A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

02/03/2014

Obrigado! Querido! Benfica!

02/03/2014 + 1 Comentários
HISTÓRIA



Atletismo: muito bem
No 91.º campeonato nacional de atletismo, em corta mato, a nossa jovem, mas dinâmica e forte equipa (Rui Pinto em 2.º lugar absoluto é sub23!), era favorita e confirmou, com a conquista do bicampeonato nacional, 21.º de sempre, na pista pedestre, na simpática cidade de Pombal. Em glória. (H)À Benfica!


Dulce Félix venceu a competição feminina pela 5.ª vez consecutiva (primeira pelo "Glorioso")


Estreia: 2 de Dezembro de 1906
Na 109.ª época a praticar a modalidade, e ininterruptamente, o “Glorioso” é o clube português que pratica atletismo há mais épocas.

LISTA DE CAMPEONATOS NACIONAIS
(últimas treze temporadas)
Época
Pista
Ar Livre
Pista Coberta
Corta-Mato
Absoluto ou Longo
Estrada
2002
Sporting CP
Sporting CP
Maratona CP
GDR Conforlimpa
2003
Sporting CP
Sporting CP
Gémeos Castro
GDR Conforlimpa
2004
Sporting CP
Sporting CP
Maratona CP
GDR Conforlimpa
2005
Sporting CP
Sporting CP
GDR Conforlimpa
GDR Conforlimpa
2006
Sporting CP
Sporting CP
GDR Conforlimpa
NR
2007
Sporting CP
Sporting CP
Maratona CP
GDR Conforlimpa
2008
Sporting CP
Sporting CP
GDR Conforlimpa
GDR Conforlimpa
2009
Sporting CP
Sporting CP
GDR Conforlimpa
Maratona CP
2010
Sporting CP
Sporting CP
GDR Conforlimpa
GDR Conforlimpa
2011
SL BENFICA
Sporting CP
GDR Conforlimpa
GDR Conforlimpa
2012
SL BENFICA
SL BENFICA
Maratona CP
Maratona CP
2013
SL BENFICA
SL BENFICA
SL BENFICA
SL BENFICA
2014
Junho/2014
(Previsão)
SL BENFICA
SL BENFICA
SL BENFICA
Totais
de sempre
SCP
48
SCP
16
SCP
44
Conforlimpa
11
SLB
25
SLB
5
SLB
21
Maratona
4
FCP
2
Maratona
11
SLB
3
Conforlimpa
6
Terbel
2
Belenenses
4
SCP
1
SC Imperio
1
Sel. Lisboa
1
Ven. Jornais
1
AFC (Porto)
1
Gém. Castro
1

E…
Mais cinco triunfos consecutivos na Taça dos Clubes Campeões Europeus de Estrada, em 1988, 1989, 1990, 1991 e 1992.

 Começar bem...
Depois teve fases!

Francisco Lázaro campeão nacional na I edição em 1911
Manuel Dias campeão nacional em 8 edições (cinco pelo Benfica, em 1932, 1933, 1934, 1936 e 1937


João Silva (comanda o grupo) campeão nacional em 1944, 1945 e 1946
José Araújo campeão nacional em 1954

Maximiano Pinheiro campeão nacional em duas ocasiões - uma pelo "Glorioso" em 1961


Anacleto Pinto campeão nacional em 1966

Aniceto Simões campeão nacional em 1975
António Pinto campeão nacional em 1992
CAMPEONATO NACIONAL DE CORTA-MATO
(TRIUNFOS DO SL BENFICA)
NOTA: Infelizmente não posso apresentar o quadro com o pormenor que queria, pois desejava colocar as melhores classificações individuais e colectivas do "Glorioso" mesmo quando um dos nossos e a nossa equipa não triunfaram. Tenho essa informação que recolhi aquando do Centenário do Atletismo (2006) que assinalei com 22 artigos no nosso Jornal "O Benfica". Entretanto afastei-me fisicamente dos papéis com essa recolha - estão no sótão da minha casa na aldeia natal (Montalvão) - e como tal só quando lá for (pelo Verão que agora está muito frio e chuva) completo este quadro. Faltam as classificações em 1923, 1951, 1953 e 1963. De certeza que daqui a um ano quando voltarmos a conquistar o título estará completo. E espero ter mais "trabalho" publicando o da equipa feminina de atletismo, porque acredito na vitória em 2015.

Ano
Individual
Colectivo
1911
Francisco Lázaro
(3.º)
1912
NP
NP
1913
(2.º)  Adelino Ferreira
1.º T
1914
NR
NR
1915
NR
NR
1916
NR
NR
1917
NR
NR
1918
NR
NR
1919
NR
NR
1920
NR
NR
1921
NR
NR
1922
(5.º) Artur dos Santos
(AAL)
1923


1924
NR
NR
1925
NR
NR
1926
NR
NR
1927
NR
NR
1928
(3.º) Armando Silva
(3.º)
1929
NR
NR
1930
(4.º) Filipe Amorete

1931
(7.º) Armindo Farinha
NC1
1932
Manuel Dias
2.º T
1933
Manuel Dias
3.º T
1934
Manuel Dias
4.º T
1935
(2.º) Manuel Dias
(2.º)
1936
Manuel Dias
5.º T
1937
Manuel Dias
6.º T
1938
(2.º) Manuel Dias
(2.º)
1939
(5.º) Tiago Ribeiro
(2.º)
1940
(3.º) José Abreu
(2.º)
1941
(2.º) Manuel Dias
(2.º)
1942
(2.º) Joaquim Correia
(2.º)
1943
(3.º) Jaime Miranda
(2.º)
1944
João Silva
7.º T
1945
João Silva
8.º T
1946
João Silva
9.º T
1947
(2.º)  Manuel Gomes
10.º T
1948
(2.º)  Manuel Gonçalves
(2.º)
1949
(3.º)  José Araújo
(2.º)
1950
(5.º)  Claudino Martins
(2.º)
1951


1952
(4.º)  José Araújo
(2.º)
1953


1954
José Araújo
11.º T
1955
(2.º)  Júlio Silva
12.º T
1956
(2.º)  José Araújo
13.º T
1957
(2.º)  António Ventura
14.º T
1958
(2.º)  José Araújo
15.º T
1959
(4.º)  Hélio Duarte
(2.º)
1960
(4.º)  José Araújo
(2.º)
1961
Maximiano Pinheiro
(2.º)
1962
(5.º) Maximiano Pinheiro
(2.º)
1963
(3.º) ?
(2.º)
1964
(2.º) Manuel Marques
16.º T
1965
(5.º) Manuel de Almeida
(2.º)
1966
Anacleto Pinto
(2.º)
1967
(2.º) Quinaz Pereira
(2.º)
1968
(9.º) Carlos Tavares
(2.º)
1969
(15.º) Américo Cabiça
NC.2
1970
(11.º) António Nuno
(2.º)
1971
(7.º) Carlos Tavares
(2.º)
1972
(4.º) Rui Lourenço
(2.º)
1973
(4.º) Tavares da Silva
(2.º)
1974
(3.º) Anacleto Pinto
(2.º)
1975
Aniceto Simões
17.º T
1976
(4.º) Hélder de Jesus
(2.º)
1977
(4.º) Vasco Pereira
(2.º)
1978
(6.º) Hélder de Jesus
(2.º)
1979
(6.º) José Abreu
(2.º)
1980
(4.º) Anacleto Pinto
(2.º)
1981
(2.º) Héder de Jesus
18.º T
1982
(4.º) Delfim Moreira
(2.º)
1983
(3.º) António Leitão
(2.º)
1984
(3.º) João Campos
(2.º)
1985
(3.º) António Leitão
(2.º)
1986
(2.º) António Leitão
(2.º)
1987
(5.º) Luís Horta
(2.º)
1988
(6.º) Henrique Crisóstomo
(3.º)
1989
(4.º) Joaquim Silva
(2.º)
1990
(3.º) Carlos Monteiro
19.º T
1991
(7.º) Juvenal Ribeiro
(3.º)
1992
António Pinto
(2.º)
1993
(9.º) Henrique Crisóstomo
(3.º)
1994
NP
NP
1995
NP
NP
1996
NP
NP
1997
NP
NP
1998
NP
NP
1999
NP
NP
2000
NP
NP
2001
NP
NP
2002
NP
NP
2003
NP
NP
2004
NP
NP
2005
NP
NP
2006
NP
NP
2007
NP
NP
2008
NP
NP
2009
NP
NP
2010
NP
NP
2011
NP
NP
2012
NP
NP
2013
(2.º)   Alberto Paulo
20.º T
2014
(2.º)   Rui Pinto
21.º T

NOTA: NR - Não se realizou neste ano;
NP - O "Glorioso" não participou;
NC1 - A equipa não se classificou (excesso de desistências);
NC2 - A equipa não se classificou (falta do número mínimo de inscritos, apenas quatro quando o mínimo eram cinco);
Em 1922 a competição nacional foi disputada pelas selecções regionais, com vitória de Lisboa integrada por atletas do Benfica;

Em 1987 o Benfica protestou a participação do atleta do Sporting CP classificado em 12.ª lugar (João Lopes da Silva) que permitiu conquistar o título de campeão nacional, por estar proibido de competir pela FIAA por ser sul-africano e competir no regime do "apartheid". A FPA pactuou com esta indignidade não dando provimento ao protesto do Benfica!

NOTA: Quem quiser ocupar bem o tempo a tomar conhecimento do "Mundo do Atletismo" deve consultar o portal: www.atletismo-estatistica.pt da autoria do inexcedível jornalista Benfiquista, Sócio de Mérito do "Glorioso",  Manuel Arons de Carvalho. Em terra de tantas inexactidões confiança absoluta na informação deste magnífico portal

Mais títulos? Na segunda modalidade mais antiga do "Glorioso"? À vontade...

Alberto Miguéns


1 comentários
comentários
  1. Alberto,

    Naquela promessa eleitoral do LFV sobre um determinado número de troféus nos próximos (naquela altura) 4 anos, sabes às quantas andamos?

    Estou muitíssimo contente com este troféu da nossa secção de atletismo! É continuar com esta hegemonia recente por muito mais tempo e porque não trabalhar num projecto olímpico? Criar referências olímpicas nacionais para competirem por medalhas ao mais alto nível nesta modalidade que tem tantas tradições portuguesas nas olímpiadas?

    FORÇA GLORIOSO!

    =D

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail