A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/01/2016

Cheirou-me a Esturro

13/01/2016 + 2 Comentários
MAS DESTA VEZ FOI FALSO ALARME.


Logo de manhã fui bombardeado com notícias (e pedidos de confirmação por leitores deste blogue) se haveria verdade na afirmação da Liga (LPFP) e depois nos media acerca deste ser o campeonato com mais golos!

Fui ver as notícias LPFP (clicar) e O Jogo (clicar) e fiquei logo de "pé atrás", mas não tendo disponível de momento a informação tive de aguardar chegar a casa para ter acesso à informação que confirmaria ou desmentiria. E fiquei de "pé atrás" por três motivos:

1. Quando vejo datar um determinado assunto - neste caso foi o século XXI - cheira-me que querem esconder algo melhor só porque foi feito uma época ou duas antes;

2. Estavam a fazer as habituações comparações absurdas, de misturar "alhos com bugalhos" pois em metade do século XXI os campeonatos tiveram menos clubes, jornadas e jogos por jornada. Em 16 edições, oito tiveram 16 clubes, o que quer dizer que cada volta teve 15 jornadas e cada jornada teve oito jogos. Não faz sentido comparar duas primeiras voltas, uma em campeonatos de 16 clubes com 15 jornadas a oito jogos cada (120 jogos) com outros com 17 jornadas a nove jogos cada (153 jogos). "Mal do Mundo" se metade de um campeonato com 153 jogos não tivesse mais golos que outro em que a meio dele se jogaram menos 33 jogos!;   

3. Se esta 82.ª edição do campeonato nacional da I Divisão, Liga NOS ou outra nome semelhante (as quatro iniciais denominadas Campeonato da I Liga) é a 18.ª com 17 jornadas na primeira volta porquê não fazer uma apreciação global (entre os 18) e preferir estabelecer o século XXI como limite comparando oito em vez de 18 e "metendo ainda ao barulho" o que citei em 2., ou seja, campeonatos com menos clubes, por isso menos jornadas e menos jogos por jornada?

(clicar em cima da imagem/quadro se quiser visualizar com mais definição)
O certo é que afinal esta é a primeira volta com mais golos de sempre em campeonatos com 18 clubes (34 jornadas) ou seja, primeiras voltas a 17 jornadas com um total de 153 jogos. Com 405 golos em 153 jogos, por "um golo" mas é! Apenas os campeonatos em 2002/03 (o tal com 404 golos), 2001/02 (399 golos/ menos seis golos), 2000/01 (397 golos/ menos oito golos) se aproximam. Depois há o extremo em 1991/92 com menos 94 golos (311) e mesmo a época passada (2014/15) foi menos agradável: 382 giolos (menos 23).

Assim - sabendo das contas certas e acertadas - fiquei com três curiosidades para Maio de 2016 e meses/anos seguintes:

A. Saber se este vai confirmar na segunda volta ser em 18 campeonatos aquele em que se marcaram mais golos, ou seja, se a segunda volta confirma a primeira;

B. Saber se há capacidade para continuar a ter a principal competição de futebol a melhorar a qualidade dos jogos com esse selo de garantia, que é o melhor que há no futebol, chamado "GOLO"; 

C.  Saber "vender" a imagem de uma Liga atractiva para os telespectadores. Ao contrário do que nos impingem os clubes ingleses, espanhóis, italianos, franceses, etecetra não fazem grandes contratos televisivos pelo facto dos seus países terem mais habitantes. Se fosse assim multiplicava-se por 4, 5 ou 6. Não por 30 ou 40! Recebem mais porque vendem o espectáculo que o futebol destes países proporciona em todo o Mundo. Ao contrário do português que nem os adeptos de muitos clubes gastam tempo a vê-lo, tal a mediocridade e principalmente, a falta de golos. Com muitos jogos a terminarem 0-0, 1-0 ou 1-1!

Que 2015/16 tenha mais de 800 golos, até mais de 810. com o Benfica TRIcampeão! Isto sim é que tinha valor!

Alberto Miguéns
2 comentários
comentários
  1. Caro Dr Alberto,

    Bom trabalho de investigação, "chapeau". Todavia, acrescentaria que hoje vislumbramos muitas equipas a praticar um Futebol positivo, por ex: Rio Ave, P Ferreira, V Setubal ou o Maritimo. Depois, a exemplo de Jesus, hoje parece que se tornou moda os Treinadores de Equipas pequenas/médias jogarem com 2 P Lança, e naturalmente há mais golos e espectaculo, claro!

    Já agora, e a propósito das 34 Jornadas e do final da 1ª volta, observei os anteriores 12 Campeonatos, com 34 Jornadas, com a vitória a valer 3 pontos (desde 1995/96), e com essa amostra, de 12 Campeonatos com 34 Jornadas (com a vitória a valer 3 pontos) atentei nos líderes desses 12 Campeonatos à 17ª Jornada e tendencialmente o Campeão de Inverno (1ª Volta), é Campeao em Maio, com apenas duas excepções, deixo a classificação à 17ª Jornada do Campeonato respectivo, com as referidas excepções :

    2004/05 1º Benfica 31 P 2ª Sporting 31 P e 3ª FC Porto 31 P (liderança partilhada, com o menor numero de pontos de sempre com 17 Jornadas, e inedita esta liderança tripartida no final da 1ª Volta em 81 Campeonatos)!

    1999/00 1º FC Porto 40 P. 2º Sporting 37 P. 3º Benfica 32 P.

    Isto é, em 12 Campeonatos com 34 Jornadas, e com a vitória a valer 3 pontos, em 10 X o líder da 1ª Volta, foi Campeão em Maio (1996, 1997, 1998, 1999, 2001, 2002, 2003, 2004, 2006 e 2015), as duas excepções tem quanto a mim uma explicação, a longevidade Europeia, e explico a história Europeia dessas duas excepções:

    Em 1999/00 O FC Porto era líder ao final da 1ª volta, com 3 pontos de avanço sobre o Sporting, todavia, o FC Porto de Fernando Santos realizou 14 jogos na Champions, até cair em Munique nos Quartos Final. Em contraste, o Sporting foi eliminado precocemente da T UEFA em Setembro de 1999 pelo desconhecido Viking. Naturalmente, o desgaste do FC Porto na Champions, provocou sequelas no Campeonato, e o Sporting recuperou o atraso, e foi Campeão!

    EM 2004/05 Na liderança tripartida, o Benfica jogava um Futebol pragmatico à Trapattoni, o Sporting de Peseiro jogava bom Futebol, e o FC Porto teve uma temporada amotinada com 3 Treinadores distintos. Mas, também então, as provas Europeias foram decisivas na recta final do Campeonato. O Benfica de Trapattoni caiu em Fevereiro de 2005 com o CSKA, já o Sporting realizou 15 partidas na Taça UEFA, e acusou no terço final do Campeonato esse desgaste!

    Dito isto, observando essa amostra de 12 Campeonatos, os mesmos definem uma tendencia, o Sporting nesta temporada será Campeão, todavia poderá surgir uma excepção, e qual é? O Sporting alcançar uma fase adiantada na Liga Europa, e perder fulgor no terço final deste Campeonato!

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ou deixarem de ser levados de bicicleta!

      Eliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail