Rui Costa Dás-me Um Autógrafo! Dás, Dás! | Em Defesa do Benfica -->
A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o SL Benfica e a sua Gloriosa História. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

29/07/2021

Rui Costa Dás-me Um Autógrafo! Dás, Dás!

29/07/2021 2 Comentários

POUPEM-ME A CONVERSAS DE ENGONHANÇO.





O tom patético por ser paternalista de um pivô televisivo menorizou o presidente, em exercício - até à convocação de Eleições - da Direcção do «Glorioso».

Por favor!


Alberto Miguéns


NOTA: Pela hora habitual escreverei acerca desta conversa de entretenimento

2 comentários
  1. BENFICA GALÁCTICO ESTRATOSFÉRICO

    Uma oportunidade, de um Benfica de dimensão Universal, se reerguer, se dimensionar na Europa e no Mundo. Pensar o melhor para o GLORIOSO é crucial, depois da dimensão LFV, a aldrabice da OPA, e da venda de ações da
    SAD do Benfica, pela porta do cavalo, a um empresário americano numa dimensão proporcional a LFV e ao Rei dos Frangos, um tal John Textor, á dimensão dos outros intervenientes no negócio, coloca-se agora a questão de que essas ações na mão dessa gente vale pouco ou nada e não nos dimensionam num Universo empresarial cada vez mais Global, e onde desejamos ser líderes e estarmos entre os melhores e não nas mãos de uns xicos espertos sem dimensão, não esqueçam que o Benfica foi a única empresa de LFV que deu LUCRO, não pelos seu dotes empresariais, mas pela NOSSA dimensão, por aquilo que significamos em portugal e no mundo.
    Aproveitar o momento de escolhermos parceiros, pode ser uma oportunidade,
    abordarmos a ALIBABA, empresa chinesa,quotada no mercado Americano:BABA (NYSE) no comércio electrónico e não só, com uma facturação anual de 110,87 biliões de dollars, que nos poderia colocar os produtos Benfica existentes e aqueles que poderiam ser criados num mercado de dimensão estratosférica, associarmos aos parceiros também hipotéticamente a NIKE, empresa também com um mercado de vendas com o valor ano de 44,54 biliões de dollars e finalmente associaria a Flight Emirates, que poderia articular a visita de muitos asiátios a Lisboa para visitarem a catedral, poderia ainda acrescentar a empresa TENCENT, chinesa também na bolsa dos Estados Unidos e líder no mercado de conteúdos de entretenimento na china. Enfim existem muitas hipóteses a acrescentar a estas, ou mesmo alterá-las,mas para o GLORIOSO devemos desejar o melhor, um nível de exigência máximo, tanto no aspecto desportivo como económico, alterar paradigmas, e nos dimensionar no universo actual, criando e sermos líderes de inovação e criação de um projecto de  sucesso. Todos os Benfiquistas devem ter a oportunidade de participarem, de exporem ideias, e terem uma direção que nos represente, nos dignifique e que HONRE a grandeza do GLORIOSO, Somos portugueses, dos descobrimentos, inovadores , criadores, quando um desafio se nos coloca enfrentamos, navegamos e contra os canhões marchamos, marchamos e descobrimos novos mundos. É tempo de UNIÃO entre Benfiquistas, não de desunião. Entretanto reveja-se os Estatudos do CLUBE, o acto eleitoral, os requisitos para membros da direção, as Assembleias Gerais, e a nomeação dos orgãos de Fiscalização do Clube serem eleitos de forma independente das listas para a eleição da Direção.
    Os tais 25  %, que estão na mão do Rei dos frangos, pode ser adquiridas pelo Benfica, e posteriormente vendidas, ou negociar diretamente com investidores incluindo no negócio o Rei dos frangos, até pode ganhar algum, como investidor , que supera a costela benfiquista, sem comissões dos intermediários do Benfica, um negócio transparente , de acordo com as deliberações dos Estatutos e duma votação em Assembleia Geral.Discutirmos ideias de forma clara e transparente e não pessoas, depois avaliarmos as ideias dos presumíveis candidatos , para finalmente votarmos, escolhermos alguém que nos represente, que seja competente, benfiquista, disponível para servir ,que tenha a confiança dos sócios e esteja em sintonia com os superiores interesses do GLORIOSO." E PLURIBUS UNUM"


    Jose HG

    ResponderEliminar
  2. Rui Costa não faz parte da solução.Ao dizer que não refere o Verão quente de 1993 ou o regresso ao SLB sem receber por isso, é referir o que diz não referir. Além de que apela de novo ao amor ao clube, coisa incipiente uma vez que o anterior presidente também chorava na tv e referia a família.Que se passa com dirigentes e treinadores do SLB que referem contextos familiares e recorrem facilmente ao emocionalismo?Propaganda.

    ResponderEliminar

Apoio de: