A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/12/2016

«Penaltys»: Dar a Mão à Palmatória

13/12/2016 + 5 Comentários
SE ESTE RECORTE QUE ME ENVIARAM É VERDADEIRO ESTAVA EQUIVOCADO. NÃO HOUVE NENHUMA GRANDE PENALIDADE A FAVOR DO SPORTING CP.


Eu no campo durante o jogo raramente vejo uma grande penalidade contra o Benfica a não ser daquelas consideradas "escandalosas". Não vi grandes penalidades durante o jogo embora tivesse dúvidas.

Para fazer a estatística dos jogos
Geralmente só revejo os "pedaços" que me interessam: minutos dos golos, das substituições e dos cartões amarelos/vermelhos referentes ao "Glorioso". Desta vez revi o jogo todo (sem som). Ao rever fiquei com a ideia que existiram duas grandes penalidades e escrevi-o neste blogue como faço sempre dizendo o que penso mesmo que "pense mal". Pareceu-se que Pizzi com o braço esquerdo não se apercebe da presença da bola mas que se aproveita do braço direito para a controlar. Muito semelhante a um lance de um futebolista do FC Porto durante o jogo com o Benfica em que anularam um golo ao FCP. No caso de Nélson Semedo fiquei com a ideia que se tinha aproveitado de poder com o ombro cortar a bola mas que ela acabou por bater no antebraço. Muito semelhante a uma grande penalidade cometida por Abel Xavier ao serviço da selecção nacional num jogo decisivo frente à congénere francesa. No Futebol dizem que nunca houve desde a sua invenção, em 26 de Outubro de 1863, duas trajectórias de bola iguais em milhões de milhões de possibilidades, em milhões de milhões de jogos, mas há lances muito semelhantes. Muitas vezes temos vários "Dejá-vu" nos jogos!


Se eles dizem...
Ao enviarem-me este recorte (tendo como base que ele corresponde à realidade) só tenho de admitir que estava errado. Porque aqueles ex-árbitros - muito deles eram uma vergonha a arbitrar - mas que percebem mais das 17 Leis do Futebol a dormir que eu bem acordado ...percebem. Se eles dizem - a esmagadora maioria - que não são grandes penalidades então não são grandes penalidades. E ainda bem pois a existirem e não serem marcadas eram em benefício do "Glorioso". Estava errado. Paciência. Estamos sempre a aprender! Só não peço desculpa aos leitores porque dei a minha opinião de boa fé!

Agradeço ao leitor que enviou o recorte.

Vamos Benfica. A "dobradinha" está ali à nossa espera...


Alberto Miguéns

NOTA: A minha forma de analisar, à posteriori ao jogo, um lance de futebol "contra o Benfica" é sempre a mesma há mais de 40 anos. Penso sempre: «Se fosse a favor do Benfica - neste caso lances a envolver dois futebolistas do SCP - como é que eu opinava?» Fiz o mesmo nestes dois lances.
5 comentários
comentários
  1. Se aqueles árbitros, que deram verdadeiros festivais de Fruta na década dourada, dizem que o Glorioso não foi beneficiado, para mim a discussão está mais encerrada do que já estava. Tudo o que mais se disser sobre as declarações do Burro do Carvalho é só tempo de antena gratuito para quem não o merece.

    BF

    ResponderEliminar
  2. Dados Viciados13/12/16 11:47

    Caro Alberto Miguéns

    Por acaso para mim são ambos penalty, sendo o do Nélson Semedo o que encerra menos subjetividades. Fez-me lembrar o lance de má memória do Abel Xavier, no Euro 2000, que pesem os protestos lusos também considero penalty indiscutível.

    Mesmo assim, o móbil deste post é o de lhe sugerir que escreva um post relativo ao jogo para a taça contra o Real Club, pois estou curiosíssimo em saber que 11 irá Rui Vitória apresentar, bem como perceber o que poderão valer os não-utilizados, como Danilo e Zivkovic.

    Saudações Cósmicas e Damianas!

    ResponderEliminar
  3. Penalty? Aquela lista de antigos árbitros manhosos, muitos deles mamaram na teta do Apinto Dourado, diz tudo.
    Da próxima vez o Pizzi e o Semedo têm que passar pelo talho e deixarem lá os braços...

    ResponderEliminar
  4. 1-De salientar a dualidade de critérios do ex-apitador DUARTE GOMES um dos dois ex-apitadores que consideraram os dois alegados pénaltis como existentes. O mesmo Duarte Gomes que não viu as mãos de Gelson e Ruiz que deram 2 golos ao SCP contra o FCP sendo que nesses lances as bolas antes de tocarem as mãos andaram vários metros. Também o que esperar do leão DG--- AQUELE QUE ASSINALOU UM PÊNALTI NA LUZ SOBRE o avançado brasileiroJARDEL SEM NINGUÉM LHE TOCAR E QUE O PRÓPRIO JARDEL ASSUMIU QUE FOI O VENTO QUE O TOMBOU. Eheheheh leaozinho DG. Estou-te a ver leãozinho. O outro apitador que também considerou os 2 penaltis, foi aquele militar de corte de cabelo esquisito (Pedro Henriques) grande lagartão que anulou um golo ao Benfica por mão de Miguel Vítor caído no chão e de costas para a bola num dos maiores roubos a que assistimos e que ajudou a roubar um título ao SLB. Todos os outros apitadores validaram as decisões de JS. Quanto aos lagartos até metem nojo pois fazem-se vítimas quando são os maiores beneficiários da arbitragem ou não tivessem eles contratado os filhos do Luciano e do Fontelas. Deus nos livre que fosse ao contrário. A esta hora o Brunalgas já estava a fazer greve da fome à porta da ONU. Preocupem-se é com AS GRIPES que geralmente deitam abaixo qualquer cidadão, excepto os jogadores do SCP que na segunda parte pareciam GRANDES BOMBAS A CORRER. A bem da saúde dos portugueses ensinem como uma gripe dá mais asas que o red bull. Eheheh, agora livres da Europa e dos controlos surpresa não haverá GRIPE que os agarre.


    2-Duarte Gomes e Pedro Henriques estou-vos a ver leõezinhos. Definitivamente caiu-vos as máscaras e saíram dos armários. Meditem no que disseram no SCP X FCP e nas decisões do famoso penalti do Jardel (porque será, será do guaraná) provocado pelo VENTO como o próprio Jardel disse e no golo anulado ao Miguel Vítor-- no último minuto--- por mão de costas--- e caído no chão. Portanto, dois opinadores devidamente credenciados pelo seu passado e presente muito muito VERDINHO

    3-Já toda a gente viu que das duas uma: ou ganhavam na luz ou IAM QUEIXAR-SE da arbitragem. Eu estava no estrangeiro não vi o jogo e passada uma hora telefonei a um amigo a perguntar se os treinados pelo JJ se tinham queixado do apitador. Face à resposta afirmativa, não precisei ouvir mais nada


    ResponderEliminar
  5. Só lhe fica bem. Apesar que neste país, tanta honestidade para muita gente é vista como "traição à pátria". É o que temos.
    Eu costumo partir sempre do ponto de vista do se é discutível ou não é. Havendo dúvidas em relação ao lance, tem que se dar o benefício da dúvida ao árbitro porque a regra é mesmo essa; Caso seja indicustível, aí sim, há razões de queixa. Tanto a do Semedo como a do Pizzi são de difíceis análises por isso o árbitro parece-me que esteve bem.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail