A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

10/12/2016

Glorioso Emblema

10/12/2016 + 11 Comentários API
EIS A PROPOSTA APRESENTADA POR SEIHKAT (através do seu amigo Benfiquista leitor deste blogue Caeiro do Rosário) AO DESAFIO AQUI LANÇADO EM 22 DE NOVEMBRO DE 2016 (clicar).




O objectivo não é substituir o emblema actual do Clube como é óbvio. Isso é da responsabilidade dos associados do SLB não é dos blogues. Neste blogue pretende-se escrever acerca da simbologia do(s) emblema(s) do “Glorioso” desde o seu início. Para tal é necessário ter um emblema que possa servir pedagogicamente para tal.

Apenas uma ideia de um criativo acerca do emblema
Mas assente em três pilares:

1. Respeitar o que está regulamentado acerca dos símbolos do clube

Que foi aprovado em assembleia geral pelos associados do SLB. E que se publica a seguir (ver Art.º 7.º - pontos 1 a 8, com destaque para o 5 que não é respeitado no actual símbolo): 


(clicar em cima da página 2 para obter melhor visualização/leitura)


2. Modernizar o emblema
Apesar do Clube Centenário o emblema tem sido modificado em vários momentos, os mais significativos em 1908 (junção de dois clubes), 1911 (mudança das cores nacionais), 1929 (Bodas de Prata) e 1998 (actual). Há pormenores que no século XXI (década e meia depois de iniciado) fazem sentido alterar.



3. Requalificar a imagem da Águia
Não é preciso ser um especialista em zoologia, nem em "aguiologia" para perceber que uma águia nada tem a ver com a ave que encima o emblema actual. Basta olhar para a águia que sobrevoa a “Catedral” para perceber, entre muitos outros aspectos, que as asas de uma ave de rapina são de uma nobreza ímpar, por isso caça - mesmo a voar - ao contrário das asas da suposta águia do actual emblema que são de uma ave caçada nunca de uma ave caçadora. Jamais uma ave de rapina tem aquela estrutura nas suas asas, o principal atributo para que seja temida, além do bico que numa ave de rapina não é em turquez mas adunco. Tem olhos grandes, penetrantes, em pernas robustas e patas fortes servidas de garras afiadas, encurvadas, temíveis. A representação da Gloriosa Águia tanto pode ser em silhueta, mais ameaçadora e imperial como mais biológica e real. Optou-se por esta com as características daquela.





O Mundo das Aves de Rapina é um Mundo à Benfica como Ideal  dos Fundadores de 1904 que a escolheram (Clicar) e "rolar" na capa do livro para obter página-a-página.



Viva o Benfica!

Alberto Miguéns

NOTA: Até ao 113.º aniversário do Clube, em 28 de Fevereiro de 2017, este blogue continua a aceitar propostas para dotar o cabeçalho do mesmo com uma outra ideia de emblema. Será que é possível melhorar o que está apresentado hoje? Será que há outra ideia que lhe seja superior ou alternativa? Sempre dentro dos três pilares citados!

OBSERVAÇÃO PESSOAL: Cada um de nós faria um emblema "à sua maneira". Eu desta excelente proposta só faria três alterações (se as soubesse fazer)

Bico mais temerário:


Roda da bicicleta (que deixou ser pneu de mota quase automóvel) com diâmetro menor tal como a bola entre o escudo vermelho/branco e o listão SLB que parece mais de basquetebol que de futebol 


E sempre que possível uma águia adaptada à realidade do ecossistema português onde ela habita (clicar) (clicar)





11 comentários
comentários
  1. Parabéns pela iniciativa. Não concordo com algumas críticas que faz ao símbolo actual, nem acho que se deva mexer muito, mas claramente há espaço para evoluir, tendo como base a descrição original.

    Será que é impossível um grupo de sócios levar um novo símbolo a votos numa AG? Ou forçar a direcção a criar vários símbolos para então os sócios votarem no seu preferido?

    Sérgio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Sérgio

      Duvido.

      Actualmente a maioria dos associados do Benfica deixaram de se preocupar com o Clube no seu todo. Interessa-lhes o cuspo, os voucheres, o que é que vai ser a capa dos jornais do dia seguinte, os programas de segunda-feira (qualquer dia até os jogos contam pouco). O que lhes interessa - para as discussões do dia-a-dia - é a espuma dos dias. Deixaram de perceber que um clube é o conjunto dos dos seus associados. Vêem nos dirigentes os seus patrões e no cartão de associado um símbolo de fidelização a descontos e promoções. Há excepções, mas são isso mesmo.

      Por isso o emblema actual não respeita o que os associados decidiram em assembleia geral e está regulamentado. Ninguém quer saber disso. Isso é um não-assunto.

      Esperemos que o Benfica mude. E que os sócios percebam que são eles o Benfica. O Clube nasceu com 24. Se não tivessem existido não havia Clube. Nem em 1904, nem em 2016.

      TRIsaudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. Sou obrigado a concordar. A meu ver algumas questões (ainda mais relevantes que a do símbolo) poderiam ser resolvidas com relativa facilidade se os benfiquistas, e nem precisavam de ser muitos, se sentissem realmente responsáveis pelo presente e futuro do clube. Infelizmente existe uma enorme dificuldade em ver além dos programas estupidificantes e críticas inconsequentes.

      Sérgio

      Eliminar
  2. Gosto bastante apesar de alguns pequenos detalhes que poderiam ter outra solução gráfica. Digo isto se calhar por me ter habituado ao actual emblema oficial:

    1 - o tamanho da Águia parece-me algo desfavorecido em relação à roda da bicicleta

    2 - A bola de futebol parece-me um pouco maior do desejável.

    Globalmente este emblema é bastante atraente. Gosto de ter desaparecido a moldura do escudo. Gosto por as linhas serem simples e bonitas. A roda de bicicleta está agora muito melhor. Gosto essencialmente porque respeita o Regulamento.

    Nestas coisas o melhor é sempre haver várias propostas para escolha. Esta proposta tem muitos méritos. Se houver mais gente interessada será ainda mais interessante esta iniciativa do Alberto.

    ResponderEliminar
  3. Um reparo; os pneus da roda da bicicleta tem que ser azul?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Viriato de Viseu

      artigo 7.º ponto 1. Cinzento-prateado.

      Nunca tinha reparado que havia um ilustre lusitano daltónico!
      Ah!Ah!Ah!

      TRIgloriosas (a caminho de TETRA) Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  4. Por mim, fica como está.
    O Atlético mexeu, e era só comentários dos adeptos completamente irritados com a tomada de decisão.

    ResponderEliminar
  5. Paulo Sousa11/2/17 20:15

    A versão anterior do emblema roçava a perfeição, nunca entendi a mudança para pior. Diz-se que gostos não se discutem, algo que não concordo, concordo é que não vale a pena discutir com quem tem mau gosto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Paulo Sousa

      E feito à socapa. Lembro-me de falar com Benfiquistas quando foi feita a mudança e ninguém se ter apercebido disso. Até porque há 15 anos o emblema era menos visível que hoje pela facto de não haver internet em "catadupas" nem vendas de produtos com o símbolo. E depois poucos se importaram com isso. E já estou a falar de associados que são sempre eles que fazem o Clube.

      TRIgloriosas Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. Permita-me discordar de ambos.
      O simbolo actual esta lindo e moderno, não houve uma alteração assim tão grosseira como em outros clubes. Foi uma mudança subtil que muitos nem reparam na diferença e é assim que tem de ser. Na minha opinião quando olho para o anterior simbolo, vem me à lembrança imagens de objectos antigos, de notar que nasci nos primeiros anos da década de 80.
      Concordo é que deveria-se perceber que a águia que esta representada é uma águia existente em Portugal, quanto muito deveria ser a representação de maior e mais poderosa águia a voar nos céus europeus e nunca uma aguia americana (que como todos sabemos quando se fala em aguia, é logo essa que nos vem à cabeça).
      Em relação à bola. Porque uma bola de futebol dos anos 80? A que esta no simbolo representa uma da primeiras bolas usadas nos tempos em que o clube foi fundado. Mas se dizem que se parece uma bola de basquetebol, ainda bem, tal como a roda simboliza o ecletismo do nosso clube. Ou seja aquilo que os benfiquistas e o clube mais deveriam fazer, que é pensar em mais do que na equipa de futebol. O Benfica é mais do de 11 jogadores. O Benfica é rugby, hoquei, andebol, basquetebol. Saudações a todos.

      Eliminar
  6. Caro Anónimo

    Mas quem devia decidir alterar o símbolo são os associados em assembleia geral. Não é este blogue.

    O que acontece é que o actual símbolo é uma alteração do anterior que vigorou entre 1929 e 1998 e foi alterado sem que os associados se pronunciassem. E deixaram. E não deviam ter deixado. Primeira alterava-se o regulamento por respeito aos associados que o criaram e votaram.

    Como pode ver no regulamento publicado o símbolo actual viola o que os associados do Clube regulamentaram em dois pontos:

    1. A Águia não está a agarrar o listão e a erguê-lo para o Céu, tendo como simbologia elevar o Clube (como está escrito numa das estrofes do Hino). Era essa a ideia dos fundadores. Além de violar o Regulamento do Clube (ponto 5) viola o ideia dos fundadores;

    2. A roda não é de uma bicicleta (ponto 1) é de uma moto ou dá essa ideia.

    Isto são questões factuais. Depois temos as questões estéticas. A ave que encima o emblema actual não é uma Águia como qualquer pessoa minimamente entendida percebe. Aquilo são asas esponjosas de uma ave - só não digo o nome dessa ave por respeito ao emblema porque é esse emblema que conta - que tem pouca capacidade para voar. Depois não tem penas no corpo, tem bicos a sair de um corpo em forma de pêra. Não tem um bico de rapina tem uma turquez. E tem uma postura de desleixo pousada em cima de uma roda (que falta de imaginação), como que a escorregar e de pernas escancaradas. Uma Águia merece ser melhor representada. Nada tenho contra quem gosta dessa águia, eu não gosto, mas o que causa mais incómodo é violar o Regulamento aprovado por nós, os associados. De outras gerações mas se não formos nós a zelar para que se cumpra o que eles decidiram quem o fará?

    TRIaudações Gloriosas

    Alberto Miguéns

    NOTA: O número onze é apenas simbologia. Porque a principal actividade é, sempre foi e sempre será o Futebol. Se um emblema não fosse simbologia cada vez que o Clube deixava de ter Ciclismo retirava a roda!

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail