A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

09/01/2015

Quem Conta o Porto Acrescenta-lhe um Tonto...

09/01/2015 + 15 Comentários API
PARA VICIAR O PASSADO O FCP NEM PRECISA DE FAZER NADA. HÁ IDIOTAS ÚTEIS QUE FAZEM O "TRABALHINHO" POR ELES.


Já não é a primeira vez que Em Defesa do Benfica aborda este assunto do FC Porto. Mas aborda-o por dois motivos. Desta vez acrescenta mais um. E desde já esclareço que tanto me faz o FCP ter sido fundado em 1893, como em 1906, em 1982 por Pinto da Costa ou em 1096 pelo Conde D. Henrique de Borgonha no condado Portucalense. Não quero é que façam das pessoas parvas e idiotas. Melhor da minha pessoa que não posso "falar" pelos outros. Já chegam os Idiotas Úteis.

1.       Quem vicia o passado (e que passado... logo o início do clube), com destaque para a data real da fundação (de 2 de Agosto de 1906 para 28 de Setembro de 1893) e principal fundador (de José Monteiro da Costa para António Nicolau d' Almeida) é capaz de viciar tudo. Incluindo os jogos e resultados destes;
2.      Nem pensem que conseguem gozar connosco inventando fundações e factos e que com isso nos fazem passar por idiotas,
3.      Pois agora aparecem uns Idiotas Úteis nos media que vão acrescentando factos que nem o clube portista consegue fazer porque não tem documentação que os suportem. Idiotas Úteis que são "mais papistas que o papa Pinto da Costa!"


Pinto da Costa faz tábua rasa do facto de:
António Nicolau d´Almeida ter vivido até 1948, ter assistido ao FC Porto comemorar as datas de fundação referentes a 1906 e o clube honrar Monteiro da Costa como principal fundador. E nunca ter entrado para associado do clube nem ter feito qualquer reparo! Então é porque sabia que José Monteiro da Costa tinha fundado o FC Porto em 2 de Agosto de 1906. Não faz sentido António Nicolau d' Almeida ter coexistido 42 anos com o FC Porto e ter permitido que o clube que fundou andasse errado. Estão a gozar connosco com António Nicolau d´Almeida e com José Monteiro da Costa.



Primeira invenção


Em 1987 "descobrem" o que já estava descoberto (e que se conhecia há muito mas sabia-se que não havia qualquer ligação entre este FCP de 1893 - que nunca passou de intenção - e o FCP fundado em 2 de Agosto de 1906 e que foi sendo historiado ano a ano). Uma descoberta numa notícia de um jornal de Lisboa quando tal devia ser num jornal do Porto (não há um jornal da cidade que refira tal clube) quando se justificava que a notícia circulasse na cidade do Porto havendo interesse em divulgar o clube para atrair sócios e futebolistas. Mas não. Foi um anuncio para que os futebolistas de Lisboa percebessem que no Porto também havia futebolistas! Foi um repto! Sócios do Velo Club que tiveram que dar a ideia que eram futebolistas e não apenas ciclistas. Foi assim que foi entendida durante muito tempo esta notícia. É ver a História dos Desportos em Portugal (1940) de Tavares da Silva, Ricardo Ornelas e Ribeiro dos Reis. Em 28 de Setembro, o FC Porto não comemora a data de fundação. Comemora a data em que saiu uma notícia num jornal de Lisboa!
Além disso os espertalhões (actuais...) do FCP colocam o cabeçalho do jornal muito reduzido para que não se perceba a data, dando a entender que é posterior.


Mas não é! O jornal de Lisboa (quando as notícias deviam levar dois ou três dias a chegar e mais dois a publicar) é do dia 28 de Setembro de 1893. Como não tinham data inventaram para dia da fundação o dia da saída da notícia. Para a notícia ser publicada em 28 de Setembro de 1893 foi redigida dois dias antes e pensada ainda mais para trás. E veio de comboio postal. Se veio de "pombo correio" em 1893 levou uma semana a chegar do Porto a Lisboa. Se o pombo entretanto não foi abatido por um caçador do Benfica lá para os lados da Mealhada! E depois passou para o lombo de uma tartaruga ou cagado que é isso que querem fazer de nós. Cagados!


Segunda invenção

Tinha de ser um tipo apalermado o Topo Gigio Rui Guedes a inventar, sem documentos, que António Nicolau dÁlmeida incentivou e ajudou José Monteiro da Costa.

Fotobiografia do FC Porto; Rui Guedes; Maio de 1987; Publicações D. Quixote; Introdução pp XIX

O pai do Topo Gigio português: O inventor da chacota 1893
O azar de Rui Guedes é que a História do FCP está bem documentada. E um dos elementos do Grupo do Destino (António Martins) descreve a fundação, nunca fala de António Nicolau de Almeida e diz que ninguém conhecia o futebol. É mentira que ao descrever o futebol os amigos lhe dissessem que já sabiam o que era o futebol. Quem conta o Porto acrescenta-lhe um tonto... O Topo Gigio tinha muita lata! Na RTP sentado ao piano a afagar o raio do rato estúpido... tinha latão!

 
História do FC Porto (1906 - 1956); páginas 6, 7 e 8

Invenção M


Criada a mentira logo outros trataram de a divulgar e inventar factos para lhe dar consistência. Um pioneiro na aldrabice foi António Simões em A Bola. Num pequeno espaço de meia-coluna, um romance de "faca-e-alguidar":
1. Coitados dos portugueses.. queriam e não podiam futebolar. Culpados: os malvados bretões ex-futuros Boavistas;
2. O FCP até veio a Lisboa em 1894 disputar um troféu. Que grande clube. Até jogou em Lisboa;
3. José Monteiro da Costa é que falou com António Nicolau de Almeida. O "Topo Gigio RG" diz que incentivou, ele que pediu. Quem conta o Porto acrescenta-lhe um tonto... António Martins que viveu tudinho em 1906 nunca soube da ligação e importância de António Nicolau d´Almeida. Ignora-o. Não existiu!


Recordes e Campeões; Volume 4; Futebol; pp. 101; Junho de 2009; António Simões; A Bola
Azar de António Simões. Houve um jogo que foi no Porto. O clube não tinha de vir a Lisboa. Uma selecção de Lisboa (Club Lisbonense, Carcavellos Club e Lisbon Cricket Club) é que foi ao Porto jogar com uma selecção de futebolistas da Invicta (Oporto Cricket Club e Real Velo Club). 



Invenção N

Apesar de oficialmente o clube ter "hibernado" tal qual os ursos entre 1893 ou 1894 até 1906 já há quem tenha descoberto outro jogo em Lisboa em 1905 (um ano antes da "(des) hibernação"). 

Histórias... de uma primeira vez; volume I;pp 66; 2004; Dragão ano 111; O Comércio do Porto

Azar! Esse jogo, em 6 de Janeiro de 1905, existiu mas foi entre dois clubes de ingleses, o Oporto Cricket Club e o Lisbon Cricket Club! Quem conta o Porto acrescenta-lhe um tonto...


Oporto Cricket Club

Invenção O


Pois um «clube» do qual não há registos de nada a não ser uma notícia de jornal até já tem equipamentos escolhidos e o motivo para tal composição de cores! Nem o FCP se atreve, oficialmente, a tanto! Quem conta o Porto acrescenta-lhe um tonto...

Record; página 20, 31 de Dezembro de 2014, Miguel Amaro e João Picanço
Azar! António Rodrigues Teles esclarece, tal como António Martins tinha feito a descrição em 1926 a "O Tripeiro". Aliás António Martins  (Half-Back à direita) está na primeira equipa do FCP! Com gente honesta é outra "coisa"!

História do FC Porto (1906 - 1956); página 6

Invenção XYZ

No futuro, lá para 2093, o FCP de 1893 até vai ter jogos, adversários, digressões, goleadores e onzes, dozes e trezes, em 1894 (ah, já tem!), 1895, 1896, 1897, 1898, 1899, 1900, 1901, 1902, 1903, 1904 e 1905 (ah, já tem!) Vai ser um fartote de tonteria! Quem conta o Porto acrescenta-lhe um tonto...

Alberto Miguéns


NOTA: Em 14 de Abril de 1932 (apesar de António Nicolau d´Almeida ter falecido em 1948) os "desgraçadinhos" não sabiam que o clube tinha sido fundado em Setembro de 1893. Mentirosos! Essa malta honesta de 1932 era mesmo mentirosa!


Primeira página dos Estatutos (revistos) entregues no Governo Civil do Porto em 14 de Abril de 1932

15 comentários
comentários
  1. Anónimo9/1/15 01:44

    Haja paciência para tanto ressabiado.
    A receita que te dou para passar esse teu prurido é a visita ao museu do dragão para veres os 7 troféus internacionais lá expostos.
    Levas a família toda a passear ao Porto durante um fim de semana e visitem o museu para verem aqueles maravilhosos troféus.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anónimo

      Já fui! Três vezes. e conto ir lá mais umas tirar fotografias. Adoro fotografar petas! e quando são das grandes nem cabem na máquina fotográfica!

      Boa sorte para a Taça da Liga. Falta lá essa!

      Saudações

      Alberto Miguéns

      NOTA: É triste ser de um clube aldrabado?! Não é!

      Eliminar
    2. Jonny8Forever9/1/15 14:12

      Belo espantalho que esse artista montou, mas contrapor os factos tá quieto. Típico de quem em vez de reconhecer que também falseou resultados, como provam as escutas, monta outro espantalho escudando-se na justiça não ter conseguido provar nada.
      Nunca ouvi um adepto dessa Associação Criminosa dizer estou envergonhado do que ouvi e reconheço que o meu clube devia ter sido castigado como se faz nos países a sério.

      Cumprimentos benfiquistas.

      Eliminar
    3. Ao anónimo da 01:44
      Os troféus que lá tens, estão sujos de baton e odor rasca de calor da noite. Não os invejo...
      Lava esses ouvidos que as escutas não mentem...é o vosso emblema, nunca das vossas camisolas de barraca da praia conseguirão limpar isso.
      Saudações benfiquistas
      angolanovermelho

      Eliminar
    4. museu do ladrão??? nããããoooo!!! a minha cidade não merece isso...

      Um Benfiquista Tripeiro

      Eliminar
    5. Se a resposta para a mentira que é a reinvenção da data da fundação é com as taças europeias então está tudo dito sobre a ética e a moral desse clube condenado por corrupção em 2008 e os seus adeptos.
      Não interessa aldrabar desde que seja para ganhar e neste caso ser o mais antigo dos 3 grandes.
      É essa a ética "Pintística", a mesma ética que levou o Pinto-mor a oferecer aos árbritos fruta de dormir e café com leite, juntamente com conselhos matrimoniais e ainda nos anos 90 os famosos "quinhentinhos" e as viagens ao Brasil pela agência Cosmos, já para não falar no guarda Abel e nos produtos tóxicos no balneário.

      Eliminar
  2. Estes comem de tudo o que lhes dão para a boca,então mentiras é o prato favorito destes papalvos.

    Nunca se interessaram por nada do seu clube porque o clube deles é como se lhe é dado... (se antes era de uma maneira agora se calhar deve ser assim e se é agora assim é porque deve ser).

    Mesmo que os factos mais que muitos os enterrem nesta vergonha.

    Uma instituição sem a voz própria dos adeptos nunca a será, um clube que tem a voz dos adeptos igual á voz do dono nunca será um clube.
    .
    Um clube que se respeita na história chama-se Sport Lisboa e Benfica.
    Grande abraço Alberto!

    ResponderEliminar
  3. Hà mesmo necessidade de manter esta polémica estéril com essa gente que se julga importante e que até os
    vizinhos dos arredores os criticam ? ( estes, em matéria de "fair play" são exactamente o mesmo, sö contam eles, note-se...) Eles discutem por tudo e por nada e o que fazem é sempre de realçar e melhor que o que se faz
    nas outras terras, especialmente em relação ao Sul ...Não hà pachorra para tanta estupidez ! Note-se que também
    cà para o Sul, donde sou, temos uns exemplares especiais deste tipo de comportamento, que em matéria de as-
    neiras não ficam mesmo nada a dever aos là de cima. Sem desprimor para este 'Blog' , penso que a prosa enciclo-
    pédica Benfiquista do Alberto Miguéns merece outra ocupação, que de combater mente-captos ...O Alberto não
    acha ? Para si, de Paris, ( onde a atmosfera està irrespiràvel...), um Feliz Ano Novo Benfiquista e saudações também Benfiquistas.

    ResponderEliminar
  4. Se não ter vergonha na cara não é um problema do país não sei o que será? Ou então como é possível que tantas pessoas de "bom" nome sejam adeptos de um clube que passou a ser mentiroso sem fazer frente a quem tem destruído a reputação do clube?

    ResponderEliminar
  5. Excelente Alberto.

    Provavelmente vou melhorar o meu post sobre este tema com algumas fotos daqui retiradas.
    (http://aminhachama.blogspot.pt/2013/10/tudo-mentira-mais-uma-vez.html).

    Quanto a este artigo, e porque a imprensa anda a tentar enganar os portugueses (a dizer que o Benfica nada joga... O que faz com que alguns acreditem...), vou desde já divulgá-lo em todo o lado onde tenho acesso. Faço-o porque sinto que os benfiquistas necessitam de um despertar mental (wake up call), de modo a não se deixarem levar...

    Saudações Gloriosas

    ResponderEliminar
  6. Anónimo9/1/15 11:23

    28 de Fevereiro de 1904 - esta será eterna e inalterável.
    Sr. Alberto Miguéns nós não somos diferentes..apenas não temos comparação!!!
    Muito me honra em ser da sua família.
    Bruno Gonçalves

    ResponderEliminar
  7. Só podia ser o FCP já nada espanta ....

    ResponderEliminar
  8. Bruno Paiva11/1/15 12:13

    Como benfiquista, Muito me honra o comentario do Anonimo das 01:44 ter aqui portistas a ler a verdade já é um passo muito grande para os adeptos do clube mais corrupto do mundo.

    Há tempos as pessoas recusavam-se a ouvir que a Terra girava à volta do céu, que Jesus Cristo não havia nascido no dia 25 de Dezembro, etc depois começaram por ouvir mas sem acreditar até que finalmente acabaram por aceitar a verdade, pois tal como o azeite ela vem sempre ao de cima.

    O portista em questão ainda vai na fase do não acreditar, pois julga que o seu presidente é o dono da verdade, mas como contra factos não há argumentos acabará também por aceitar. Mudar mentalidades é complicado e como ser humanos é nos muito mais fácil acreditar numa mentira (porque nos convem) que numa verdade.


    A verdade reinará e triunfará graças a pessoas como o sr Alberto Miguéns.

    ResponderEliminar
  9. Porque será que nenhum portista consegue reconhecer se não fosse o apito dourado, não tinham metade dos títulos que têm?
    Eu reconheço perfeitamente que o Salazar nos deu uma ajudinha importante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro,

      Se essa história do Salazar está relacionada com a Lenda deste não ter deixado sair Eusébio do Benfica desengane-se. Não passa de uma mentira contada muitas vezes.

      1. Antes do 25 de Abril de 1974 vigorava a "Lei da Opção". Ou seja, os clubes podiam manter os futebolistas eternamente bastando enviar, um mês antes de expirar o contrato, uma carta registada a indicar que optavam por renovar o contrato. se o futebolista não aceitasse durante uma temporada não poderia jogar futebol a nível oficial. Isto era válido para todos os clubes. E até foi ideia de um elemento ligado ao Estado Novo e ao Sporting CP, cujo nome é Salazar Carreira. O SLB não deixou sair Eusébio porque tinha meios (Lei da Opção) para isso;

      2. Em 1966 depois de tanta insistência em sair, o SLB atendeu as retenções de Eusébio que pelo que tinha feito pelo clube merecia ir "ganhar uma pipa de massa" para Itália. Depois de tudo acertado com o presidente do FC Inter (Morati) eis que a Federação italiano decide proibir o ingresso de futebolistas estrangeiros no futebol transalpino depois da vergonha que se passara em Inglaterra, quando a selecção da Coreia do Norte eliminou a italiana! Azar para Eusébio, sorte para o Benfica! O resto são tretas inventadas.

      Pode ver um arremedo deste assunto num portal italiano:

      http://www.fantagazzetta.com/archivio/06_01_2014/quel-giorno-in-cui-eusebio-firmo-per-linter-ma-poi-180864

      Não acredite em tudo o que ouve e lê acerca do Futebol no passado Mais de 90 por cento são mentiras!

      TRIgloriosíssimas Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail