A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/04/2013

Amesterdão?! Antes Há Meias-Finais

13/04/2013 + 1 Comentários
OPINIÃO
          
      

Aí está o “Glorioso” nas meias-finais de uma competição da UEFA pela 13.ªvez (em 52 participações), 3.ª (em 19 presenças) na competição denominada Taça das Cidades com Feiras, Taça UEFA ou Liga Europa.


Melhor era começar na "Catedral"
Ao contrário do que se pensa, o Benfica (valores da minha responsabilidade) e num estudo feito, há cerca de 15 anos, por um jornal espanhol para os 30 clubes com mais eliminatórias disputadas - o Benfica consta desse estudo - nas competições da UEFA, jogar a 1.ª mão "em casa" tem vantagens, pelo menos estatísticas, e há quem diga tácticas, por isso os clubes têm maior sucesso quando podem fazer o 1.º jogo "em casa". Eis os valores para o "Glorioso". Em 141 eliminatórias disputadas, iniciámos 73 com um jogo fora e em 68 a 1.ª mão foi num dos nossos estádios. Nas 141 eliminatórias, passámos à fase seguinte por 99 vezes e em 42 não tivémos sucesso, acabando o Benfica eliminado. Das 68 vezes que começámos "em casa" tivémos sucesso 51 vezes (75 por cento) contra "apenas" 66 por cento (48 vezes) com a 1.ª mão "fora"!

RESUMO DA ORDEM DOS JOGOS POR ELIMINATÓRIA
N.º Eliminatórias
Disputadas
141
1.ª mão CASA
1.ª mão FORA
Tot
Suc
Ins
Tot
Suc
Ins
68
51
17
73
48
25
48 %
75 %
25 %
52 %
66 %
34 %

Resta informar, por exemplo, o resultado de V 1-0 na 1.ª mão: em 12 jogos, 11 passagens e uma eliminação. Começar "fora" com D 0-1 na 1.ª mão: em 10 jogos, 4 passagens e seis vezes eliminado.


Três jogos frente ao clube, que em tempos, foi conhecido como o "Benfica da Turquia"
O “Glorioso” regista três jogos frente ao Fenerbahçe SK com duas vitórias e uma derrota, com dez golos marcados e dois sofridos. Os dez golos do "Glorioso" foram marcados por seis futebolistas: Jordão (3), Nené (2), Coluna (1), Eusébio (1), José Águas (1), Shéu (1) e um autogolo.

Jogos do "GLORIOSO" com Fenerbahçe SK
8 de Junho de 1962
17 de Setembro de 1975
1 de Outubro de 1975
4.º jogo da digressão ao Mediterrâneo Oriental
TCCE
1/16 - 1.ª mão
TCCE
1/16 - 2.ª mão
V 3-1
V 7-0
D 0-1
Sukru Saraçoglu
Luz
Ataturk
Istambul
Lisboa
Esmirna
Fora
Casa
Fora
T: Béla Guttmann
3x4x3
T: Mário Wilson
4x3x3
T: Mário Wilson
4x3x3
GR
Costa Pereira
GR
Bento
GR
Bento
DD
Mário João
DD
Malta da Silva
DD
Artur (s45)
DC
Germano
DC
Barros
DC
Barros
DE
Ângelo
DC
Eurico
DC
Eurico
MD
Cavém
DE
Bastos Lopes
DE
Bastos Lopes (s52)
MC
Coluna
MD
Toni
MD
Toni
Av
Eusébio
MC
V. Martins (s79)
MC
Vítor Martins
ME
Cruz
ME
Shéu (s69)
ME
Shéu
ED
José Augusto
ED
Moinhos
ED
Nené
AC
José Águas
AC
Jordão
AC
Jordão
EE
Simões
EE
Nené
EE
Moinhos

s69
Vítor Baptista
S45
Nelinho
S79
Nelinho
S52
Diamantino Costa


Há 51 anos (1962)
O primeiro encontro entre o "Glorioso" e o "Benfica da Turquia" realizou-se na célebre digressão do Clube ao Mediterrâneo Oriental para responder às inúmeras solicitações de países que ansiavam ver num estádio o futebol que viram nas televisões (e nos relatos da imprensa e telefonias) depois de Berna (1960/61) e Amesterdão (1961/62). Depois de terminado o campeonato nacional, o Benfica deslocou-se durante uma semana, entre 1 e 8 de Junho de 1962, a três países, enquanto a equipa de reserva ia jogando as eliminatórias da Taça de Portugal. Começámos pelo norte de África, passámos por Chipre e terminou-se a digressão na Turquia: no Egipto perdemos, por 2-3, com o Al Ahly (O Nacional); em Chipre dois encontros, com duas vitórias, por 5-1 e 6-1, respectivamente, com o APOEL FC e a Selecção de Nicósia; finalmente, em Istambul, uma vitória por 3-1 com golos de Coluna (38'), Eusébio (40') e José Águas (59'). A digressão ficou assinalada pelo "não regresso" do treinador Béla Guttmann descontente com o facto de não lhe quererem dar "mai$ ma$$a".

Há 38 anos (1975)
Na primeira eliminatória da Taça dos Clubes Campeões Europeus, nos 16-avos-de-final, da temporada de 1975/76 o "Glorioso" defrontou na 1.ª mão o campeão turco, com uma robusta vitória por 7-0: (Jordão com um "hat-trick": aos 60', 4-0; aos 75', 6-0 e aos 84', 7-0); Nené com dois golos: aos 33', 2-0 e aos 72', 5-0; autogolo (3-0 aos 43'); e Shéu aos 22' abriu o marcador, fazendo o 1-0). Com a passagem facilitada, na 2.ª mão, uma derrota por 0-1, mas numa 2.ª mão que não foi jogada em Istambul mas em Esmirna, por o campeão turco ter o estádio interditado. Já em 1975 havia "problemas".


O futebol na Turquia e em Istambul
Os clubes tradicionais de Istambul são três: Fenerbahçe SK (do povo), Besiktas JK (da aristocracia) e Galatasaray SK (da burguesia). Estes dois são da Istambul europeia. O próximo adversário do "Glorioso" é da Istambul asiática, subúrbio dormitório da Istambul europeia. Gente e mais gente, milhões que trabalham na Istambul europeia. Desde 1990 há "mais um": Istambul BB... dos empresários e magnatas com "muita massa" a necessitar de b(r)anco!

13.ª para estar na 9.ª final
Acreditamos que esta nossa presença, pela 13.ª vez numas meias-finais, se traduzirá numa passagem à final de Amesterdão. Eu pelo que atrás ficou dito, prefiro sempre a 1.ª mão na "Catedral". Sempre! Mas vamos ter de conseguir, em Istambul, um bom resultado - marcar um golo/ golos - porque empates a zero e derrotas, mesmo por 0-1, são complicadas, pois pelo critério de desempate nos "golos marcados fora" até nos prolongamentos - mesmo jogados em "casa" - recuperar resultados sem esse "suporte" torna-se muito complexo. Com eliminatórias empatadas os "prolongamentos" são terríveis para as equipas que os jogam "em casa". Em 30 minutos, um golo dos forasteiros, deita tudo a perder, pois é sempre necessário a equipa da "casa" marcar dois... Dois no tempo que faltar da meia-hora regulamentar!

O SLB NAS MEIAS-FINAIS DA UEFA
ÉPOCA
Comp.
Adversário
Meias-Finais
Final
1960/61
TCCE
SK Rapid
ÁUSTRIA
C
V 3-0
V
F
E 1-1
1961/62
TCCE
Tottenham HFC
INGLATERRA
C
V 3-1
V
F
D 1-2
1962/63
TCCE
Feyenoord Roterdão
HOLANDA
F
E 0-0
F
C
V 3-1
1964/65
TCCE
Raba ETO Gyor
HUNGRIA
F
V 1-0
F
C
V 4-0
1967/68
TCCE
Juventus FC
ITÁLIA
C
V 2-0
F
F
V 1-0
1971/72
TCCE
AFC Ajax
HOLANDA
F
D 0-1
Eliminado
C
E 0-0
1980/81
TVT
Carl Zeiss Jena FC
RDA
F
D 0-2
Eliminado
C
V 1-0
1982/83
TUEFA
Universitate Craiova FC
ROMÉNIA
C
E 0-0
F
F
E 1-1
1987/88
TCCE
Steaua Bucareste FC
ROMÉNIA
F
E 0-0
F
C
V 2-0
1989/90
TCCE
Olímpico Marselha
FRANÇA
F
D 1-2
F
C
V 1-0
1993/94
TVT
AC Parma
ITÁLIA
C
V 2-1
Eliminado
F
D 0-1
2010/11
LE
SC Braga
PORTUGAL
C
V 2-1
Eliminado
F
D 0-1
2012/13
LE
Fenerbahçe SK
TURQUIA
F

?
C


Calendário apertado...
... em Abril jogos "mil" para ganhar!

RESUMO CALENDÁRIO
Meses
TOT
CN
LE
TP

Abril
R
3
1
2

ar
4
2
1
1
T
7
3
3
1
Maio
6
3
1+ 1
1
TOTAL
13
6
5
2
NOTA: A vermelho - jogos dependentes de eliminatórias anteriores;
R - Realizados; ar - A realizar; T - Totais

É preciso continuar, com brilhantismo, a honrar o "Manto Sagrado"
Há muito jogo, pontos e golos para jogar, somar e marcar. 
Jogos disputados
Competição
N.º J
Fase
Particulares/Torneios
11
-
Campeonato Nacional
25
1.ª – 25.ª Jor.
Liga dos Campeões
6
1.ª – 6.ª Jor.
Taça de Portugal
5
1/32-1/2 final
Taça da Liga
4
1.ª- 3.ª J./ 1/2 final
Liga Europa
6
1/16 -1/8 - 1/4
TOTAIS
57


Jogos a disputar*
* se o “Glorioso” chegar às finais da Liga Europa e
Taça de Portugal
Competição
N.º J
Fase
Particulares/Torneios
-
-
Campeonato Nacional
5
26.ª – 30.ª Jor.
Liga Europa
3
2+1
Taça de Portugal
2
1+1
TOTAIS
10


Há, ainda, muito futebol até final da temporada. Só que já sabemos o que nos espera.Um "problema bom".



CALENDÁRIO EM ABRIL/ MAIO DE 2013
Dia
Jorn
Adversário
S
Considerações

15
SEG

TP (1/2)
2.ª mão

FC Paços de Ferreira


C
Com vantagem, por 2-0, é o jogo ideal para utilizar 4 ou 5 futebolistas a necessitar de ritmo competitivo, “tirando” minutos aos mais utilizados rumo ao “Dérbi de Lisboa”



21
DOM




26.ª CN




Sporting CP




C
Eles vêm fazer o “jogo do ano”: autocarro e chegar primeiro à bola. É preciso mais “atitude de dérbi” que a exibida nos primeiros 60 minutos da 1.ª volta. Sabendo-se que o FCP joga na véspera, em Moreira de Cónegos, e não vai perder pontos, só há um destino para o "Dérbi de Lisboa"; a vitória. A primeira das duas finais no campeonato nacional
25
QUI
LE
(1/2)
1.ª mão

Fenerbahçe SK

F
Manter a rotação nos onzes titulares utilizando a qualidade do plantel. Um jogo para procurar marcar um golo, a fim de trazer para a "Catedral" a decisão da ida à final
27
DOM

27.ª CN

CS Marítimo

F
A segunda das duas finais. Depois do SCP a ida ao Funchal vai ser decisiva. O SLB deverá jogar na segunda-feira. Nem faz sentido outra data
2
MAI
LE
(1/2)
2.ª mão

Fenerbahçe SK

C
Depende do resultado da 1.ª mão. Logo se vê…
5
MAI

28.ª CN

GD Estoril Praia

C
A jornada anterior à ida ao estádio do FC Porto. Com a semana sem jogos para qualquer competição há que "pôr a carne toda no assador"
8
MAI
Sem jogos durante a semana
12
MAI

29.ª CN

FC Porto

F
Na 29.ª jornada quantos pontos separarão Benfica de FC Porto? Esperemos que pelo menos... quatro!
15
MAI
LE
FINAL
?
N
Depende dos dois jogos com o Fenerbahçe SK
19
MAI

30.ª CN

Moreirense FC

C
Depende do resultado conseguido no estádio do FC Porto. Este desloca-se a Paços de Ferreira
22
MAI
Sem jogos durante a semana
26
MAI
TP
FINAL
?

N
Depende do resultado conseguido na próxima segunda-feira, no jogo da 2.ª mão com o FC Paços Ferreira







O FC Porto dificilmente vai perder mais pontos. Tem sempre, quando as "coisas" correm mal de uma ajuda. Com as grandes penalidades entregues a um "Não-Martinez" vai ser sempre a somar...

JOGOS POR COMPETIÇÃO ATÉ FINAL DA TEMPORADA DE 2012/13
Dia
Jorn
SL Benfica
Dif
FC Porto
Adversário
S
Res
Adversário
S
Res
04/04
LE (1/4)
Newcastle United FC
C
V 3-1
--
(1/2.F TL ) Rio Ave FC
C
V 4-0
07/04
25.ª CN
SC Olhanense
F
V 2-0
+ 4
SC Braga
C
V 3-1
11/04
LE (1/4)
Newcastle United FC
F
E 1-1
--
Sem jogos
13/04
 TL (FIN)
Sem jogos
--
SC Braga
N

15/04
TP (1/2)
FC Paços Ferreira
C

--
Sem jogos
21/04
26.ª CN
Sporting CP
C


Moreirense FC
F

25/04
LE (1/2)
Fenerbahçe SK
F

-- 
Sem jogos
28/04
27.ª CN
CS Marítimo
F


Vitória FC (Setúbal)
C

02/05
LE (1/2)
Fenerbahçe SK
C

-- 
Sem jogos
05/05
28.ª CN
GD Estoril Praia
C


CD Nacional
F

08/05
Sem jogos
--
Sem jogos
12/05
29.ª CN
FC Porto
F


SL BENFICA
C

15/05
LE (FIN)
?
N
?
-- 
Sem jogos
19/05
30.ª CN
Moreirense FC
C


FC Paços Ferreira
F

22/05
Sem jogos


Sem jogos
26/05
TP (FIN)
?
N
?
--

Estamos em condições de tudo vencer, mas é já na segunda-feira que se joga o apuramento para uma presença na final do Jamor. Vamos lá!

CALENDÁRIOS COMPARATIVOS ENTRE O 
SLBENFICA E O FC PORTO (até 12 de Maio)
Dia
Hora
SL BENFICA
FC Porto
M
sem
J
C
Adversário
J
C
Adversário
9
TER







10
QUA







11
QUI
20.05
LE
F
Newcastle UFC



12
SEX







13
SÁB
19.45



TL
N
SC Braga
14
DOM







15
SEG
20.00
TP
C
FC Paços Ferreira



16
TER







17
QUA







18
QUI







19
SEX







20
SÁB
20.30



CN
F
Moreirense FC
21
DOM
20.15
CN
C
Sporting CP



22
SEG







23
TER







24
QUA







25
QUI
20.05
LE
F
Fenerbahçe SK



26
SEX







27
SÁB







28
DOM

CN
F
CS Marítimo
CN
C
Vitória FC Set.
29
SEG







30
TER







1
QUA







2
QUI
20.05
LE
C
Fenerbahçe SK



3
SEX







4
SÁB







5
DOM

CN
C
GD Estoril Praia
CN
F
CD Nacional
6
SEG







7
TER







8
QUA







9
QUI







10
SEX







11
SÁB







12
DOM

CN
F
FC Porto
CN
C
SL BENFICA

Temos todos juntos – futebolistas, treinadores, dirigentes, associados e simpatizantes – do “Glorioso” UMA PALAVRA A DIZER! Contem connosco! Somos Benfica!

Alberto Miguéns

NOTA: É frequente em Portugal desvalorizarem-se - excepto para as selecções nacionais - os jogos que não são para competições oficiais, os chamados jogos particulares em oposição aos jogos oficiais. Em termos de rigor não há jogos particulares e jogos oficiais. Há jogos de futebol, uns para competições oficiais e outros para torneios (ex: Ramon Carranza), troféus (ex: Eusébio Cup) ou particulares. Mas, vejamos uma curiosidade que esta eliminatória com a mais popular equipa turca faz recordar. O Benfica em 109 épocas a jogar futebol tem vários dias em que teve duas equipas em simultâneo a jogar. Foi o caso do dia 3 de Junho de 1962. Adianto já uma questão para quem quiser responder. Qual é o jogo - havendo dois no mesmo dia - "mais importante"?
                  
Jogos do SL BENFICA
3 de Junho de 1962
3 de Junho de 1962
15 horas
19 horas (16 horas em Portugal)
Taça de Portugal
Competição particular
Quartos-de-final
(1.ª mão)
CD Ferroviário Beira
(Moçambique)
APOEL FC
V 7-1
V 5-1
Luz
Makkarios
Lisboa
Nicósia/ Chipre
Casa
Fora
T: Fernando Caiado
3x4x3
T: Béla Guttmann
3x4x3
GR
Ramalho
GR
Costa Pereira (s45)
DD
Sidónio
DD
Mário João
DC
Pinto
DC
Germano
DE
Nogueira
DE
Ângelo
MD
Neto
MD
Cavém
MC
Jorge Calado
MC
Coluna
Av
António Mendes
Av
Eusébio
ME
Alfredo E-Santo
ME
Cruz
ED
Nartanga
ED
José Augusto (s45)
AC
José Torres
AC
José Águas
EE
Angeja
EE
Simões

S45
Barroca
S45
Santana

1 comentários
comentários
  1. quanto a 1ª mão fora ou em casa, na Liga dos Campeões os 1º classificados da fase de grupos jogam a 2ª mão em casa.

    segundo sei podem exigir que se troque.

    acho que até hoje nenhum clube quis trocar, mesmo o Benfica que estatisticamente teria vantagem nisso.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail