A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

23/02/2016

Em Defesa de Mitroglou

23/02/2016 + 8 Comentários
O NOSSO PONTA-DE-LANÇA CONTA COM 14 GOLOS OFICIAIS NO CAMPEONATO E NÃO COM 13 CONTABILIZADOS POR "ESPERTALHÕES".


Estes são os golos de Mitroglou que as entidades oficiais (UEFA e LPFP) oficializaram e eu registei (Taça de Portugal), pois a FPF não oficializa a informação.



Desde que exista uma entidade oficial que torne público a informação dos relatórios dos árbitros  - com adaptação gráfica - é essa informação que conta. Porque é oficial. É o caso da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) para os jogos dos campeonatos nacionais (1.º e 2.º escalão) e Taça da Liga, bem como da União Europeia de Futebol Association (UEFA) para os jogos da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Os jogos organizados pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) são susceptíveis de interpretação de cada um pois não são tornados públicos - nem com adaptação gráfica - os relatórios dos árbitros.

Retirado do portal www.ligaportugal.pt em 22 de Fevereiro de 2016 às 22:34

Retirado do portal www.zerzero.pt em 22 de Fevereiro de 2016 às 22:42
Como é óbvio Mitroglou marcou dois golos neste jogo porque a entidade que organiza a competição assim considera. Isto não é à vontade de cada um. As informações relevantes dos jogos/competições são oito: data, recinto/local, situação (casa/fora/neutro), adversário, resultado, futebolistas utilizados, marcadores de golos e quem sofreu admoestações com cartões amarelos e vermelhos (ou expulsões no tempo pré-utilização de cartões). São PORMAIORES por que interferem com o jogo. Não estão sujeitas a interpretações. Já os minutos são pormenores, até a hora de início dos jogos (nem sempre corresponde com exactidão) tal como as assistências para golos (que nem são contabilizadas). Os minutos dependem do critério que é díspar e não passa de um pormenor, a nível estatístico. Até porque não há estatísticas perfeitas. Basta pensar que um jogo de futebol, de tempo regulamentar, tem 90 minutos, ou seja, não havendo expulsões, o total de minutos contabilizados para cada equipa terá de ser 990 minutos (11 futebolistas em campo x 90 minutos). Como se percebe uma substituição em tempo de compensação "obriga" a reduzir para 89 minutos o tempo de jogo do futebolista substituído e para um minuto o tempo de jogo do suplente utilizado. Uma questão de lógica, num critério que deverá ser mantido para haver coerência. Tal como os minutos das substituições e dos golos que são pormenores. E como tal sujeitas a critério, mas que deve ser sempre mantido para dar coerência à estatística. Daí não fazer sentido a informação que é prestada quando se percebe que é falseada. Como ocorre centenas de vezes. Eis um exemplo, utilizando o último golo  do Benfica (até à marcação do próximo e desde 1 de Janeiro de 1905). Não foi aos 58 minutos, mas sim aos 56:55 (57 minutos pelo modo como faço os arredondamentos em questões de tempo). Aos 58 minutos é que não foi de certeza!


Retirado do portal www.ligaportugal.pt em 22 de Fevereiro de 2016 às 22:18


Eu neste blogue já disse como faço os arredondamentos, nos golos e nas substituições. Faço-o pela lógica da contagem do tempo entre os seres humanos. Nos minutos contabilizo um arredondamento por defeito até aos 29 segundos e por excesso a partir dos 30 segundos. Para mim aos 14:01 ainda são 14 minutos. Aos 14:30 já são 15 minutos. Tal como  14 horas e um minuto são 14 horas e 14:30 são 15 (se tiver que arredondar). E 35 anos e um mês são ainda 35 anos e 35 anos e seis meses são 36 anos (se tiver que arredondar). Faço os arredondamentos por lógica da contagem do tempo. Segundos, minutos, horas, dias, anos, etecetra, obedecem sempre ao mesmo critério. O tempo de um jogo de futebol - medido por tradição em minutos - não é, para mim, excepção!

Mas as tais entidades oficiais não cometem erros que depois as imagens tornam evidentes?
Cometem! E não são poucos. Mas se ficam por corrigir tal também se deve à incompetência / conivência dos responsáveis dos clubes que no Futebol aqui "neste país à beira-mar plantado" estão sempre muito mais interessados, aptos e vocacionados para a peixeirada, ser alarve e chafurdar na lama (sempre à espreita de uma oportunidade para mostrar o que cada um vale) que para honrar quem o representa (repondo a verdade)!

Deixemos para amanhã alguns exemplos relacionados com o Benfica! Hoje... o que interessa neste blogue é honrar Mitroglou que em cada jogo com o "Manto Sagrado" procura honrar os ases que nos honraram o passado!

Mitroglou conta com 14 golos no campeonato nacional português. Elevando a cifra para 17 no total!

Alberto Miguéns

NOTA (às 13:56) a propósito do comentário de um leitor para reforçar que as estatísticas nunca mostram a realidade, mas devem ter coerência (para ver original clicar):



Tal como não há golos (em termos estatísticos) aos 45 + 33 em jogos com 90 minutos, divididos em duas partes de 45 minutos, também os futebolistas que jogaram a totalidade do jogo não jogaram 128 minutos mas "apenas" 90! (clicanço para ver original) Clicar depois em "ver jogos"!






8 comentários
comentários
  1. Estou absolutamente convencido que Mitroglou será um jogador decisivo nos próximos anos.
    Isto se houver a possibilidade como se propala para aí de o poder manter a troco de uma verba razoável para as posses do Benfica.
    Se assim for será um erro descomunal.
    Estou certo que se ficar na próxima época será ainda melhor.
    Não me admira que seja criticado. Se até malharam em cima de um craque como Cardozo...
    Manter!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro VictorJ

      Concordo 100 por cento.

      Tem valores semelhantes a Cardozo (e não marca as GP´s): um golo a cada 116 minutos (embora Cordozo nas primeiras épocas tivesse médias de 95 minutos).

      Marca a tudo e todos. FCP e SCP já têm que contar!

      Gloriosíssimas Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
    2. Errata:

      onde se lê "Se assim for será um erro descomunal." deve-se ler

      "Se assim não for for será um erro descomunal."

      Naturalmente o que quis dizer é que Mitroglou está a ter rendimento e nota-se que tem prazer em jogar no Benfica.

      Obrigado.

      Gloriosíssimas Saudações

      Eliminar
  2. Por exemplo o minuto 60 vai dos 59:01 aos 60:00.
    59:15 minuto 60. 59:45 minuto 60. 60:01 minuto 61. Não há minutos 0. 0:15 é minuto 1.
    É assim que se apresentam os minutos dos golos (ou deviam apresentar)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Gaia Hunter,

      Claro que não há minuto 0. Tal como o jogo depois do intervalo recomeça ao minuto 45 e não ao 46. Tal como um golo aos 90 + 1 ou um aos 90 + 28 (se houver nevoeiro ou faltar a luz artificial num jogo nocturno), o jogo for interrompido, o árbitro der 28 minutos de tempo de compensação e houver um golo a terminar o jogo continua a ser aos 90 minutos. Os jogos só têm 90 minutos! O minuto 60 vai dos 59:01 aos 60:00 tal como a hora 22 vai das 21:01 minuto às 22 noras e o ano 60 vai do ano 59 e um dia aos 60, por exemplo. Mas ninguém arredonda assim o tempo. Só no futebol. Porquê? Porque sim!

      Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  3. Olá,

    Tomei a liberdade de pesquisar no site da liga e tirar uma captura de ecrã ao quadro de melhores marcadores da Liga, ao dia de hoje. Pode ser consultada aqui: http://imgur.com/rg42px3 e está aberto para todos, incluindo aos inventores de estatísticas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enviei entretanto uma sugestão de correcção aos senhores do zerozero.pt, que foi prontamente aceite. O Mitroglou já está com 14 golos lá. Quanto aos outros portais, nem me vou incomodar.

      Eliminar
    2. Fez bem, faz bem. Em A Bola e Record devem continuar com 13 golos para Mitroglou. Amanhem-se.

      AM

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail