A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

28/07/2017

Não, Talvez, Sim, Assim-assim

28/07/2017 + 1 Comentários API
ESTE INÍCIO DE 2017/18 ESTÁ A PÔR-NOS ANSIOSOS. UM SENTIMENTO QUE ADEPTOS TETRACAMPEÕES NÃO DEVIAM SENTIR. 



Foi esta a frase que Francisco J(anota) Marques pronunciou em tom de ameaça no último programa Universo Porto da Bancada. Eu acredito que esta frase anuncia o que vai acontecer em termos de vitórias ao Glorioso Futebol.

NOTA: Ter a acesso à espantosa colecção dos Gloriosos Bilhetes do Benfiquista Diogo Mata é viajar dentro da História do Futebol em mais um seu capítulo. E juntar esses bilhetes com os jogos do Benfica em Londres é perceber como os ingressos para um jogo de futebol mudaram. 


Com 54 anos de diferença, mas enaltece-se o bom gosto de quem os adquiriu e depois presenciou estas duas Gloriosas Equipas:

Não
A generalidade dos Benfiquistas com quem falo mostram-se preocupados. Principalmente aqueles que têm prazer em Benficar diariamente. Para eles o plantel está curto - falta mais um guarda-redes, defesa-direito e defesa-central - para colmatar as saídas de três futebolistas que todos sabemos os nomes mas que já não sendo do Benfica vou poupar letras. E há ainda quem tema por continuar a não haver um substituto "à altura" para Pizzi temendo que este pague em 2017/18 o esforço ultra que fez em 2016/17. Os fracos resultados, em oscilação, da pré-temporada não têm ajudado a quebrar a ansiedade temendo-se novos desaires no próximo fim-de-semana. Até goleadas como na edição (7.ª em 2014/15) em que o "Glorioso" participou.


Duas finais com cinco anos de diferença. afortunados os que adquiriram e estiveram no estádio de Wembley para ver estas duas maravilhas:

Talvez
Eu também estou ansioso. Mas a meio-caminho. Estou esperançado que haja já uma equipa-base e que esta dê duas boas respostas no sábado e no domingo frente a dois adversários de valor elevado, ou como se diz agora, "equipas de Liga dos Campeões". Comungo das preocupações anteriormente expostas e até estou ansioso (dupla ansiedade) para observar se a dupla Jonas-Seferovic é tão eficaz frente a defesas compactas compostas por futebolistas de classe como demonstrou ser frente aos quatro adversários anteriores. E ainda há Mitroglou e Raúl, embora este tenha a preparação muito atrasada, tal como Pizzi devido à participação naquela competição estúpida denominada Taça da Confederações. Que acabe, de vez, para todo o sempre.

Quem seria o portador deste ingresso que teve uma oportunidade única na vida? O bilhete é precisamente para a bancada que levou o clube londrino a convidar o Benfica para a sua inauguração. Presenciar ao vivo estes Onze Gloriosos, no dia...29 de Fevereiro (a prova que o Benfica fez jogos neste dia de 4 em 4 anos e fez oito):

Sim
Mas também tenho um sentimento de dar o "benefício da dúvida" ao grupo de trabalho - dirigentes da SAD liderados pelo presidente Luís Filipe Vieira, equipa técnica dirigida pelo treinador Rui Vitória e plantel liderado pelo capitão Luisão. Se conseguiram conquistar títulos e troféus, de forma categórica, nas últimas temporadas. porque não o vão conseguir agora? Em 2017/18? Se também duvidámos de algumas decisões e ausências e depois tudo acabou em bem porque não pode 2017/18 ser igual ou semelhante?

Em 48 anos mudaram os ingressos mas que sortudos os "donos" deles que vibraram com estas duas Gloriosas Equipas:

Assim-assim
Agora se esta época não terminar no P3N7A foi claramente uma oportunidade perdida. E outra não virá tão depressa. É que temos tudo - até porque os principais rivais têm muitos problemas de complexidade extrema a vários níveis - para dominarmos a nível interno e conseguirmos uma boa participação na Liga dos Campeões embora o sorteio vá ditar muito, pois há clubes fortíssimos no pote 2 e outros muito bons no pote 3. É neste sentimento misto que me encontro hoje, véspera do jogo frente ao Arsenal FC, na sua "casa" londrina. Por um lado preocupado, por outro acreditando que vai ser possível quem conseguiu os êxitos no passado recente poder prolongá-los em 2017/18. Espero que com tantas vendas a milhões de euros haja capacidade para desviar uma parte da verba para "abater passivo" mas sem destapar a "manta alcochoada" que permite as conquistas. Que sustenta a grandeza de vencer e conquistar.

Vamos Benfica

Alberto Miguéns

NOTA: O facto de estar de fim-de-semana prolongado - e nesta sexta-feira completamente afastado da rede global - implica não garantir a edição dos comentários (se existirem) com a brevidade que merecem.
1 comentários
comentários

Em Defesa do Benfica no seu E-mail