A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

26/02/2014

Glória Eterna Coluna (19)

26/02/2014 + 2 Comentários API
OPINIÃO

Com Coluna a caminho dos 35 anos chegou ao fim o "casamento futebolístico" entre o futebolista e o clube que lhe deu as condições para ficar Eterno. E ele... aproveitou! O início de um jogo que depois ficaria "tristemente famoso" com o sorteio por moeda ao ar para apurar o clube que seguiria para os quartos-de-final da Taça dos Clubes Campeões Europeus

A derradeira temporada de Coluna no "Glorioso" em 1969/70 não correu de feição. E as dificuldades com o comando técnico da equipa, acabariam por ditar a saída "a meio da temporada" do futebolista do Clube.

Saída após a 18.ª jornada
Com uma campanha deficitária no campeonato nacional que terminaria perdido, Coluna era dos mais utilizados até à 18.ª jornada, numa edição com 26 jornadas, quando Otto Glória saiu e a escolha recaiu no jogador José Augusto. Depois da 18.ª jornada, e antes da sua saída, Coluna era o 4.º mais utilizado: 1935 minutos em 15 jogos com um golo. Apenas Humberto Coelho, Malta da Silva e Toni tinham mais tempo de utilização.

Foi o capitão da "moeda ao ar"
Coube a Coluna a ingrata missão de participar no sorteio da passagem aos quartos-de-final, em 26 de Novembro de 1969, quando após vitória na "Saudosa Luz" a empatar a eliminatória, a meia-hora de prolongamento nada alterou. Seguiu-se o sorteio da passagem à eliminatória seguinte, com lançamento de moeda ao ar, na cabine da equipa de arbitragem. Do lado do "Glorioso" estiveram o capitão Coluna e o dirigente, delegado ao jogo, Francisco Calado, Glória do Futebol Benfiquista, companheiro de equipa e plantel de Coluna nos anos 50. Infelizmente os dois Benfiquistas que viveram esse momento de tristeza e azar já partiram do nosso mundo.

Nem jogou qualquer encontro na Taça de Portugal
Quando Coluna saiu do Futebol Benfiquista ainda não se tinha disputado qualquer encontro para a Taça de Portugal que o Benfica viria a conquistar no final da temporada, numa equipa superiormente orientada pela Glória José Augusto.

Final de linha
Em 8 de Fevereiro de 1970 chegou ao final a carreira de Coluna enquanto futebolista do "Glorioso".

1969/70
Competições
Jogos
Golos
Adversários
Golos
TOTAIS
23
1


Campeonato Nacional
15
1


Taça Clubes Campeões Europeus
4
-


Torneio de Lourenço Marques
2
-


Particulares nacionais
2
-


NOTA: A vermelho troféus (e/ou) títulos conquistados

NOTA: Erradamente, como lhes é habitual quando se metem em contas e estatísticas, os media "entregam" a Coluna uma 7.ª Taça de Portugal que ele nunca jogou sequer um segundo. Trapalhadas de gente medíocre. Mais papistas que o Papa.

Alberto Miguéns
             
NOTA FINAL: Em Defesa do Benfica declara luto pelo falecimento de Coluna, com um fumo negro sobre o rosto do EDB. E em homenagem ao Eterno Capitão o EDB evocará de hora a hora durante as próximas 20 horas (até às oito horas da noite) o percurso desportivo de um futebolista inigualável.
2 comentários
comentários
  1. Bom dia
    Sou leitor assíduo do em defesa do Benfica e gostaria de saber quantas taças de portugal ganhou o Mário Coluna.
    Ainda ontem estive a rever o vitorias e património sobre o Coluna e atribuíam-lhe 7 taças de Portugal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Gonçalo Romeu

      Como pode ver no quadro acima em 1969/70 o Benfica conquistou o troféu, mas o Coluna não fez um único jogo, pois saiu com o Otto Glória em 8 de Fevereiro de 1970 e o primeiro jogo na Taça de Portugal foi em 15 de Fevereiro. Logo Coluna não fez sequer um segundo nessa edição da Taça de Portugal. Assim não pode estar em sete Taças de Portugal. Não contribuiu para ela.

      Quase todos os episódios do V&P têm erros. Como as pessoas não têm a informação deixam-se enganar. Quem tem o dever de não enganar está-se borrifando, faltando ao respeito a quem paga.

      É a vida!

      Gloriosas Saudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail