A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

16/01/2016

Se o Líder Venceu? Então...

16/01/2016 + 1 Comentários
NÃO HÁ VOLTA A DAR. É DE VITÓRIA QUE SE VAI TRATAR.


O facto de não ter acesso à internet obriga-me a agendar este texto às 20:00 horas para ser publicado. Conclusão: Não sei que resultado o Sporting CP fará frente ao CD Tondela. Deve ter vencido, daí o título e sub-título.


O Benfica a quatro pontos...
Terá sempre de vencer, nem que seja, para não dilatar distâncias podendo encurtá-las.


Colecção Cromos Euro'2004
É grande a vantagem do Benfica nos confrontos com o GD Estoril Praia
Em 74 jogos, 54 vitórias (mais 48 que as 6 derrotas) e 209 golos marcados (mais 141 que os 68 sofridos). Não podemos pensar noutro resultado que em somar a 55.ª vitória frente ao histórico GD Estoril Praia.

     JOGOS TOTAIS POR COMPETIÇÃO com GD Estoril Praia
Competição
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
74
54
14
6
209
68
Campeonato Nacional
47
33
10
4
127
38
Taça Portugal
4
4
-
-
21
2
Taça FPF
2
-
1
1
4
5
Campeonato Regional
4
4
-
-
14
7
Taça de Honra Lisboa
7
5
1
1
18
10
Torneios
2
2
-
-
7
2
Particulares
8
6
2
-
18
4

Há quatro grandes períodos que definem os confrontos entre o "Glorioso" e o mais importante emblema do futebol da "Linha de Cascais", o GD Estoril Praia.

Anos 40 e 50
O primeiro encontro ocorreu no dia de Natal de 1942, num jogo particular, no campo do CF "Os Belenenses", no estádio das Salésias, com vitória rubra por 6-3. Com a subida do GD Estoril Praia à I Divisão do campeonato regional de Lisboa e depois a obtenção de um lugar para competir na I Divisão proporcionou muitos jogos entre os dois clubes. Entre a estreia em 1942 e a temporada de 1952/53 realizaram-se 19 jogos.

Anos 70 e 80
Depois de um hiato de duas décadas, o regresso do GD Estoril Praia à I Divisão permitiu vários confrontos com o "Glorioso" a partir da época de 1975/76. Foram 23 jogos, até que em 1983/84 o GD Estoril Praia desceu aos escalões secundários.

Anos 90
O GD Estoril Praia conseguiu três épocas na I Divisão entre 1991/92 e 1993/94. Foram seis jornadas mais uma eliminatória na Taça de Portugal. O GD Estoril Praia regressou ao escalão secundário.

Século XXI
Depois da entrada do século XXI, em 1 de Janeiro de 2001, os confrontos entre o SLB e o GD Estoril Praia saldam-se em treze jogos (onze vitórias e dois empates), com a passagem do emblema do Estoril pelo primeiro escalão do futebol português: em 2004/05 e desde 2012/13.



            ÚLTIMOS 45 SLB vs GD Estoril Praia
Jogo
N.º
Época
Comp
Sit
V
E
D
30

75/76
CN
C
7-1
31
THL
N
1-1
32
CN
F
4-0
33

76/77
CN
F
1-1
34
CN
C
6-1
35
TFPF
C
2-2
36
TFPF
F
2-3
37
77/78
CN
F
3-0
38
CN
C
2-1
39
78/79
CN
C
5-1
40
CN
F
2-0
41

79/80
CN
C
4-1
42
Par
C
2-0
43
THL
C
5-1
44
CN
F
2-0
45
81/82
CN
C
3-0
46
THL
N
1-0
47
CN
F
0-0
48
82/83
CN
F
1-0
49
CN
C
3-0
50

83/84
CN
F
4-1
51
THL
N
5-4
52
CN
C
1-1
53
84/85
Par
C
4-0
54
91/92
CN
C
2-2
55
CN
F
2-0
56
92/93
CN
C
4-0
57
CN
F
0-0
58

93/94
CN
C
1-1
59
TP
C
4-0
60
CN
F
3-0
61
00/01
Par
F
0-0
62

04/05
Par
F
2-0
63
CN
C
2-1
64
CN
F
2-1
65
05/06
Par
F
1-0
66
08/09
Par
F
1-1
67
12/13
CN
F
3-1
68
CN
C
1-1
69
13/14
CN
F
2-1
70
CN
C
2-0
71

14/15
THL
N
1-0
72
CN
F
3-2
73
CN
C
6-0
74
15/16
CN
C
4-0
75
CN
F
TOTAIS
45 J - 33 11 - 1 (116/30)

Três pontos frente ao GD Estoril Praia rumo ao "Sonho de Maio"

Alberto Miguéns
1 comentários
comentários
  1. Nem o sporting venceu nem o futebol foi prestigiado esta noite.
    Uma vergonha as atitudes do banco do sporting liderado pelo seu presidente.
    Espero que as autoridades desportivas analisem as imagens e que o relatório do árbitro descreva fielmente o que milhões de pessoas viram.
    Da comunicação social espero pouco mas pelo menos que as autoridades percebam que ou há travão para isto ou criamos condições para que um dia aconteça algo ainda mais grave.
    Existe não apenas a verdade desportiva mas também a exigência que figuras que representam uma instituição de utilidade pública com milhares de sócios tenham um comportamento no mínimo aceitável. Foi um dia negro.
    Foi para lá do razoável, para além do tolerável.
    O Sport Lisboa e Benfica, nomeadamente os seus dirigentes tem de estar atentos e exigir se for caso disso que sejam apuradas responsabilidades e aplicadas as leis do jogo e da conduta desportiva que são exigidas a todos os agentes desportivos antes, durante e após um jogo oficial..
    Voltamos aos anos 90?

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail