A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

24/03/2014

Está Mais Perto

24/03/2014 + 0 Comentários
OPINIÃO

1-0 por Lima (Golo-rioso n.º 12 631)


2-0 por Lima (Golo-rioso n.º 12 632)


3-0 por Enzo Perez (Golo-rioso n.º 12 633)


Menos uma jornada, mais três pontos, a mesma vantagem (sete pontos… líquidos) para o 2.º classificado e menos pontos em disputa (seis jornadas são 18 pontos). Está quase. Mas falta o mais difícil… Falta "O QUASE"!

O “Glorioso” teve estofo de campeão
De algum modo pressionados pela vitória sportinguista num campo difícil, nos Barreiros, frente ao CS Marítimo, o Benfica esteve muito bem. Acabou por ter "sorte". Mas a sorte protege os audazes.

Uma equipa com consistência
O "Glorioso" sabia que a equipa adversária viria para a "Catedral" não querendo "jogar à bola" mas a tudo tentar para que o Benfica também não jogasse. Na temporada passada nem um remate à baliza do Benfica conseguiram fazer, mas estiveram quase a conquistar dois pontos com o zero-a-zero. Valeu uma grande penalidade sobre Gaitán, já em tempo de compensação, superiormente convertida por Lima para assegurar a vitória por 1-0. O Benfica desta vez, apesar da tracção atrás - defender com onze jogadores e não com a táctica da equipa - da Associação Académica de Coimbra -Organismo Autónomo de Futebol, SDUQ Lda o "Glorioso" conseguiu os golos no "tempo certo"! Marcar o primeiro aos dez minutos foi fundamental, pois o adversário não alteraria a sua postura defensiva à procura de empatar através de um erro do Benfica que continuaria a atacar para garantir os três pontos e o espectáculo para o público pagante. O 2-0 aos 27 minutos acabou com o jogo, pois o adversário viu reduzidas as possibilidades de empatar a menos que o "Glorioso" sofresse um golo de um erro individual ou colectivo. Isso nunca aconteceu e o adversário - que não sabe jogar à bola, ou seja procurar marcar mais golos que a equipa antagonista - eclipsou-se. Os seus intentos e certamente o saco azul que lhes estava destinado se tirassem dois pontos ao Benfica passou a ser uma miragem.

Equipa de futebol do jogo n.º 5 013 da história do futebol do SLB, 52.º jogo da temporada e 43.º "onze titular" em 2013/14. De cima para baixo. Da esquerda para a direita. Oblak, Garay, Fejsa, Rodrigo e Luisão (capitão); Gaitán, Perez, Sílvio, Lima, Siqueira e Markovic Foto gentilmente cedida pela dedicada fotógrafa Benfiquista Isabel Cutileiro. Obrigado
Uma (boa) surpresa chamada Sílvio
O treinador do "Glorioso" fez alinhar o onze previsível face aos 18 convocados, deixando no banco de suplentes Artur, Jardel, Amorim, Sulejmani, Salvio e Cardozo mas também Maxi Pereira. Eis aqui a surpresa, Sílvio em vez de Maxi Pereira. Com este no banco a olhar para... o jogo de quarta-feira no estádio portista. Que (ainda) impressiona e intimida. Apesar daquele túnel já não ser o das Antas. Mas ainda tem o mesmo cheiro!

TITULARIDADES DOS... SUPLENTES DA CATEDRAL
Titulares
Tor
CN
LC
TP
TL
LE
TH
Trf
Par
52
24
6
4
3
4
2
3
6
Maxi Pereira
32
20
3
2
-
3
-
3
1
Artur
32
13
6
2
1
2
-
2
6
R. Amorim
17
4
1
3
2
4
-
1
2
Cardozo
14
5
4
2
-
3
-
-
-
Sulejmani
11
1
-
1
2
3
-
2
2
Jardel
9
1
-
2
3
1
1
-
1
Salvio
8
2
-
-
-
1
-
-
5


Neste momento para o campeonato nacional...
O "onze" que dá mais garantias é o utilizado, ainda que Maxi Pereira possa fazer parte dele em detrimento de Sílvio. Mas tendo em conta a gestão para progredir nas quatro competições - campeonato nacional, Liga Europa, Taça de Portugal e Taça da Liga - é necessário fazer alterações pontuais de modo a garantir a coerência e coesão necessárias e suficientes para lutar sempre para conquistar todos os troféus, ainda que estabelecendo as prioridades que se impõem. Acima de tudo é preciso ser inteligente e não embarcar em cantigas!

TITULARIDADES DOS... TITULARES DA CATEDRAL
Titulares
Tor
CN
LC
TP
TL
LE
TH
Trf
Par
52
24
6
4
3
4
2
3
6
Luisão
44
24
6
3
-
4
-
2
5
Garay
39
22
6
2
2
3
-
2
2
Enzo Perez
38
22
6
2
1
1
-
2
4
Gaitán
35
20
5
2
1
1
-
2
4
Lima
34
22
3
1
1
1
-
1
5
Markovic
29
16
4
2
1
1
-
2
3
Rodrigo
24
18
-
1
-
1
1
2
1
Siqueira
22
15
3
1
1
2
-
-
-
Fejsa
21
14
4
-
2
1
-
-
-
Sílvio
20
5
2
3
3
3
1
-
3
Oblak
16
11
-
2
1
2
-
-
-

Académica sem categoria
O adversário "jogou" (!) apenas numa táctica: 10 x 0 x 0! As instruções do "treinador" (!) Conceição devem ter sido as seguintes:
Com 0-0: Tudo atrás da linha da bola. Se passar a bola não pode passar o jogador. Se o árbitro deixar passar a falta, não a assinalando, tentar no contra-golpe... golpear esses tótós para fazer o 1-0;
Com 0-1: Tudo atrás da linha da bola. Se passar a bola não pode passar o jogador. Se o árbitro deixar passar a falta, não a assinalando, tentar no contra-golpe... golpear esses tótós para fazer o 1-1;
Com 0-2: Tudo atrás da linha da bola. Se passar a bola não pode passar o jogador. Se o árbitro deixar passar a falta, não a assinalando, tentar no contra-golpe... golpear esses tótós para fazer o 1-2;
Com 0-3: Tudo atrás da linha da bola. Se passar a bola não pode passar o jogador. Se o árbitro deixar passar a falta, não a assinalando, tentar no contra-golpe... golpear esses tótós para fazer o 1-3;

Rui (Gomes) Costa
Parece que estava "surdo" não ouvindo, nem o público, nem o "sistema interno de conversação apurada - auscultadores, microfones e caixilharia braçal - entre quatro marmanjos" aquando do pedido - durante três minutos - de Rodrigo para regressar ao terreno de jogo. Contra dez é mais fácil, não é!?

Chegar aos 101 golos marcados
Apesar do "Glorioso" em 2013/14 marcar menos golos finalmente conseguiu ultrapassar a marca da centena. Se compararmos com a temporada passada tínhamos o seguintes registos:

OS 52 RESULTADOS EM 2012/13
Competições
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
52
38
11
3
126
38
Campeonato Nacional
24
20
4
-
66
15
Liga dos Campeões
6
2
2
2
5
5
Taça de Portugal
4
4
-
-
16
0
Liga Europa
4
4
-
-
7
3
Taça da Liga
3
2
1
-
6
4
Torneios
2
1
-
1
5
5
Troféus
2
2
-
-
10
4
Particulares*
7
3
4
-
11
2
NOTA: * Todos jogos internacionais

Como foi possível?!
A temporada de 2012/13 é uma das mais extraordinárias em produção futebolística de sempre e ao mesmo tempo uma das piores de sempre do clube! Ao 52.º jogo, comparando com a actual (2013/14), o "Glorioso" tinha mais uma vitória, mais dois empates e menos três derrotas. Quanto a golos mais 25 marcados e menos sete sofridos! Incomparável. Quanto a troféus!? ZERO! Nesta temporada actual, mesmo jogando menos é fundamental conquistar os títulos que faltaram na temporada passada!

"Onzes titulares" em 2013/14: 43 equipas para 52 jogos
Este foi o onze titular n.º 43 em 2013/14. Por isso inédito! Jorge Jesus repetiu seis vezes onze futebolistas titulares (cinco duas vezes e um onze repetido em cinco jogos). 37 + 2 + 2 + 2 + 2 + 2 + 5 = 52.

OS 52 RESULTADOS EM 2013/14
Competições
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
52
37
9
6
101
45
Campeonato Nacional
25
20
4
1
47
15
Liga dos Campeões
6
3
1
2
8
8
Taça de Portugal
4
4
-
-
11
3
Liga Europa
4
3
1
-
9
3
Taça da Liga
3
3
-
-
4
0
Taça de Honra de Lisboa
2
-
1
1
1
2
Troféus
3
1
-
2
4
5
Particulares*
6
4
2
-
17
9
NOTA: * Todos jogos internacionais


A “novidade” Sílvio
O excelente defesa lateral polivalente foi titular pela 20.ª vez (5.ª no campeonato nacional) nesta temporada. E foi o 8.º jogo - 4.º no campeonato nacional - em que partilhou a titularidade com o médio-defensivo Fejsa. Curiosamente sendo defesa-direito igualou o registo que já tinha como defesa-esquerdo: quatro jogos em cada lateral.

TITULARIDADE DE SÍLVIO/FEJSA
Jogo
Guarda
Redes
Defesa
Direito
Central
Direito
Central
Esquer.
Defesa
Esquer.
Ob
C
S
Adv.
R
LC
C
PSG
V
Artur
Maxi
Luisão
Garay
Sílvio
1
CN
F
Olhan.
V
Artur
Maxi
Luisão
Garay
Sílvio
2
CN
F
Vit. FC
V
Oblak
Maxi
Luisão
Garay
Sílvio
3
TL
F
Nacio.
V
Oblak
Sílvio
Jardel
Garay
Siqueira
4
TL
C
Leix.
V
Artur
Almeida
Steven
Jardel
Sílvio
5
CN
C
Vit. SC
V
Oblak
Sílvio
Luisão
Jardel
Siqueira
6
LE
F
Tott.
V
Oblak
Sílvio
Luisão
Garay
Siqueira
7
CN
C
AAC
V
Oblak
Sílvio
Luisão
Garay
Siqueira
8
NOTA: (1) - Markovic na ala direita;
(2) - Ivan Cavaleiro na ala direita;
(3) - Perez na ala direita;
(4) - Sulejmani na ala direita;
(5) - Ivan Cavaleiro na ala direita;
(6) - Lima e Rodrigo (avançados);
(7) - Cardozo e Rodrigo (avançados);
(8) - Lima e Rodrigo (avançados)

Não havendo "rolo compressor" como houve na temporada passada...
O "Glorioso" era mais forte. Defendia com igual eficácia e, principalmente, marcava golos. E o melhor para defender é ter posse de bola a atacar, marcando golos. Em 2012/13, mais três pontos (64-61) resultantes de mais uma vitória (e menos uma derrota). Mais 19 golos marcados (66-47) e igual número de golos sofridos (15). Oxalá o Benfica consiga, pelo menos fazer nas últimas seis jornadas o que fez nas seis jornadas finais da época passada. "Arriscava" ser campeão nacional na 28.ª jornada!

2012/13
SLB (24.ª J/ 64 p - 20 V - 4 E - 0 D
66/15)
FCP (24.ª J/ 60 p - 18 V - 6 E - 0 D
55/11)
2013/14
SLB (24.ª J/ 61 p - 19 V - 4 E - 1 D
47/15)
SCP (24.ª J/ 54 p - 16 V - 6 E - 2 D
46/17)
Jor.
S
Adversário
Res.
Jor.
S
Adversário
Res.
25.ª
F
SC Olhanense
V
2-0
25.ª
F
SC Braga

26.ª
C
Sporting CP
V
2-0
26.ª
C
Rio Ave FC

27.ª
F
CS Marítimo
V
2-1
27.ª
F
FC Arouca

28.ª
C
GD Estoril Praia
E
1-1
28.ª
C
SC Olhanense

29.ª
F
FC Porto
D
1-2
29.ª
C
Vitória FC Set.

30.ª
C
Moreirense FC
V
3-1
30.ª
F
FC Porto


O Benfica desta época (2013/14) tem menor capacidade
Pelo "andar da carruagem" já se percebeu que este ano apesar das condições para conquistar o campeonato nacional serem superiores às da temporada anterior (2012/13) o Benfica é menos exuberante. Mas como as competições têm um valor relativo, há que saber aproveitar a fraqueza dos outros. Os outros também têm sabido aproveitar as nossas. Rumo ao 33.º título de campeão nacional!

Admiro os adeptos desses clubes que não jogam futebol
Eu percebo os que "dizem bem" do futebol português porque vivem dele: treinadores, futebolistas, dirigentes, jornalistas e "demais pessoal" que é pago para organizar ou divulgar os jogos do "Futeluso"! Mas admiro os adeptos de clubes que não jogam nadinha e ainda se predispõem a irem aos jogos desses clubes gastando tempo e dinheiro para não verem os clubes jogar um "chavelho"! Pagam transportes, bilhetes e comes-e-bebes. Gastam tempo nos transportes, nos comes-e-bebes e face à nulidade do futebiol apresentado nos próprios jogos. Cada jogatana fica em cinco horas e trinta euros (em casa) ou dez horas e cem euros (fora). Cada vez penso mais que há adeptos que pagam e gastam tempo no "futebolzinho português" para não terem de aturar a mulher (e os filhos) em casa ao fim-de-semana! Por isso ainda cantam pelas suas equipas apesar da nulidade do jogo apresentado!

OS CLUBES COM MAIS
GOLOS (E MENOS) MARCADOS
(em 24 Jornadas)

Pos

GM

Clubes

T

C

F
1
47
23
24
SL BENFICA
2
46
25
21
Sporting CP
3
44
27
17
FC Porto
4
36
17
19
GD Estoril Praia
5
34
24
10
SC Braga
6
33
18
15
CD Nacional
7
32
20
12
CS Marítimo
8
32
19
13
Vitória FC Setúbal
9
25
12
13
Vitória SC Guimarães
10
23
10
13
FC Arouca
11
21
11
10
Gil Vicente FC
12
24
12
12
FC Paços Ferreira
13
19
9
10
Rio Ave FC
14
16
10
6
Ass. Académica Coimbra
15
15
9
6
Jackson Martínez
16
15
11
4
SC Olhanense
17
13
8
5
Montero
18
12
7
5
Derley
19
12
9
3
CF "Os Belenenses"
20
11
4
7
Lima

NOTA: A azul: Média inferior a um golo por jornada;
Em Portugal não há nenhum clube com uma média de dois golos por jogo (48 golos)

Que dizer do CF “Os Belenenses”?
Os "Mais Heróis" são os adeptos do CF "Os Belenenses". No seu estádio viram nove golos. Fora dele viram três golos! Doze golos em 24 jornadas. Meio-golo por jogo! Viva o "Futeluso"!  E quem gosta e justifica este estilo e jogo... defensivo!

Seis golos deram… dez pontos!
A equipa da Associação Académica de Coimbra - Organismo Autónomo de Futebol, SDUQ Lda é que a “sabe toda! Três golos em terreno alheio valeram sete pontos! Duas vitórias por 1-0 (em Braga e Olhão) e um empate (a um golo) no Estoril! Em grande! E mais uma vitória, por 3-0, em Arouca, deu três pontos! Em doze jornadas fora, marcaram em quatro (seis golos) e ficaram a "zeros" em oito! Não há futebol como o "nosso"!

A televisão é o "Ópio do Povo"!
A proliferação de canais de televisão por cabo dedicadas ao futebol é assustador. Não pelo tema futebol, de que todos gostamos! Mas pelos monos que têm de ir buscar para terem gente nos programas. Autêntico refugo! Alguns não passam de calhaus com dois olhos! E alguns são calhaus bem pesados!

Vamos para três jogos em terreno alheio: FC Porto, Braga e Alkmaar

Alberto Miguéns

GLORIOSO CALENDÁRIO EM 2014
Dia
Competição
Adversário
Sit.
Res.
F
E
V
E
R
E
I
R
O
14
1
Sáb
C.Nacional.17
Gil Vicente FC
Fora
E
1-1
5
Qua
T. Portugal(1/4)
FC Penafiel
Fora
V
1-o
11
Ter
C.Nacional.18
Sporting CP
Casa
V
2-o
12
Qua
Sem jogos por não estar homologado o FCPorto -CS Marítimo
16
Dom
C.Nacional.19
FC Paços Ferreira
Fora
V
2-o
20
Qui
L. Europa (1/16-1)
PAOK FC
Fora
V
1-o
23
Dom
C.Nacional.20
Vitória SC Guimarães
Casa
V
1-o
27
Qui
L. Europa (1/16-2)
PAOK FC
Casa
V
3-o
M
A
R
Ç
O
14
2
Dom
C.Nacional.21
CF "Os Belenenses"
Fora
V
1-o
5
Qua
Reservado a jogos  particulares das Selecções Nacionais
9
Dom
C.Nacional.22
GD Estoril Praia
Casa
V
2-o
13
Qui
L. Europa (1/8-1)
Tottenham HFC
Fora
V
3-1
17
Seg
C.Nacional.23
CD Nacional
Fora
V
4-2
20
Qui
L. Europa (1/8-2)
Tottenham HFC
Casa
E
2-2
23
Dom
C.Nacional.24
Ass. Acad. Coimbra
Casa
V
3-o
26
Qua
21.00
T. Portugal (1/2-1)
FC Porto
Fora
30
Dom
17.00
C.Nacional.25
SC Braga
Fora
A
B
R
I
L
14
3
Qui
20.05
L. Europa (1/4-1)
AZ Alkmaar
Fora
6
Dom
00.00
C.Nacional.26
Rio Ave FC
Casa
10
Qui
20.05
L. Europa (1/4-2)
AZ Alkmaar
Casa
13
Dom
00.00
C.Nacional.27
FC Arouca
Fora
16
Qua
00.00
T. Portugal (1/2-2)
FC Porto
Casa
20
Dom
00.00
C.Nacional.28
SC Olhanense
Casa
23
Qui
00.00
L. Europa (1/2-1)
?
?
27
Dom
00.00
Taça Liga/FINAL
?
N.
M
A
I
O
14
1
Qui
00.00
L. Europa (1/2-2)
?
?
4
Dom
00.00
C.Nacional.29
Vitória FC Setúbal
Casa
7
Qua
Sem jogos
11
Dom
00.00
C.Nacional.30
FC Porto
Fora
14
Qua
00.00
L. Europa (FINAL)
?
N.
18
Dom
00.00
Taça Portugal/
FINAL
?
N.

A sete pontos úteis (vantagem do SLB no confronto directo)
Com um calendário de equipa pequena, o Sporting CP é segundo, à frente do FC Porto! Estas semanas desportivas sportinguistas dão para tudo. Como não jogam a meio-da-semana podem calçar as pantufas, ir ao frigorífico, ocupar o sofá e ver os outros a jogar na televisão.

  CALENDÁRIO DO ACTUAL 2.º CLASSIFICADO EM 2014
Dia
Competição
Adversário
Sit.
Res.
F
E
V
E
R
E
I
R
O
14
2
Dom
C.Nacional.17
As. Académica Coimbra
Casa
E
0-0
5
Qua
Sem jogos
11
Ter
C.Nacional.18
SL BENFICA
Fora
D
0-2
12
Qua
Sem jogos
15
Sáb
C.Nacional.19
SC Olhanense
Casa
V
1-0
19
Qua
Sem jogos
23
Dom
C.Nacional.20
Rio Ave FC
Fora
V
2-1
26
Qua
Sem jogos
M
A
R
Ç
O
14
1
Sáb
C.Nacional.21
SC Braga
Casa
V
2-1
5
Qua
Sem jogos
9
Dom
C.Nacional.22
Vitória FC Setúbal
Fora
E
2-2
12
Qua
Sem jogos
16
Dom
C.Nacional.23
FC Porto
Casa
V
1-0
19
Qua
Sem jogos
22
Sáb
C.Nacional.24
CS Marítimo
Fora
V
3-1
26
Qua
Sem jogos
29
Sáb
20.15
C.Nacional.25
Vitória SC Guimarães
Casa
(V 1-0)
A
B
R
I
L
14
2
Qua
Sem jogos
6
Dom
00.00
C.Nacional.26
FC Paços Ferreira
Fora
(V 4-0)
9
Qua
Sem jogos
13
Dom
00.00
C.Nacional.27
Gil Vicente FC
Casa
(V 2-0)
16
Qua
Sem jogos
20
Dom
00.00
C.Nacional.28
CF "Os Belenenses"
Fora
(V 3-0)
23
Qua
Sem jogos
27
Dom
00.00
Taça Liga/FINAL
?
N.
1
Qua
Sem jogos
M
A
I
O
14
4
Dom
00.00
C.Nacional.29
CD Nacional
Fora
(E 0-0)
7
Qua
Sem jogos
11
Dom
00.00
C.Nacional.30
GD Estoril Praia
Casa
(E 0-0)
NOTA: (entre parêntesis) Resultados na primeira volta em situação contrária: em Casa, na I volta, foi Fora e Fora, na I volta, é Casa
0 comentários
comentários

Enviar um comentário

Em Defesa do Benfica no seu E-mail