A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

19/11/2015

José Esteves no Quarto Anel

19/11/2015 + 5 Comentários
FALECEU COM 96 ANOS UMA DAS MAIORES FIGURAS INTELECTUAIS DO BENFICA E DE PORTUGAL.




Um Homem de H grande! Quer a nível profissional (professor liceal de Educação Física e treinador de Basquetebol) quer como cidadão livre e dedicado ao bem comum (esteve no "famoso" 3.º Congresso da Oposição Democrática que foi organizado em Aveiro, entre 4 e 8 de Abril de 1973, onde houve uma carga policial repressiva).

Foi no Benfica, nos anos 50 e 60, que encontrou as condições ideológicas (liberdade para criar e respeito pela inovação) e associativas (grandeza de um clube que lhe permitisse desenvolver as suas ideias) que fizeram dele uma referência profissional, cívica e Benfiquista para sempre.

Morreu uma das maiores figuras do Benfica e de Portugal. Um notável. Também com a particularidade de fugir do protagonismo, por isso nunca assumiu as Luzes da Ribalta (a seguir ao 25 de Abril de 1974) quando teve oportunidade para o fazer. Com uma vida profissional intensa, mas discreta e particular cheia de vigor, mas passando despercebido, não poderá - pela sua personalidade - ficar, mais uma vez, incógnito. Apesar de ser assim que ele gostava de viver.

Mas agora que faleceu, "mandamos nós", os que o conheceram, admiraram, respeitam e reconhecem o seu valor. 

Em semana de jogo com o Sporting CP e tendo ele falecido (não havendo urgência em prestar a homenagem escrita que ele merece) deixo para mais tarde fazer neste blogue um destaque em jeito de pequena biografia, evidenciando a sua intensa actividade Benfiquista, inovadora e engrandecedora do "Glorioso".

Por agora, além deste emocional registo escrito, uma sequência de imagens legendadas (mas o professor José Esteves foi muito mais importante, no Benfica, do que estas imagens representam)

Foi o preparador físico de uma equipa de juniores, em 1961, que ficou famosa por ser a primeira a conquistar um Torneio Internacional organizado pela UEFA:


Publicou em 1967 um livro (com 4.ª edição em 1999) que depressa se tornou a "Bíblia" da sociologia desportiva e pedagogia da actividade física para desenvolvimento dos jovens:


Foi um lutador pela Liberdade participando no III Congresso da Oposição Democrática, realizado, em Aveiro:


Apresentou uma tese "à José Esteves" (com António de Sousa Santos): simples, sobrepondo o essencial ao acessório: Sobre a promoção desportiva nacional.


Um Congresso que ficou marcado por uma violenta carga policial:


Mas essa reunião de Oposicionistas do "Reviralho" foi muito mais do que isso! Há quem diga que foi uma espécie de preâmbulo para o que aconteceria um ano depois em 25 Abril de 1974.


Obrigado Benfiquista Professor José de Sousa Esteves (1919 - 2015)

Alberto Miguéns
5 comentários
comentários
  1. Não tem nada a ver com o assunto mas aqui lhe deixo uma "provocação". O que tem a dizer sobre a manchete de hoje sobre os adeptos dos três grandes no Mundo? LOLOL
    José Algarvio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro José Algarvio.

      Nem sabia disso. Vou tentar "apanhar" essas manchetes.

      Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  2. Um homem como ha poucos hoje em dia, com principios, coragem e saber como ja nao se usa. A semelhanca do seu grande amigo Salgado Zenha poderia ter feito uma grande carreira no espectro politico, mas tambem preferiu outros campos bem mais dignos.

    Paz a sua alma e as condolencias a familia e amigos. Hoje, o Benfica esta de luto.

    ResponderEliminar
  3. Mais um Benfiquista ao serviço do "Clube do regime".
    "democratas"como urgel horta ou o pistoleiro gois mota é q era!!!

    Carrega Professor!!!!!!!!!!!!

    VIVA O BENFICA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  4. O nosso país muito deve a estes Homens que no labor discreta do seu trabalho mas assente no fulgor e brilhantismo do seu intelecto nos deixam uma obra sólida e inspiradora.

    Um notável que nos deixa.

    Fica um Obrigado sentido que aliás lhe é devido pela parte de qualquer Benfiquista que se preze

    Paz à sua Alma.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail