cardozo além de goleador (16.º no total de remates certeiros pelo Benfica) marca também muitos golos de longas distâncias. Actualmente, com 24 tentos, é o 10.º melhor a conseguir esses remates portentosos que dão golo, conseguindo um valor de 18 por cento em relação aos 134 golos que já facturou de “Manto Sagrado”. Ainda nesta temporada de 2011/12 – faltam cinco - pode igualar José Águas e Simão, ambos com 29 golões.


video
 

LISTA DE HOMENAGEM AOS 25 MELHORES GOLEADORES DO “GLORIOSO”

           GOLOS FORA DA GRANDE-ÁREA
N.º
Futebolista
G
TG
%
Épocas
1
Eusébio
166
638
26
(15) 1960/61 – 1974/75
2
Rogério Carvalho
61
288
21
(12) 1942/43 – 1953/54
3
Coluna
47
150
31
(16) 1954/55 – 1969/70
4
Valadas
36
218
16
(11) 1934/35 – 1944/45
5
Carlos Manuel
32
74
43
(9) 1979/80 – 1987/88
6
Arsénio
31
309
10
(12) 1943/44 – 1954/55
7
José Águas
29
483
6
(14) 1949/50 – 1962/63
8
Simão
29
96
30
(6) 2001/02 – 2006/07
9
Julinho
27
272
10
(11) 1942/43 - 1952/53
10
Cardozo
24
134
18
(5) 2007/08 – 2011/12
11
Diamantino Miranda
22
96
23
(9) 1979/80; 1982/83 – 1989/90
12
Francisco Rodrigues
21
107
20
(3) 1939/40 – 1941/42
13
Mendes
21
34
62
(6) 1957/58 – 1962/63
14
Nené
21
473
4
(18) 1968/69 – 1985/86
15
Santana
20
93
21
(12) 1956/57 – 1967/68
16
José Augusto
20
205
10
(11) 1959/60 – 1969/70
17
Isaías
19
83
23
(5) 1990/91 – 1994/95
18
Shéu
18
57
32
(17) 1972/73 – 1988/89
19
Espírito Santo
17
199
9
(14) 1936/37 – 1949/50
20
Salvador
17
47
36
(6) 1954/55 – 1958/59
21
Pacheco
16
69
23
(6) 1987/88 – 1992/93
22
Corona
15
100
15
(7) 1946/47 – 1952/53
23
Cavém
15
125
12
(14) 1955/56 – 1968/69
24
Simões
15
90
17
(14) 1961/62 – 1974/75
25
Toni
15
38
40
(13) 1968/69 – 1980/81
NOTA: Percentagem de golos fora da grande-área no total de golos marcados

Obrigado futebolistas do “Glorioso”. A nossa eterna gratidão por tantos e tantos momentos de glória.

Alberto Miguéns

NOTA: No EDB entre 23 de Dezembro de 2011 e 5 de Janeiro de 2012 o reconhecimento ao valor dos nossos futebolistas com a publicação de onze listagens.

Plano da Homenagem:

PUBLICADO:
23 de Dezembro -        Todos os Golos
24 de Dezembro -        Golos Fora da Grande-área

A PUBLICAR
Amanhã             -        Golos no Campeonato Nacional
26 de Dezembro -        Golos de Livre-directo (fora GA)
27 de Dezembro -        Golos nas Competições Europeias
28 de Dezembro -        Golos de Grande penalidade
29 de Dezembro -        Golos na Liga dos Campeões
30 de Dezembro -        Golos de Cabeça
31 de Dezembro -        Golos na Taça da Liga
  2 de Janeiro     -        Golos de Bola Parada
  5 de Janeiro     -        Golos em Competições Oficiais

1 comentários
comentários
  1. Quero desejar a todos os membros deste fantástico blogue os meus votos de um Santo e Feliz Natal.

    Um abraço especial ao Mingués e o Melo

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail