A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

24/12/2014

Jorge Jesus: Virtudes e Defeitos

24/12/2014 + 1 Comentários
ANTES DE MAIS UM BOM NATAL. DEPOIS VAMOS BENFICAR MAIS UM POUCO.


UM TREINADOR HISTÓRICO: QUASE... TERCEIRO COM MAIS TEMPO A ORIENTAR O BENFICA.

Com dificuldade tremenda em conseguir bons resultados na principal competição da UEFA, a Liga dos Campeões designação a partir de 1991/92 da Taça dos Clubes Campeões Europeus.

Em seis temporadas houve cinco participações na Liga dos Campeões
Em cinco, um primeiro lugar (depois um percurso até aos quartos-de-final), três acessos à Liga Europa (pelo 3.º lugar) e um 4.º lugar com eliminação das competições europeias. Pelo que se observa Jorge Jesus quando "cai no poço" esbraceja em vez de procurar o meio de sair de lá! Por isso, esta temporada de 2014/15, quando vi na 3.ª jornada o Benfica a não conseguir vencer em Monte Carlo "coloquei as mãos na cabeça" e escrevi neste blogue que em princípio o Glorioso "arrumava as botas" esta temporada. Apesar de matematicamente ser possível, pois o Benfica dependia apenas do... Benfica! Só que "burro velho não aprende línguas"!

JORGE JESUS E A LIGA DOS CAMPEÕES
Época
Cls
Grupo
1.ª jor
2.ª jor
3.ª jor
4.ª jor
5.ª jor
6.ª jor

2010/11

3.º
LE

FC Schalke    13
Ol. Lyon         10
SLB                 6
Hapoel T.A.     5
(C) V 2-0
(F) D 0-2
(F) D 0-2
(C) V 4-3
(F) D 0-3
(C) D 1-2
SLB         3
OL             3
FCS           0
HTA        0
OL            6
FCS         3
SLB         3
HTA          0
OL           9
FCS           6
SLB         3
HTA          0
OL            9
FCS            7
SLB          6
HTA           1
FCS         10
OL             9
SLB         6
HTA        4
FCS         13
OL            10
SLB          6
HTA           5

2011/12

1.º
LC

SLB               12
FC Basileia    11
Manc. UFC     9
FC Otelul G.    0
(C) E 1-1
(F) V 1-0
(F) V 2-0
(C) E 1-1
(F) E 2-2
(C) V 1-0
FCB          3
SLB         1
MUFC    1
FCOG       0
FCB          4
SLB         4
MUFC      2
FCOG     0
SLB         7
MUFC      5
FCB        4
FCOG      0
SLB          8
MUFC       8
FCB          5
FCOG        0
SLB         9
MUFC    9
FCB          8
FCOG      0
SLB          12
FCB           11
MUFC        9
FCOG      0

2012/13

3.º
LE

FC Barcelona 13
Celtic FC         10
SLB                 8
Spartak Msc.   3
(F) E 0-0
(C) D 0-2
(F) D 1-2
(C) V 2-0
(C) V 2-1
(F) E 0-0
FCB          3
SLB         1
CFC         1
FK SM      0
FCB         6
CFC          4
SLB         1
FK SM     0
FCB          9
CFC          4
FK SM   3
SLB         1
FCB            9
CFC            7
SLB           4
FK SM     3
FCB        12
CFC        7
SLB        7
FK SM     3
FCB        13
CFC          10
SLB          8
FK SM       3

2013/14

3.º
LE

FC PSG           13
Olympiakos   10
SLB               10
R Anderlecht   1
(C) V 2-0
(F) D 0-3
(C) E 1-1
(F) D 0-1
(F) V 3-2
(C) V 2-1
PSG          3
SLB         3
And.       0
Olymp.    0
PSG         6
SLB         3
Olymp.     3
And.         0
PSG          9
SLB         4
Olymp.  4
And.         0
PSG          10
Olymp.    7
SLB          4
And.           1
PSG        13
Olymp.     7
SLB         7
And.        1
PSG        13
Olymp.    10
SLB        10
And.           1

2014/15

4.º
Eli

AS Mónaco     11
Bayer 04         10
FC Zenit            7
SLB                 5
(C) D 0-2
(F) D 1-3
(F) E 0-0
(C) V 1-0
(F) D 0-1
(C) E 0-0
FCZ         3
ASM         3
Bayer       0
SLB        0
FCZ          4
ASM         4
Bayer     3
SLB        0
Bayer       6
ASM       5
FCZ          4
SLB        1
Bayer         9
ASM         5
FCZ            4
SLB          4
Bayer       9
ASM        8
FCZ        7
SLB        4
ASM         11
Bayer     10
FCZ            7
SLB          5
NOTA: A azul adversário do SL Benfica

Impressiona o escasso número de vitórias
Apenas 38 por cento, porque são 14 em 37 jogos. Quando estes valores são comparados com os de outros Gloriosos Treinadores causam estranheza de tão escassos. Por exemplo Eriksson e Béla Guttmann conseguiram as mesmas (em número, evidentemente) 14 vitórias em menos 12 e 15 jogos (respectivamente, 25 e 22 para 37). Em percentagem, entre 19 treinadores com quatro ou mais encontros na principal competição da UEFA, apenas quatro têm valores inferiores: John Mortimore (25 por cento), Camacho e Mário Wilson (33 por cento) e Riera (36 por cento). Artur Jorge, Souness e Fernando Santos têm a mesma percentagem de vitórias (38) em relação aos jogos realizados. Um valor muito baixo que inferioriza Jorge Jesus. Mas que tem justificação como tudo se justifica. São cinco temporadas na Liga dos Campeões, ou seja, a "sorte-e-azar" influência muito menos à medida que aumenta o número de jogos, por isso de possibilidades e corrigir o mal para fazer bem!

TREINADORES COM JOGOS
NA TAÇA DOS CLUBES CAMPEÕES EUROPEUS/ LIGA DOS CAMPEÕES
Treinador
J
%V
V
E
D
GM
GS
Melhor
217
---
99
51
67
363
234

Jorge Jesus
37
38
14
10
14
43
45
(2011/12) Quartos-de-final
Sven Eriksson               
25
56
14
4
7
53
19
(1989/90) 1 final da TCCE
Béla Guttmann
22
64
14
3
5
74
33
(1960/61 - 1961/62)
2 finais da TCCE
Otto Glória
14
50
7
2
5
25
20
(1967/68) 1 final TCCE
Jimmy Hagan
12
42
5
3
4
18
10
(1971/72) Meia-final
Fernando Riera
11
36
4
5
2
15
8
(1967/68) 1 final TCCE +
4 jogos para a final
da TCCE 1967/68
Ronald Koeman
10
40
4
3
3
8
7
(2005/06) Quartos-de-final
Elek Schwartz          
9
67
6
1
2
27
7
(1964/65) 1 final TCCE
Jose Antonio Camacho
9
33
3
1
5
7
10
(2007/08) 3.º fase grupos
John Mortimore
8
25
2
3
3
4
8
(1977/78) Quartos-de-final
Artur Jorge
8
38
3
4
1
9
7
(1994/95) Quartos-de-final
Graeme Souness
8
38
3
2
3
16
13
(1998/99) 2.º fase grupos
Fernando Santos
8
38
3
2
3
11
9
(2006/07) 3.º fase grupos
Fernando Cabrita
6
50
3
2
1
6
3
(1973/74) 1/8-de-final +
2 jogos para a final
da TCCE 1967/68
Mário Wilson
6
33
2
1
3
14
11
(1975/76) Quartos-de-final
Toni
5
40
2
2
1
4
1
(1987/88) 1 final da TCCE
Lajos Czeizler
4
50
2
1
1
10
9
(1963/64) Oitavos-de-final
Lajos Baroti
4
50
2
1
1
5
4
(1981/82) Oitavos-de-final
Pal Csernai
4
50
2
-
2
6
6
(1984/85) Oitavos-de-final
Ebbe Skovdhal
3
67
2
1
-
5
0
-
Giovanni Trapattoni
2
50
1
-
1
1
3
-
Jesualdo Ferreira
1
100
1
-
-
2
1
-

Quando o ego trai a competência!

Alberto Miguéns

PLANO:
25 de Dezembro: Jorge Jesus: Campeonato Nacional;
26 de Dezembro: Jorge Jesus: Liga Europa;
27 de Dezembro: Jorge Jesus: Taça da Liga;
28 de Dezembro: Jorge Jesus: Pré-épocas;
29 de Dezembro: Jorge Jesus: Todas as competições
1 comentários
comentários
  1. Feliz Natal e um venturoso ano de 2015 para o autor e para todos os leitores deste blog.
    Este é um espaço de Benfiquismo puro e verdadeiro.
    E desejamos todos, será também em 2015 um espaço de celebração de vitórias do nosso querido Glorioso!
    Festas Felizes!
    VJC

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail