A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

25/04/2011

Salgueiro Maia

25/04/2011 + 2 Comentários API

Fernando José Salgueiro Maia 

Data                              Idade          Acontecimento

1 de Julho de 1944       --                Nasce no 1.º andar
                                                         do número 15
da Rua de Santo Amaro, em Castelo de Vide, filho do ferroviário sr. Francisco da Luz Maia e D. Francisca Silvério Salgueiro

1947                3            Fica órfão,
                                                quando a mãe foi
atropelada, perto do Jardim Zoológico, numa visita familiar a Lisboa

                   1950                6            O pai casa-se com
                                                          a madrasta
                                                                       D. Maria Augusta Salgueiro

1950/1963                    6/18           Devido ao emprego do pai
                                                           na CP
                                                        - Comboios de Portugal, faz
                                                          a escolaridade em
                                                         vários locais:
Escola Primária de São Torcato (Coruche), Colégio Nun’ Álvares (Tomar) e Liceu Nacional de Leiria


1 de Outubro de 1963      19           Ingressa na Academia
                                                         Militar, em Lisboa       

1 de Fevereiro de 1967     22          Cadete, ingressa na Escola
                                                         Prática de Cavalaria (EPC),
                                                         em Santarém

1 de Dezembro de 1967   23           Tenente, mobilizado para
Moçambique, integrando a 9.ª Companhia de Comandos “Os Fantasmas”, sediada em Montepuez, Mueda, Cabo Delgado

                   1968               24          Regresso a Santarém (EPC)

                   1970              26           Promovido a capitão

22 de Agosto de 1970     =             Casamento com
                                                         D. Natércia, na
Igreja Paroquial de Minde

4 de Julho de 1971          27            Mobilizado para a Guiné,
                                                         com destino a Bula,
                                                         onde esteve 27 meses

                   1973             29            Regresso a Santarém (EPC)

                   1974             =              Delegado de Cavalaria na
Comissão Coordenadora do Movimento das Forças Armadas (MFA)

25 de Abril de 1974       =              Comanda a coluna de
                                                         carros de combate
                                                         (Chaimites)
                                                        que parte pelas 2 horas 
                                                         de Santarém (EPC),
                                                         para cercar, pelas 5.45
                                                          horas os ministérios
                                                         instalados na Praça
                                                        do Comércio (Lisboa) e
                                                        a partir das 12.30 horas,
                                                        no Largo do Carmo,
                                                        força a rendição do
                                                        Presidente do Conselho,
                                                        Marcelo Caetano, 
                                                        refugiado no Quartel da 
                                                        GNR, no Carmo

26 de Abril de 1974       =              Regresso a Santarém (EPC)

25 de Novembro de 1975  31         Comanda, a partir de
                                                         Santarém (EPC), uma
                                                        coluna de carros de
                                                        combate, a pedido
                                                       do Presidente da
                                                       República, Francisco
                                                       da Costa Gomes

2 de Julho de 1977           33          É desterrado para Ponta
                                                         Delgada (Açores)

                   1979             35             Comandante do Presídio
                                                         Militar de Santa
                                                          Margarida

                   1981             37             Promovido a major

25 de Abril de 1983       38            Recebe a Grã-Cruz da
                                                        Ordem da Liberdade

                   1984             40            Regresso a Santarém (EPC)

16 de Julho de 1985       41             Nasce a sua filha
                                                         Catarina Maia

17 de Agosto de 1988     44            Nasce o seu filho
                                                         Filipe Maia

         1989/1990          45/46        Combate a doença
                                                        cancerígena que será
                                                        mortal

                   1991              46           Última, de três, operações

3 de Abril de 1992          47            Morre no Hospital Militar
                                                         de Belém, após uma luta
                                                         desigual contra o
                                                         cancro, deixando os
                                                        filhos órfãos, Catarina
                                                        (6 anos) e Filipe (3 anos)

4 de Abril de 1992         --              Sepultado, por sua expressa
vontade, no cemitério de Castelo de Vide, em campa rasa e ao som de Grândola Vila Morena, de José Afonso

10 de Junho de 1992      --             Agraciado, a título
                                                         póstumo, com
o grau de oficial da Ordem de Torre e Espada                  


Tanto nos deste, tão pouco quiseste e ainda menos tiveste. Inesquecível, Capitão de Abril

Alberto Miguéns

NOTA1: Na madrugada de 24 para 25 de Abril de 1974, pela 1 hora da manhã, depois de iniciadas, em código, as operações, dirigiu-se aos seus 240 homens, na parada da EPC dizendo-lhes: “Meus senhores, como todos sabem, há diversas modalidades de Estado – o estado socialista, o estado corporativo e o estado a que isto chegou! Ora, nesta noite solene, vamos acabar com o estado a que chegámos. Quem quiser, vem comigo para Lisboa e acabamos com isto. Quem é voluntário, sai e forma. Quem não quiser sair, fica aqui.” Avançaram os 240!

NOTA2: O capitão Salgueiro Maia era Benfiquista desde muito novo. E tinha todas as nossas características enquanto Clube: humilde, honesto, pacato, desprendido, orgulhoso, firme, brioso, enérgico, impetuoso, respeitador, perspicaz, diplomata, amável, empreendedor, dedicado e… corajoso, muito, muitíssimo corajoso.

Um exemplo para todos nós. 
2 comentários
comentários
  1. Curvo-me respeitosamente perante a memória do Major Salgueiro Maia.

    A sua coragem, o seu patriotismo e os seus sentidos de justiça e de liberdade são exemplos para todos nós.

    Obrigado, grande Salgueiro Maia. Até sempre!

    ResponderEliminar
  2. VOTE NO GLORIOSO PARA VENCEDOR DA LIGA EUROPA EM:

    http://www.montemor-evora-arraiolos.blogspot.com/

    OBRIGADO

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail