A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

30/12/2014

Que Estúpido Que Eu Sou!

30/12/2014 + 6 Comentários API
ESTA COMPETIÇÃO MERECIA MUITO MAIS INTERESSE DOS MEDIA. PORQUE OS CLUBES INTERESSAM-SE (E MUITO) POR ELA!


Fico estupefacto (mas isso deve-se à minha provável estupidez por não entender a realidade do mundo dos media portugueses) pelo facto da Taça da Liga correr já na oitava edição e continuar a não ter o devido destaque nos media, em particular, nos jornais. Com a agravante de coexistir no tempo da informática, cibernética e demais electrónica, sendo por isso mas fácil dar-lhe importância, destacando os seus principais atributos e contributos. Afinal os media é que desprezam a competição, não são os clubes, mesmo que alguns clubes (FC Porto e Sporting C) dêem essa ideia para desvalorizar os insucessos. E os media vão atrás dessa lengalenga. Deixem de ser preconceituosos e preguiçosos. Valorizem uma competição que é mesmo uma competição e não apenas um jogo oficial como a Supertaça! Num tempo em que se forem competentes e aplicados conseguem ter a competição ao pormenor pois é contemporânea de recursos que permitem escrutiná-la segundo a segundo, desde a estreia, pelas 17 horas, em 4 de Agosto de 2007!

AVISO: O facto de ter estado ocupado até muito mais tarde que o habitual não permitiu completar o texto para hoje, até porque se não estiverem previamente programados (por isso terminados) são concluídos entre o final do jantar e a meia-noite. Ontem não deu para terminá-lo, mas vou fazê-lo nas próximas duas horas. Deixo entretanto os quadros, pois para bom entendedor os quadros bastam! Obrigado. NOTA: São 02:30 horas da matina. Está concluído. Espero que tenha interesse!

Bom modelo competitivo
A Taça da Liga assenta num modelo que está bem enquadrado no calendário das competições e que conseguiu coerência entre os outros. Tirando a primeira edição que era anacrónica pois conflituava com a preparação das jornadas nas competições europeias dos clubes apurados para estas as edições seguintes (sete) estão bem enquadradas. Um período inicial - 1.ª e 2.ª fases - reservada aos clubes não competem a nível europeu e depois já com os "clubes europeus" na 3.ª fase e meias-finais, entre Janeiro e Fevereiro, antes do reinício da fase a eliminar da Liga dos Campeões e da Liga Europa. Apesar do alargamento da Primeira Liga, de 30 para 34 jornadas, ter enchido o calendário. Mas será transitório pois o Primeiro Escalão terá de regressar às 30 ou mesmo a 26 jornadas. O actual modelo (34 jogos) é uma aberração face ao valor do futebol português. Um modelo "mentiroso" pois os clubes ao marcarem poucos golos, por não terem qualidade e jogarem para o "pontinho" afastam os espectadores e depois não têm dinheiro para pagar devidamente, a tempo e horas, aos futebolistas e treinadores. Por isso há cada vez mais futebolistas e treinadores medíocres na Primeira Liga. Um ciclo vicioso.

Competição com lugar próprio
Além disso, a Taça da Liga tornou-se uma competição alternativa às outras duas. Não é um "minicampeonato", mas também não é uma "minitaçadeportugal". É a Taça da Liga. Com a possibilidade do vencedor fazer 10 jogos (ou 12 devido ao actual alargamento) se iniciar a competição da Primeira Fase, mas também apenas cinco (ou seis pelas circunstâncias actuais) se a fizer a partir da Terceira Fase. Um bom número de jogos. No campeonato são 34 e na Taça de Portugal (entre nove e sete). E tem um modelo intermédio alternativo às outras duas: Campeonato Nacional a pontuar desde 1934/35 com o nome de Campeonato da I Liga e Taça de Portugal a eliminar desde 1921/22 com o nome de Campeonato de Portugal. A Taça da Liga tem pois individualidade e coerência. É uma competição bem estruturada, com princípio meio e fim.

Valores de excelência
A Taça da Liga é uma competição para 32 clubes - 33 em 2013/14 e 36 em 2014/15 - com substância. Em oito edições participaram 44 emblemas (o Clube Oriental de Lisboa é o 44.º) com 22 clubes (metade) totalistas na Taça da Liga, embora cinco (incluindo o Benfica) ainda não se tenham estreado em 2014/15.
Nestas oito edições, entre 2007/08 e 29 de Dezembro de 2014 já se realizaram 473 jogos com 1085 golos marcados por 708 jogadores (1057, pois 28 são autogolos). Não estamos a falar de um jogo. É uma competição! Se forem cumpridos os regulamentos, talvez por estarmos em Portugal seja melhor dizer - se os regulamentos forem respeitados pelos órgãos competentes tais como conselhos de disciplina e justiça - a não existirem jogos anulados após a realização da final desta oitava edição teremos 502 jogos realizados, pois faltam 29 até ao final desta edição: nesta 3.ª fase, os dois em falta na 1.ª jornada (incluindo o do "Glorioso"), mais oito da 2.ª jornada, oito da 3.ª jornada, quatro da 4.ª jornada, quatro da 5.ª jornada, as duas meias-finais e a final. Em oito temporadas realizam-se meio milhar de jogos! E com 1086 golos, faltando 29 incluindo cinco - esperam os Benfiquistas do "Glorioso" - vão ultrapassar-se os 1100 golos. Talvez se chegue próximo do 1120.º golo na Taça da Liga! Um valor de categoria tendo em conta o que se passa no Campeonato Nacional e na Taça de Portugal, as outras duas únicas competições portuguesas. A Taça da Liga é a terceira. A Supertaça, repito, não é uma competição. É um jogo!

Honrar a competição
Se quem devia - porque vive disso - é incompetente e/ou preguiçoso e não faz o que deve ser feito resta aos adeptos que gostam de futebol contribuir para dignificar uma competição que honra o futebol português, o palmarés dos clubes que a jogam e ainda mais os emblemas que têm o privilégio de a conquistar e ficar na posse dos troféus.

O quadro que melhor desmascara a falácia
Como se percebe o Benfica é o clube que obtém os melhores resultados, com 86 por cento de rendimento, traduzindo isso nas cinco conquistas em sete, com apenas dois insucessos (eliminado pelos futuros vencedores da competição: Vitória FC Setúbal , em 2007/08 e SC Braga, em 2013/14).

Mas o Sporting CP (com 68 por cento) e o FC Porto (com 65 por cento) são os clubes que se seguem, ou seja, 2.º e 3.º melhor (pois o FC Paços de Ferreira conta, provisoriamente, com mais uma presença que o FCP mas já foi eliminado). Afinal o FCP e o CP dão importância à Taça da Liga. O que têm é sido competentes nos momentos decisivos: meias-finais e finais perdidas. O resto é conversa da treta para enganar distraídos ou quem "emprenhe" pelos ouvidos. Se não tivessem interesse na competição alguma vez conseguiam estar entre os três melhores clubes em oito edições? Como é que desinteressando-se são melhores que os outros dois clubes - Vitória FC e SC Braga - que conquistaram os troféus? Têm sido (e espero que nesta 8.ª edição continuem a ser) I-N-C-O-M-P-E-T-E-N-T-E-S! E querem esconder - utilizando os media - essa incompetência apregoando desinteresse. Ao menos assumam a incapacidade e deixem-se de falácias que o rendimento de FCP e SCP nas oito edições da Taça da Liga mostram serem "desculpas esfarrapadas"!

MELHORES CLUBES (RENDIMENTO)
COM MAIS DE 50 POR CENTO
Clubes
N.ºEd
%R
J
V
E
D
GM
GS
DG
SL Benfica
7
86
32
24
7
1
63
22
+ 41
FC Paços de Ferreira *
8
68
28
17
4
7
41
34
+ 07
Sporting CP
8
68
30
17
7
6
52
27
+ 25
FC Porto
7
65
26
14
6
6
38
23
+ 15
SC Braga
8
63
23
13
3
7
43
20
+ 13
Moreirense FC
8
58
25
9
11
5
35
27
+ 08
Gil Vicente FC
8
56
34
12
14
8
46
41
+ 05
Rio Ave FC
8
56
29
11
10
8
32
29
+ 03
Vitória FC Setúbal
7
53
30
12
8
10
36
30
+ 06
GD Estoril Praia
8
51
38
12
15
11
42
40
+ 02
FC Penafiel *
7
51
39
14
12
13
37
43
- 06
NOTAS: Rendimento obtido com dois pontos por vitória e um ponto por empate; * Clubes já eliminados nesta edição de 2014/15 da Taça da Liga

Numa competição com equilíbrio
Há poucas goleadas, mas como em todas as competições desportivas há sempre resultados a melhorar. Cinco golos de diferença (5-0), em casa, e quatro golos (4-0) em terreno alheio são actualmente as melhores vitórias. São valores "intermédios" à espera de serem batidos, particularmente, os cinco golos de diferença! Mesmo as meias-finais (com destaque para a vitória caseira, por 4-0) é o valor mínimo para uma goleada. Os dois resultados que dificilmente serão superados é a vitória "fora", por 4-1, nas meias-finais e os 3-0 do SLB ao FC Porto na final da III Taça da Liga. Não é previsível que sejam melhorados, mas é sempre possível!

RECORDE DE RESULTADOS
Situação
RES
JOGO
Local/Estádio
Fase
Época

Casa
V 5-0
CD Santa Clara
CD Trofense
Ponta Delgada
1.ª
12/13
V 5-0
SC Braga
CF "Os Belenenses"
Braga
3.ª
13/14
V 5-0
Boavista FC
Oriental/COL
Porto/ Bessa
2.ª
14/15

Fora
V 4-0
Leixões SC
Varzim SC
P. Varzim
2.ª E
07/08
V 4-0
SL Benfica
CD Aves
Vila das Aves
3.ª
10/11
V 4-0
SC Braga
FC Arouca
Arouca
3.ª
10/11
MEIA-
-FINAL
V 4-0
FC Porto
Rio Ave FC
Dragão
C
12/13
V 4-1
SL Benfica
Sporting CP
Alvalade XXI
F
09/10
FINAL
V 3-0
SL Benfica
FC Porto
Algarve
N
09/10


Com Tozé Marreco (CD Tondela) fora da competição
Parece pouco provável que não continue líder dos melhores marcadores da Taça da Liga. pelo menos até concluir esta Terceira Fase. A esperança está em Lima que tendo nove golos, pode sagrar-se o melhor marcador se conseguir concretizar quatro golos tendo para isso, pelo menos três jogos, mas também podem ser quatro ou cinco. 

DEZ MELHORES MARCADORES
N.º
Golos
Futebolista
Clubes
12
Tozé Marreco
CD Aves (4) CD Tondela (4) Ass. Naval 1.º Maio (2)
CF União Madeira (2)
11
Liedson
Sporting CP
9
Lima
SC Braga (5) SL Benfica (3) CF "Os Belenenses" (1)
9
Rabiola
CD Aves (6) FC Penafiel (2) FC Porto (1)
7
Cardozo
SL Benfica
7
Josué
FC Paços de Ferreira (6) FC Porto (1)
7
Matheus
Vitória FC Setúbal (5) SC Braga (2)
7
Saleiro
Oriental/COL (3) CD Fátima (2) Sporting CP (1)
As. Académica Coimbra (1)

Não! Não é o Benfica o clube com mais jogos apesar de ser o clube com mais finais... cinco!
Há quatro emblemas com mais jogos, que os 32 do "Glorioso". FC Penafiel que até tem menos uma edição disputada, em 2008/09, tem 39; GD Estoril Praia e SC Beira-Mar têm 38; Gil Vicente FC tem 34 jogos. O Benfica se atingir a final ficará com 37 jogos (menos dois) que o FC Penafiel que já não está em competição, pois foi eliminado. O GD Estoril Praia e o Gil Vicente FC fazem parte de um dos grupos (o grupo B) de quatro clubes (três jogos) que só podem cruzar-se com o Benfica (ou o vencedor do grupo A) na final. O GD Estoril Praia vai fazer obrigatoriamente mais dois jogos, passando a contabilizar 40, ultrapassando o FC Penafiel.

CLUBES COM MAIS JOGOS
25 OU MAIS
N.º J
Clubes
39 (2)
FC Penafiel *
38 (1)
GD Estoril Praia
38 (4)
SC Beira-Mar
34 (3)
Gil Vicente FC
32 (-)
SL Benfica
32 (3)
Portimonense SC
32 (4)
Leixões SC
32 (4)
CD Santa Clara
32 (6)
SC Covilhã
30 (-)
Vitória FC Setúbal
30 (1)
Sporting CP
29 (2)
Rio Ave FC
29 (6)
CD Trofense
28 (2)
FC Paços de Ferreira
28 (4)
CD Aves
27 (3)
CF "Os Belenenses"
26 (-)
FC Porto
26 (4)
SC Olhanense
NOTA: () Jogos em 2014/15
* Em 7 edições

Benfica lidera com 24 vitórias
Com o FC Paços de Ferreira já afastado da edição desta temporada, cabe ao Sporting CP e FC Porto (para quem não dá importância à competição e tem tantas vitórias) tentar chegar ao Benfica... E ao Benfica tentar afastar-se dessa aproximação. São cinco jogos com a esperança de cinco vitórias. Ou seja, no final de 2014/15 o quadro poderá ser actualizado com 29 para o "Glorioso". É isso que o Povo espera! Sporting CP e FC Porto logo a seguir com cerca de 20! Tantas! E não dão importância à Taça da Liga. Olha se dessem. Rebentavam à escala. Nem tinha quadro para acondicionar tantas vitórias deles! O Vitória FC Setúbal e o SC Braga cada um com um troféu vencem menos! Pois! Foram mais competentes que o FC Porto e Sporting CP! Que perderam as finais com esses clubes!

CLUBES COM MAIS VITÓRIAS
DEZ OU MAIS
N.º J
Clubes
24 (-)
SL Benfica
17 (0)
FC Paços de Ferreira
17 (1)
Sporting CP
14 (-)
FC Porto
14 (1)
FC Penafiel *
13 (-)
SC Braga
13 (4)
SC Covilhã
12 (-)
GD Estoril Praia
12 (-)
Vitória FC Setúbal
12 (1)
Gil Vicente FC
12 (2)
CD Santa Clara
11 (-)
Rio Ave FC
11 (5)
CD Trofense
NOTA: () Vitórias em 2014/15
* Em 7 edições

O Benfica marca À Benfica com 63 vezes
Segue-se o Sporting CP (52, menos onze) com o FC Porto a não chegar às quatro dezenas (38, menos 25!) E que tal os portistas marcarem mais golos! Dava jeito para conquistarem troféus!

CLUBES COM MAIS GOLOS
30 OU MAIS
N.º J
Clubes
63 (-)
SL Benfica
52 (2)
Sporting CP
46 (4)
Gil Vicente FC
43 (1)
SC Braga
42 (1)
GD Estoril Praia
41 (4)
FC Paços de Ferreira
38 (-)
FC Porto
38 (2)
SC Beira-Mar
37 (2)
FC Penafiel *
36 (-)
Vitória FC Setúbal
35 (5)
Moreirense FC
32 (1)
Rio Ave FC
32 (5)
CD Santa Clara
31 (2)
CD Aves
NOTA: () Golos marcados em 2014/15
* Em 7 edições

Honrar o "Manto Sagrado"

Compete aos media honrarem os temas onde obtêm a informação da qual vivem e que justificam a sua existência como órgãos de comunicação e informação. Compete aos Benfiquistas honrar o Clube mostrando e elogiando quem "Honra agora os Ases que nos Honraram o Passado"! Nós cumprimos!  

Não há registo de "Golos Redondos" do "Glorioso" na competição
Isso também não passa de uma curiosidade. "Troco" um golo "Redondo" por dois golos "Não Redondos"! 

GOLO-RIOSOS POR ORDEM CRONOLÓGICA
N.º Golo
Res
Min
Golo
Marcador
Adversário
Local
S
TL
SLB
38
1
E 1-1
90
1-1
Fredy Adu
CFE Amadora
Amadora
F
43
2
E 1-1
90
1-1
Fredy Adu
Vitória FC Set.
SLB
C
58
3
D 1-2
45
1-0
Fredy Adu
Vitória FC Set.
Setúbal
F
153
4
V 2-0
09
1-0
Katsouranis
Vitória SC Gui
Guimarães
F
156
5
81
2-0
Carlos Martins
Vitória SC Gui
Guimarães
F
168
6


V 4-1
25
1-1
Nuno Gomes
SC Olhanense
SLB
C
169
7
28
2-1
Jorge Ribeiro
SC Olhanense
SLB
C
170
8
61
3-1
Sidnei
SC Olhanense
SLB
C
173
9
87
4-1
Di María
SC Olhanense
SLB
C
175
10
V 1-0
44
1-0
Katsouranis
CF "Os Belenenses"
SLB
C
195
11
V 2-1
69
1-0
Autogolo
Vitória SC Gui
SLB
C
196
12
88
2-0
Aimar
Vitória SC Gui
SLB
C
199
13
E 1-1
74
1-1
Reyes
Sporting CP
Faro/Loulé
N
267
14
E 1-1
79
1-0
Saviola
CD Nacional
SLB
C
279
15
E 1-1
75
1-1
Fábio Coentrão
Vitória SC Gui
Guimarães
F
287
16
V 2-1
48
1-0
Carlos Martins
Rio Ave FC
Vila do Conde
F
293
17
75
2-1
Di María
Rio Ave FC
Vila do Conde
F
295
18


V 4-1
07
1-0
David Luiz
Sporting CP
Alvalade 21
F
296
19
29
2-0
Ramires
Sporting CP
Alvalade 21
F
298
20
67
3-1
Luisão
Sporting CP
Alvalade 21
F
299
21
90
4-1
Cardozo
Sporting CP
Alvalade 21
F
301
22

V 3-0
09
1-0
Ruben Amorim
FC Porto
Faro/Loulé
N
302
23
44
2-0
Carlos Martins
FC Porto
Faro/Loulé
N
303
24
90
3-0
Cardozo
FC Porto
Faro/Loulé
N
420
25

V 2-0
24
1-0
Salvio
CS Marítimo
SLB
C
421
26
38
2-0
Saviola
CS Marítimo
SLB
C
446
27

V 3-2
13
1-0
Javi Garcia
SC Olhanense
SLB
C
447
28
22
2-0
Jara
SC Olhanense
SLB
C
450
29
70
3-2
Salvio
SC Olhanense
SLB
C
476
30

V 4-0
34
1-0
Javi Garcia
CD Aves
Vila das Aves
F
478
31
68
2-0
Jara
CD Aves
Vila das Aves
F
479
32
75
3-0
Nuno Gomes
CD Aves
Vila das Aves
F
480
33
90
4-0
Felipe Menezes
CD Aves
Vila das Aves
F
482
34
V 2-1
33
1-1
Cardozo
Sporting CP
SLB
C
483
35
90
2-1
Javi Garcia
Sporting CP
SLB
C
491
36
V 2-1
17
1-0
Jara
FC Paços Ferreira
Coimbra
N
492
37
42
2-0
Javi Garcia
FC Paços Ferreira
Coimbra
N
615
38

V 4-1
10
1-0
Witsel
Vitória SC Gui
Guimarães
F
617
39
65
2-1
Cardozo
Vitória SC Gui
Guimarães
F
618
40
83
3-1
Cardozo
Vitória SC Gui
Guimarães
F
619
41
88
4-1
Rodrigo
Vitória SC Gui
Guimarães
F
627
42
V 2-0
67
1-0
Nélson Oliveira
CD Santa Clara
SLB
C
628
43
75
2-0
Witsel
CD Santa Clara
SLB
C
642
44

V 3-0
13
1-0
Nélson Oliveira
CS Marítimo
SLB
C
643
45
72
2-0
Rodrigo
CS Marítimo
SLB
C
644
46
80
3-0
Rodrigo
CS Marítimo
SLB
C
645
47

V 3-2
03
1-0
Maxi Pereira
FC Porto
SLB
C
648
48
41
2-2
Nolito
FC Porto
SLB
C
649
49
76
3-2
Cardozo
FC Porto
SLB
C
654
50
V 2-1
30
1-0
Rodrigo
Gil Vicente FC
Coimbra
N
656
51
83
2-1
Saviola
Gil Vicente FC
Coimbra
N
759
52
V 2-1
68
1-1
Rodrigo
SC Olhanense
Olhão
F
761
53
86
2-1
Lima
SC Olhanense
Olhão
F
776
54
E 1-1
90
1-1
Cardozo
Moreirense FC
M. Cónegos
F
794
55

V 3-2
39
1-0
Lima
As. Ac. Coimbra
SLB
C
797
56
61
2-2
Kardec
As. Ac. Coimbra
SLB
C
798
57
65
3-2
Lima
As. Ac. Coimbra
SLB
C
906
58
V 1-0
31
1-0
Gaitán
CD Nacional
Choupana
F
927
59
V 2-0
27
1-0
Djuricic
Leixões Sc
SLB
C
928
60
87
2-0
Ivan Cavaleiro
Leixões SC
SLB
C
935
61
V 1-0
56
1-0
Sulejmani
Gil Vicente FC
Restelo
C
961
62
V 2-0
40
1-0
Rodrigo
Rio Ave FC
Leiria
N
962
63
77
2-0
Luisão
Rio Ave FC
Leiria
N
NOTA: TL - Número de ordem do golo na cronologia da competição

O Benfica não perde desde... 2007!
Data da I Taça da Liga a única derrota, por 1-2, em sete edições da competição, frente ao Vitória FC Setúbal. É bom recordar que nesse infeliz dia em 31 de Outubro de 2007 o "Glorioso" preparava uma dupla deslocação: FC Paços Ferreira (V 2-1 na Mata Real) e o decisivo jogo da 4.ª jornada da Liga dos Campeões, em Glasgow, frente ao Celtic FC (D 0-1) que atirou o SLB para o 3.º lugar do grupo D da Liga dos Campeões.

     FÓRMULA INICIAL
Época
3.ª Eliminatória
4.ª Eliminatória
2007/08
1/4
CF Estrela Amadora
E 1-1 V pmgp 5-4
Vitória FC Setúbal
C/F E 1-1 // D 1-2
NOTA: 4.ª eliminatória com quatro jogos a duas mãos para apurar os quatro clubes que integraram o "Grupo Final" com três jogos (uma volta a pontuar) para cada clube. Os dois finalistas apuravam-se pelo 1.º e 2.º lugar obtidos nesse "Grupo Final"

FÓRMULA ACTUAL
Época
Fase Grupos
Meia-Final
Final
1.ª J
2.ª J
3.ª J

2008/09
V
Vitória SC
Guimarães
(F)
V 2-0
SC Olhanense

(C)
V 4-1
CF “Os Belenenses”
(C)
V 1-0
Vitória SC
Guimarães
(C)
V 2-1
Sporting CP
(N) Algarve
E 1-1
V pmgp 3-2

2009/10
V
CD Nacional
Madeira
           (C)      
V 1-0
Vitória SC
Guimarães
(F)
E 1-1
Rio Ave FC

(F)
V 2-1
Sporting CP

(F)
V 4-1
FC Porto

(N) Algarve
V 3-0

2010/11
V
CS Marítimo

(C)
V 2-0
SC Olhanense

(C)
V 3-2
CD Aves

(F)
V 4-0
Sporting CP

(C)
V 2-1
FC Paços Ferreira

(N) Coimbra
V 2-1

2011/12
V
Vitória SC
Guimarães
(F)
V 4-1
CD Santa Clara
(C)
V 2-0
CS Marítimo

(C)
V 3-0
FC Porto

(C)
V 3-2
Gil Vicente FC

(N) Coimbra
V 2-1

2012/13
1/2
SC Olhanense
(F)

V 2-1
Moreirense FC
(F)

E 1-1
Ass. Ac. Coimbra
(C)
.V 3-2
SC Braga
(F)
.E 0-0
Dgp 2-3


2013/14
V
CD Nacional
Madeira
(F)
V 1-0
Leixões SC

(C)
V 2-0
Gil Vicente FC
(Restelo)
(C)
V 1-0
FC Porto
(F) Dragão
E 0-0
V pmgp 4-3
Rio Ave FC

(N) Leiria
V 2-0
NOTA: Em 2008/09 e 2009/10 eram três grupos. Apuravam-se para as meias-finais os vencedores de cada grupo (três) e o "melhor" segundo classificado

Sou mesmo estúpido
E eu à espera que tendo os "jornalistas e jornais" hoje tantos meios tecnológicos conseguissem acompanhar e divulgar com rigor, deontologia e devidamente uma competição nascida e desenvolvida no "tempo da informática, folhas excel e bases de dados". Bem posso esperar sentado. Esperar alguma "coisa positiva" de quem tem é interesse superlativo em tricas, truques e mexericos... Sou mesmo estúpido!

Finalmente é terça-feira!

Alberto Miguéns

NOTA: Comparação com a Supertaça
Nem tem comparação, pois é comparar "alhos com bugalhos". A Taça da Liga é uma competição enquanto a Supertaça é um jogo.
A Supertaça tem 36 edições com 64 jogos nos quais foram marcados 139 golos (três são autogolos) por 96 futebolistas (marcaram 136 golos).
A Taça da Liga tem 8 edições (a 8.ª incompleta) com 473 jogos nos quais foram marcados 1085 golos (28 são autogolos) por 613 futebolistas (marcaram 1057 golos).
Eu bem "avisei" que não há comparação. E são "4 vezes e meia" menos edições (36/8). É a diferença entre uma competição e um jogo! Faz toda a diferença!


NOTA2: Os jornais publicam erros que depois são copiados pelas televisões e telefonias. Como não fazem o "Trabalho De Casa" recorrem a portais como o zero.zero e enganam os leitores, incluindo quem está nas televisões e telefonias que nem isso faz. Recorre aos jornais da manhã! Erram que se farta e enfarta! Como este exemplo recente, mas são milhares.

Jogo do SC Covilhã frente ao Gil Vicente FC em 28 de Dezembro de 2014. Ou seja, anteontem no passado domingo!

ZeroZero (imagem retirada às 22:46 em 29 de Dezembro de 2014)


É mentira que seja Djikiné (n.º 14) a marcar o 2-1. Como a imagem do vídeo prova foi Kizito (n.º 21). Falta de respeito não só por Kizito e Djikiné, mas por tudo e todos!


6 comentários
comentários
  1. Como sempre... Uma delícia ler o EDB.

    Lembra-me bem do Adu ser o primeiro grande goleador. Dizia-se que era uma "star"...

    Vou partilhar porque vale a pena que os Benfiquistas recordem o percurso do "nosso" clube.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha Chama

      Agradeço o elogio que sei ser sincero.

      Use e abuse da partilha. Vamos vencer logo à noite! Não há volta a dar! Até porque o adversário das meias-finais pode muito bem ser o Sporting CP!

      Gloriosas Saudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  2. É engraçado falar em incompetência até porque não discordo de si e no meu clube houve muita relativamente a esta competição mas também convém não esquecer que a 1ª taça que conquistaram vos foi "oferecida"
    Sem contar com um dos penaltys mais ridículos da história do futebol português no célebre Estrela da Amadora vs SL Benfica em que o arbitro consegue ver um corte de cabeça numa mão...
    Quanto ao resto concordo consigo o SL Benfica tem sido a equipa mais competente nesta prova.

    cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernando, lembra-se se o golo, que o sporting marcou nesse jogo, não foi precedido de falta?

      Se não se lembrar, procure fotografias que o mostram de forma evidente...

      Eliminar
  3. Para se perceber bem se SCP e FCP dão importância à Taça da Liga analise-se as equipas que utilizaramnos jogos a eliminar, principalmente finais. Acho que fica claro.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo1/1/15 01:25

    Quer uma "gralha" fantástica? No jornal O Jogo de 23-12-14 afirma-se na página 38 (num texto e num quadro estatístico) que o Real Madrid ganhou 4 troféus em 2014 (Liga espanhola, Taça do Rei, Liga dos Campeões e Mundial de Clubes), mas como sabemos ficou em 3º lugar na Liga (o "quarto troféu" foi a Supertaça europeia)...
    JMF

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail