A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

13/08/2014

QUEM DE 36 TIRA 5

13/08/2014 + 2 Comentários
Conseguimos o mais importante e inalienável objectivo para que nasceu o Glorioso Sport Lisboa e Benfica: VENCER.

Foi o quinto Troféu da já longa história da Supertaça. E todos sabemos o porquê de ser "apenas" o quinto.
Quem pode esquecer o "Ladrão" Donato Ramos que conseguiu numa mesma jogada, permitir a defesa de um guarda-redes fora da área com as mãos, e na sequência haver um remate do nosso jogador Amaral, obrigando um defesa adversário a fazer auto-golo vindo o mesmo a ser anulado. No fim do lance o guarda-redes não foi expulso. o golo anulado e o Benfica privado de ganhar o Troféu, pois com 0-1 traria para casa aquela taça. Foi perde-la depois a Paris com mais uma arbitragem canhestra meses depois.

E quem não se lembra da outra final logo logo a seguir, jogada em Coimbra com o "Madaleno Chefe de Caixa" mais o seu arruaceiro treinador Carlos Alberto Silva a ameaçar os fiscais de linha e o quarto árbitro, enquanto o árbitro principal José Pratas corria à frente de onze impunes e insurrectos atletas da agremiação desportiva mais corrupta da Europa irmã gémea da transalpina Juventus? E tudo porque Pratas tentava apitar com justiça, hábito nada apreciado por tal gente.
É pois através deste troféu que F.C.do Porto se diz o clube(?) mais titulado. Claro que é mais fácil e barato dar um só conselho matrimonial, meter à sorrelfa uma rameira num quarto de árbitro ou um envelope com "notinhas" para um só jogo, do que fazê-lo durante muitos meses numa prova com muitas jornadas ou eliminatórias.

Mesmo assim, a Supertaça não é um titulo, é um troféu. Tal como a Taça de Honra que os sapóides querem transformar em campeonato dizendo-se campeões da Taça de Honra e que a AFL tratou de confundir com o Campeonato Regional de Lisboa (esse sim consagra campeões), para que finalmente o "Zbording" tivesse mais de 30 títulos em qualquer coisa que diga respeito ao futebol.
E como já aqui foi mostrado no EDB, em mais um trabalho inigualável do Alberto Miguéns, o "Zbording" tem mais campeonatos regionais que o Benfica, mas menos 5 Taças de Honra.

                                                                      Vem aí o Campeonato

EM AVEIRO FOI À BENFICA

Esta quinta Supertaça é para recordar. Todos os anti-Benfica desejavam e esperavam não só que perdêssemos mas também que jogássemos deficitariamente. Pois para nosso orgulho o Benfica fez uma exibição que nos enche de esperança e nos faz acreditar que a qualidade do melhor futebol que vimos jogando há meia década vai continuar.
Atenção que não estou a desviar a minha convicção das necessidades que sabemos que a equipa ainda tem, nem da urgência de reforçarmos e colmatarmos as saídas já consumadas e as que venham ainda a acontecer.

Mas, é injusto não dizer que o BENFICA jogou muito bem. E fê-lo no jogo em que até à data mais precisava, porque agora valeu uma Taça que o nosso Paulo Lopes ao festejar com a alegria de benfiquista sobejamente conhecida, partiu. Tenho cá para mim que o fez ao ver as chapas de alguns "vencedores" com os nomes: Donato Ramos, Pratas, Calheiros, Proença, Fortunato Azevedo, Martins dos Santos, António Costa, Pinto Correia, Xistra, Garrido, Soares Dias, Jorge Sousa, Hugo Miguel, Azevedo Duarte pai e Azevedo Duarte filho, mais um rol de sevandijas que Paulo Lopes já nem conseguiu ver tal o nojo que sentiu. Que Benfiquista não ficava com vontade de partir aquilo ao ver chapas de vencedores com o nome de tantos amigos do "Madaleno Chefe de Caixa"?

E Artur esteve no pior da equipa,mas acabou por decidir a nosso favor.
Não está psicologicamente bem para tomar conta da nossa baliza, mas também não se trata de um incapaz e espero que saibamos ajudar a recuperar, um atleta que enquanto estiver no Benfica é dos nossos e que sempre se portou com elevado carácter quer na entrega,quer nas declarações feitas, algumas até fora do país. (Vi este defeso declarações de Artur à TV brasileira, de grande respeito e orgulho pelo Benfica).
Porque nós quando ganhamos ganhamos dentro do campo e ao longo da história fizemos muitas vezes das fraquezas, forças.

Ganhámos a quinta Supertaça, mas de forma imaculada. Como sempre.

Alimentamo-nos na vontade e na Alma, ao contrário de outros que sempre se alimentaram na "marmita infecta" em transformaram o futebol português.

António Melo  
2 comentários
comentários
  1. patriarca disse:


    Excelente texto, amigo e Verdadeiro Benfiquista António Melo !!!
    Sempre presente, com os seus Doutos conhecimentos a não deixar "esquecer" o mal que aquela corja cedofeital fez no desporto nacional e além fronteiras.

    ResponderEliminar
  2. Jonny8Forever14/8/14 14:51

    Quando aparece o nosso António Melo até a barraca abana! Belo post mesmo apropriado para pôr os nomes nos bois.
    Já fazia falta por aqui este grande Benfiquista.
    Abraços Gloriosos!

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail