A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

07/01/2015

Quando Os Dragartos Não Aprendem...

07/01/2015 + 12 Comentários
COMEMORAÇÕES DE CLUBE PEQUENO.



Há um mês que de adiamento em adiamento chegou o dia de ser publicado. Quando não há títulos e triunfos significativos para noticiar assinalam-se efemérides de jogos como se de um título se tratasse. E até é. Para clube pequeno.

Clube do Fascismo Português
O Sporting CP é um clube sui generis. Elitista julga-se maior do que realmente é. Pelo menos mais importante que o seu real valor. O facto é que a nível de futebol o simpático clube fundado por José Alvalade apesar de durante muito tempo ser - até 1997/98 - o segundo clube português com mais títulos de campeão nacional sempre os conquistou de uma forma "desgarrada". Cresceu sustentado na promiscuidade entre os seus principais dirigentes (Salazar Carreira, Góis Mota, Cazal-Ribeiro, Brás Medeiros, por exemplo) e o poder emergente do 28 de Maio de 1926, definhou com o 25 de Abril de 1974. Desde 1974/75, quatro campeonatos nacionais em 40 anos! Em média, um título a cada dez anos. Mas até a estatística enganam. Pois conquistaram-nos concentrados dois a dois!

Clube de uma década (1947 a 1954)
O Sporting CP como clube dominador apenas existiu, em oito décadas de campeonato nacional num curto período de oito épocas, entre 1946/47 e 1953/54, quando obteve sete títulos. Que correspondem na actualidade a 39 por cento dos seus troféus de campeão nacional (7 em 18). Antes desses sete, nas doze edições anteriores (1934/35 a 1945/46) conquistaram dois (perdendo dez) e nas 60 edições seguintes (1954/55 a 2013/14) conquistaram os restantes nove (perdendo... 51)!

"Compeonatus Interruptus"
A vida do Sporting CP após esse mini-período de conquistas, entre meados da década de 40 e meados dos anos 50, foi a de interromper ciclos de Tricampeonatos do Benfica. Um título a cada quatro temporadas. A sua grandeza criada em muito pela gente que Salazar Carreira foi colocando na comunicação social: revistas (Stadium, além do Século Ilustrado, Notícias Ilustrado e Flama), jornais (O Sport/Mundo Desportivo, mais tarde no Record e ainda mais tarde n' A Bola), rádio (EN) e televisão (RTP) foi a de impedir o Benfica de ir além dos tricampeonatos, nos anos 60 e 70.

"Grandeza" foi-se com o 25 de Abril
Com a queda do Estado Novo o Sporting CP finou-se. Vai-se sustentando na base popular que não sendo muito ampla permite-lhe ter uma implantação nacional e praticar várias modalidades ainda que sem grande expressão entre as mais importantes, a não ser no sistema "aparecem-desaparecem". Por exemplo neste momento voltaram a competir em hóquei em patins e râguebi. Continuam ausentes em basquetebol e voleibol.

A Santa Aliança do Projecto Roquette
Depois de uma tentativa de ressurgir no início dos anos 80 muito à custa da azelhice dos dirigentes do Benfica (saídas de jogadores do SLB: Jordão, Artur, Eurico, Fidalgo) fundamentais para conquistarem os títulos em 1979/80 e 1981/82, fizeram uma travessia a ver o SLB e o FCP ganharem até Pinto da Costa e José Roquette estabelecerem o pacto, em finais dos anos 90, para afastar o Benfica e os dois clubes "estarem sempre representados (presentes) na Liga dos Campeões" que tanto indignou João Rocha.


Tudo na mesma como a lesma
Depois dos desentendimentos entre Pinto da Costa (FCP) e Dias da Cunha (SCP) apesar deste ter sido escolhido para presidente do Conselho Directivo numa linha de continuidade do Projecto Roquette, o Sporting CP regressou ao que sempre foi (excepto entre 1946/47 e 1953/54): um clube para empatar a vida dos outros.

Os números não enganam (Parte I)
O Sporting CP tem conquistas residuais. Nos últimos dez anos dominados pelo FCP (sete títulos) não conquistou nenhum título. Nos últimos 20/30 anos regista duas conquistas (menos de um título por década). Nos últimos 50 anos (meio-século) apresenta sete conquistas, para 22 do FC Porto e 20 do Benfica. Por tudo isto (pouca expressão real no futebol português e europeu) percebe-se a necessidade de colagem a jogadores que não tiveram sucesso no clube e depois foram referências mundiais: Figo e Ronaldo.

CONQUISTAS DE CAMPEONATOS NACIONAIS
Últimos .... anos
Épocas
(Primeira-última)
SCP
Outros
10
2013/14 -2004/05
0
FCP (07)
SLB (03)
-
-
20
2013/14 -1994/95
2
FCP (14)
SLB (03)
BFC
1
30
2013/14 -1984/85
2
FCP (20)
SLB (07)
BFC
1
40
2013/14 -1974/75
4
FCP (22)
SLB (13)
BFC
1
50
2013/14 -1964/65
7
FCP (22)
SLB (20)
BFC
1
60
2013/14 -1954/55
9
SLB (26)
FCP (24)
BFC
1
70
2013/14 -1944/45
16
SLB (28)
FCP (24)
BFC
CFB
2
80
2013/14 -1934/35
18
SLB (33)
FCP (27)
BFC
CFB
2

Os números não enganam (Parte II)
Eu sei que praticamente ninguém tem essa ideia, mas o Sporting CP corre para o seu maior período de insucessos, com a agravante de este ir suceder ao anterior que já é enorme, com 17 títulos consecutivos desperdiçados.
Outra ideia que ninguém tem - porque os media não têm interesse em estigmatizar o Sporting CP enfatizando a sua pequenez - é que o Sporting CP nunca consegue conquistar sequências de títulos consecutivos. Em 18 conquistas (onze são isoladas) e depois tem os restantes sete concentrados em oito temporadas. Mas... o campeonato nacional corre pela 81.ª edição. Sporting CP: Muita parra, pouca uva. Estão verdes!

MAIORES SÉRIES DO SPORTING CP SEM CONQUISTAR O CAMPEONATO NACIONAL
Épocas
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
17
82/83















98/99
12
02/03










13/14




18/19
6
34/35




39/40











5
74/75



78/79












3
54/55

56/57














3
58/59

60/61














3
62/63

64/65














3
66/67

68/69














3
70/71

72/73














2
41/42
42/43















2
44/45
45/46















1
49/50
















1
80/81
















1 (62)
00/01
















 4
50/51


53/54













 3
46/47

48/49














1
40/41
















1
43/44
















1
57/58
















1
61/62
















1
65/66
















1
69/70
















1
73/74
















1
79/80
















1
81/82
















1
99/00
















  1 (18)
01/02

















De comemoração em comemoração até ao destino fatal...

Alberto Miguéns
12 comentários
comentários
  1. Ou seja, bdc apenas foi campeão 4 vezes, sendo que só terá memória de DOIS.
    Em 1980 devia ter 8 anitos...
    Como é que um clube que se diz grande pode ter um presidente que apenas festejou duas vezes o título de campeão?
    Já começo a entender melhor aquela sede de protagonismo.

    ResponderEliminar
  2. E em relação aos 7-1, a pergunta que deveriam fazer era:
    Já eras nascido no dia 14 de Dezembro de 86?
    Do que eu não me lembrava era do nome do GR do Bayern. Era n "nosso" Butt não era?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era pois. O nosso Butt a jogar À Benfica!

      Eliminar
  3. Anónimo9/1/15 19:09

    Gosta muito de bater no Scp mas já que fala de factos conte a historia toda e não só a parte que lhe convém! Sabe o que é que é pequenez?! Pequenez é após um resultado destes queimar bandeiras e caxecois...pequenez é rasgar cartões de sócio e NENHUM sportinguista após a eliminatória com o Bayern rasgou ou queimou o que quer que seja!! Veja la que até foi nesse 7-1 que pela 1a vez vi bancadas de 1 estádio em Portugal a arder!!
    Fala de promiscuidade entre o Scp e o estado novo mas foi no estado novo que o seu clubezeco recebeu uma das maiores ajudas de sempre em Portugal!! Então agora uma pessoa é impedida de ir para o estrangeiro por ser considerada património de Portugal!! Certamente sabe de quem me refiro!!Esses malandros do estado novo sempre contra o pseudo grande maior da galáxia Essiobe!! Claro que há outros exemplos gritantes de ajuda à sua agremiação como quando a rtp antecipou dinheiro ao seu clubezeco para contratar o Futre dinheiro esse de TODOS os contribuintes!! Ou então dos benefícios que gozou em relação à construção do estádio que foram tudo menos justos relativamente a outros clubes!! E podia continuar mas não vale a pena...já agora faça como das outras vezes e não aceite os meus comentários pois isso ainda me dá mais gozo!!

    Em defesa do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muita conversa sem factos comprovados.

      1. Bancada a arder só o que o Botafogo provocou na "Catedral". Espero que já tenham pago a conta;

      2. Eusébio odiava o Sporting CP por ser racista. Mas o poder queria obrigá-lo a jogar no SCP. Chegou a Lisboa em 15 de Dezembro de 1960 e foram necessários cinco meses para a DG Desportos (que os Benfiquistas diziam ser DG Sporting por ser rápida a despachar assuntos SCP e demorada com assuntos SLB) autorizar Eusébio a jogar. Eusébio não saiu para o estrangeiro (até 1966) porque o Benfica não quis (em Portugal os clubes, todos os clubes, tinham direitos desportivos (a Carta) sobre os futebolistas até querem). Chamava-se Lei de Opção (no ano em que terminava o contrato o clube escrevia uma carta registada ao futebolista a dizer que optava por renovar o contrato). Ficava automaticamente renovado por um ano, embora pudessem chegar a acordo por mais anos. Um futebolista podia recusar a renovação. Mas ficava um ano sem competir a nível oficial. Ao final desse ano ficava livre para assinar por qualquer clube. Aliás pensou-se nisso quando a DG... S não resolvia o assunto em 1960/61. Esta Lei só terminou com o 25 de Abril de 1974. Eusébio não saiu porque o Benfica nunca deixou accionando sempre a Lei de Opção. Não precisava de Salazar para nada. Aliás em 1966 até deixou Eusébio acordar com o Inter de Milão a transferência. Só que entretanto Itália proibiu a entrada de estrangeiros devido ao facto da selecção ser eliminada pela Coreia do Norte no Mundial de Inglaterra. Não vale a pena tentar enganar a história com conversa;

      3. A RTP pagou adiantado as transmissões dos jogos do Benfica. Apenas isso. Em vez de pagar três temporadas ano a ano, pagou logo três épocas;

      4. O estádio foi construído com o dinheiro (campanhas do cimento, ferro, etc). Por isso foi construído pequeno, com dois anéis em 1954 (35 mil pessoas). O SCP é que em 1956 conseguiu fazer um estádio de 50 mil pessoas sem campanhas a não ser vender uns selos que chamaram "lagartos" mas que tiveram pouca saída. Toda a gente ficou espantada como é que o SCP de um momento para outro erguia um estádio maior que o do Benfica em menos tempo! De onde viria o dinheiro. Parece que entretanto derem menos do que o SCP queria e deixaram a bancada por fechar, o chamado peão, em frente à Bancada Central com pala;

      5. Nunca foram censurados textos - e este até podia porque goza com o nome do Eusébio - a não ser que alguém utilize o comentário para insultar terceiros. Ou seja, os autores do blogue até aceitam ser insultados. Aproveitar para insultar outros é que não!

      Boa sorte para a Taça da Liga.

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  4. 1- Sabe quem é Hilário da Conceição?!Desmentiu categoricamente Eusébio na questão do racismo!E eram grandes amigos!Mais uma mentira que vai ao ar!

    2-Existem imagens do antigo estádio de Alvalade a arder na sequência da queima de cachecóis e bandeiras do seu clube após os célebres 7-1! Os cartões de sócio rasgados certamente não provocavam um incêndio!!Felizmente na altura as bancadas eram em betão e como tal não provocou danos por ai além!!

    3- Só recentemente o SCP recebeu o que é seu por direito relativamente aos terrenos do antigo estádio!! Com o seu clube não demorou estes anos todos!!

    4- A academia do SCP foi financiada única e exclusivamente por verbas do clube!! Já da academia do seu clube não se pode dizer o mesmo com a agravante de ter sido financiada com dinheiro de todos (CGD)

    5- Botafogo é um clube brasileiro mas se por meia dúzia de bandidos ficamos com essa alcunha nesse caso vocês ficam com a alcunha de assassinos pois, felizmente ainda nenhum adepto do SCP matou adeptos de outros clubes! O mesmo já não podem dizer os adeptos do seu clube!

    6- Infelizmente o meu clube à mais de meio século que não ganha 2 campeonatos seguidos mas é curioso que se tenha esquecido que o seu também não o faz à muito tempo (30 anos)

    Não faltei ao respeito a Eusébio até porque bastava ele falar para se desrespeitar a si próprio!
    No entanto paz à sua alma

    Cumprimentos

    Em defesa do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1. O que eu li foi Hilário a dizer que foi o primeiro negro a jogar no Sporting Clube de Lourenço Marques. E Eusébio o segundo!;

      2. Os cartões do SLB começaram a ser plastificados em 1972. Não se conseguiam rasgar!;

      3. O Benfica fez um mau negócio (por isso o dirigente que o fez foi criticado na assembleia geral) trocando, em 1981, com a CML a Sede na avenida Gomes Pereira por terrenos impróprios onde depois construiu a Cidade Desportiva. O citado dirigente era autarca e permitiu que a sua Junta de Freguesia fosse transferida de um acanhado prédio na rua Cláudio Nunes para um Palácio (com rinque, piscina e sala de cinema) onde ainda está na actualidade. Dizia-se que o edifício valia 2 a 3 vezes mais que os terrenos da permuta. O dirigente deixou de o ser mas foi autarca consagrado na freguesia. Pudera!;

      4. Foi tão financiada pela CGD como a publicidade à mesma no estádio José Alvalade. O que é que interessa se está no topo do Campo Grande ou em Alcochete. O que conta é o dinheiro a entrar no SCP, seja no banco de Alcochete seja no do Lumiar;

      5. Matou um adepto do Sporting CP, como podia ter morto um do Benfica, um jogador, um dos árbitros ou o Presidente da República. Ninguém consegue fazer pontaria com um foguete. Ele faz a sua própria pontaria;

      6. Pois não. E isso preocupa-me. Já lá vão 30 anos. Pode ser que seja esta temporada. O Sporting CP não ganha dois campeonatos seguidos desde 1953/54. São 60 anos. O dobro de 30!

      Saudações

      Boa sorte para o Sporting CP na Taça de Portugal e na Liga Europa.

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  5. Aconselho o então a procurar as declarações de Hilário após Eusébio chamar o SCP de racista!Veja la que inclusivamente diz que este andava confundido ou com lapsos de memória!!Falar a seguir ao almoço dá nisso!
    SCP e Sporting de Lourenço Marques apesar de filiais não eram o mesmo clube portanto mais patéticas foram as declarações de Eusébio sobre o SCP!
    Publicidade estática nos estádios,salvo erro, abrangia os 3 grandes!Nada tem a ver com financiar uma academia com dinheiros públicos!! E se formos a ver bem vocês na formação só agora mostram algo portanto certamente não terá sido pelo valor da formação do SLB!
    Aqui não está em causa se podia ter morto x ou y o que está em causa são os factos e esses são que uma vida se perdeu!!
    Pode ser que seja este ano tem tudo para isso!! Desde só jogarem para o campeonato aos empurrões que tem tido!! E não tem sido poucos mas eu divirto me muito pois dá para ver a coerência dos benfiquistas em relação às arbitragens afinal de contas não há muito tempo eram árbitros para a jarra, ou DVD's na liga...boicotes aos jogos fora, agressões a árbitros em shoppings..agressões a fiscais de linha em pleno relvado sem que nada se passasse...enfim um sem número de situações!!
    Curiosamente hoje em dia andam
    caladinhos que ninguém os ouve!
    Até a democracia que era uma das grandes bandeiras do SLB se foi afinal de contas têm um presidente com um passado mais que duvidoso que alterou estatutos para se perpetuar no poder mas com isso posso eu bem!!

    Cumprimentos

    Em defesa do Sporting Clube de Portugal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anda mal informado. Vai na conversa da comunicação social portuguesa que é medíocre (porque cobarde e mais interessada em tricas, como se percebeu até no diferendo BdC e MS.

      1. O Sporting LM era racista. Elitista só jogava com brancos ou mestiços. Só mudou porque não conseguia vencer o campeonato local frente ao Ferroviário (Belenenses) e Desportivo (Benfica)

      Campeões

      1950. Ferroviário
      1951. Ferroviário
      1952. Desportivo
      1953. Sporting (só com brancos e indianos)
      1954. Ferroviário
      1955. Ferroviário
      1956. Desportivo
      1957. Desportivo
      1958. Ferroviário
      1959. Desportivo
      1960. Sporting (com Eusébio)

      Mesmo quando Mário Wilson foi contratado pelo SCP (em 1950 para avançado-centro em substituição do inigualável Peyroteo) houve polémica entre (alguns) dirigentes sportinguistas. Foi preciso certificá-lo como Mestiço não negro.

      2. A CGD patrocina apenas um estádio, o do SCP. E depois o Caixa Futebol Campus (SLB) e o Dragão Caixa (FCP);

      3. Foi um acidente. Se o foguete tem desviado cerca de 20 metros para o lado esquerdo, três bancadas abaixo, era eu que podia ter morrido. Se alguém ficou indignado e continua irado com o que se passou fui eu, que por causa de um adepto estúpido e alarve podia ter morrido a ver um jogo de futebol;

      4. A única derrota do SLB no campeonato foi com um roubo do tamanho de uma pedreira. Daqui a pouco vou ver o que vão fazer ao SCP no mesmo local!

      Saudações

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  6. Os Sportinguistas não são racistas! Basta ver o quanto Hilario da Conceição e Rui Jordão foram e são acarinhados!
    Pode ter sido um acidente o que não é acidente é já ter visto faixas alusivas a esse anormal ("Hugo Inácio eterno guerreiro") e comentários a apoia-lo porque matou um "lagarto".
    Se tiver curiosidade há de pesquisar a sátira feita pelas claques do SLB aquando da morte do ultimo dos 5 violinos..

    Foram prejudicados em Braga, sem dúvida e em quantos jogos tiveram benefícios da arbitragem? Faz me lembrar certos anos do FCP em que no 1º terço estes eram empurrados até a equipa estabilizar e todos sabemos como acaba...Só para dar 1 exemplo na mesma jornada tiram um lance limpo ao Nacional contra o Benfica, lance este de golo eminente e ao SCP anulam um golo limpíssimo no empate caseiro frente ao Paços de Ferreira.

    Falou que o SCP é um clube que vive de empatar a vida dos outros, comentário esse que para além de deselegante, não corresponde de todo á verdade pois analisando os números de cada campeonato vê-se que na grande maioria o SCP lutou pelo titulo até ao fim. Nos últimos 30 anos nem sempre aconteceu é um facto mas mesmo nesta fase, por várias vezes lutou até ao fim pelo campeonato.
    Dou até o exemplo do ano passado em que, contra um grande SLB o SCP lutou até ao fim pelo titulo e, mesmo na taça caiu de pé proporcionando um derby para a historia. Só nos últimos 20 anos lutou pelo titulo até ao fim em 93/94, 94/95, 96/97, 03/04, 04/05, 05/06 e 06/07 e não coloco outros anos em que ficou em 2º lugar devido á diferença pontual a que ficou do campeão! Não é assim tao mau para um clube que vive de empatar os outros

    O SCP tem o destaque que tem devido á sua história e á sua enorme massa crítica! Ao contrário do que afirma o SCP continua com uma imensa falange de apoio mesmo estando esta meio adormecida!
    Continua com a 2ª maior massa adepta em Portugal apesar da comunicação social tentar fazer passar uma ideia contrária!

    Só me posso rir quando diz que a comunicação social não tem interesse em estigmatizar o SCP quando é precisamente isso que acontece e basta ver o exemplo da recente "guerra fria" entre BdC e Marco Silva.
    Felizmente isso comprovou que se á clube em Portugal que é verdadeiramente democrático esse é o SCP.
    No SCP não á seguidismo cego nem ditaduras como se pôde comprovar pois mesmo gostando do nosso presidente fizemo-lo ver que nada nem ninguém se sobrepõe ao SCP!
    O SLB já foi um exemplo nesta área mas, actualmente já não é, afinal de contas, têm 1 presidente que se perpetuou no poder através da mudança de estatutos de modo a não ter oposição, fora, claro está antecipar eleições para garantir que não tinha oposição!
    Ao que consta, em alguns blogs afectos ao SLB duvida-se que LFV reúna os requisitos para ser presidente pois duvida-se que tenha os anos de sócio suficientes para poder exercer o cargo que exerce.
    Felizmente o presidente do SCP é apenas e só do SCP. Mesmo tendo defeitos é genuinamente do SCP! Não foi sócio de rivais e, muito menos festejou golos de rivais contra o SCP!
    Não creio que possa dizer o mesmo...

    Cumprimentos

    Em defesa do Sporting Clube de Portugal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1. Não disse que são o foram. Apenas assumi que percebia a opinião de Eusébio porque conhecia o que se passou no Sporting de Lourenço Marques e a viver em Moçambique fazia a comparação com o Sporting de Lisboa!;

      2. Há adeptos estúpidos e alarves em todos os clubes. Por uma questão de proporcionalidade haverá mais nuns clubes que noutros;

      3. Só com o Gil Vicente FC num lance de fora-de-jogo (que deu golo) semelhante a dois frente ao CD Nacional (Taça da Liga) aos 2 e 54 minutos que como foram indevidamente assinalados provavelmente evitaram dois golos que a serem concretizados eram legais. Compreendo a dificuldade de analisar os três lances, ambos mal avaliados. Em minha opinião é impossível, em termos de biologia humana, um árbitro assistente analisar com 100 por cento de certeza uma jogada sincronizada que envolva dois futebolistas - o que faz a assistência e o que recebe a bola mais à frente - separados por 15/20 metros de distância;

      4. «Empatar os outros» no sentido de por onze vezes não ter conseguido conquistar o 2.º título consecutivo, acabando por ter como significado, nessas onze vezes, interromper ciclos de outros clubes;

      5. Sem dúvida que há milhões de sportinguistas. Em 2002 (última sondagem) havia. Enquanto não houver nova sondagem - e tenho muita curiosidade em saber o que indicará - não me pronuncio. Nem em relação ao SLB. Aprecio o rigor;

      6. Não estigmatiza o SCP. Mas como são uns media medíocres e rascas adoram "trocas e baldrocas". Neste caso não escolhem clubes. Aproveitam tudo. Até criam factos, se for preciso. Como sabe. Sabemos todos;

      7. Tenho o máximo respeito pela história do Sporting CP e pelo sportinguismo (que distingo do lagartismo). Tanto que regularmente leio, abrindo ao acaso, a História e Vida do Sporting Club de Portugal (três volumes com mais de 300 páginas cada um) da autoria de Eduardo de Azevedo, penso que avô materno de Bruno Miguel Azevedo Gaspar de Carvalho.

      Boa sorte para logo à noite.

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  7. Pensa e pensa bem!! É de facto avô de BdC! Estamos plenamente de acordo em relação à comunicação social!! Em portugal não se faz jornalismo...eu diria mais jornalixo!!
    Recentemente durante a crise entre BdC e Marco Silva uma das capas do jornal "A bola" era das coisas mais ridículas que já vi!! Segundo a capa desse jornal (?!) BdC e Marco Silva não se falavam à 12 dias!! Ridículo mesmo!
    Eu soube dessa sondagem mas mesmo essas sondagens pouca credibilidade têm pois baseiam-se num universo pequeno de pessoas e fazem a percentagem consoante os gostos clubisticos de cada um! É tudo menos rigoroso!!
    Baseio a minha opinião também no facto de ter bastado uma época melhor relativamente à mediocridade dos últimos anos para o SCP ter arrastado multidões por esse país fora muito acima do FCP e relativamente perto do SLB! Consultando os dados relativos à época passada houve algumas deslocações onde o SCP arrastou mais pessoas que o próprio SLB!

    Cumprimentos

    Em defesa do Sporting Clube de Portugal

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail