A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

01/06/2012

A Última Estação

01/06/2012 + 1 Comentários
OPINIÃO
             
Com o país esfrangalhado em termos económicos, intervencionado, dependente e completamente endividado (103 e 258,5 por cento do PIB anual, respectivamente, de dívida pública e dívida externa), sempre a crescer, basta ver o contador da Reserva Federal dos EUA em “world debt clocks”. Ou seja, afundado num buraco, o que faltava para enterrar-se era o declínio moral e ético. Vai ser o fim deste regime que começou, bem, em 25 de Abril de 1974 e vai terminar em breve.


Duas ideias base a desenvolver num dia destes (pois hoje quando me preparava para completar o texto, eram para aí duas da manhã, eis que toca o telemóvel. Era o António Melo. Vindo de férias (boas notícias para os frequentadores do EDB) a conversa, deliciosa, longa, sumarenta e impagável, inviabilizou a escrita prevista para os seguintes dois temas:

O cunhismo destruiu (mais uma vez…) Portugal

Os políticos têm a fama, mas há quem (ainda tenha) mais proveito.

Repito. Fica para um dia destes...




Proprietário e redactor do jornal "A Corneta do Diabo", Palma Cavalão surge em Os Maias, de Eça de Queirós, como um jornalista corrupto, facilmente "agitado com o tinir do dinheiro". O nome de "Cavalão" fora atribuído ao Palma para o "distinguir de outro benemérito chamado Palma Cavalinho. "Sem carácter, publica artigos injuriosos ou retira-os desde que para isso lhe paguem. Como reconhece Ega, sobre um artigo do Dâmaso a denunciar as relações de Carlos e Maria Eduarda, "o artigo fora-lhe, simplesmente, encomendado e pago. No terreno do dinheiro vence sempre quem tem mais dinheiro."Baixo e gordo, como se depreende das palavras de Alencar que o define como "canalha", "vil bolinha de matéria pútrida!..." e "chouricinho de pus!", Palma Cavalão é o símbolo do jornalismo de escândalo, feito por jornalistas imorais e corruptos.

Quem conhece jornais e jornalistas conhece dezenas e dezenas de Palmas Cavalões.

Deixo aqui (por serem, em tese, o topo do cunhismo) os directores dos principais jornais (por ordem alfabética do título da publicação, porque é quase tudo tralha do mesmo balde do lixo):

A Bola…………………………… Vítor Serpa;
Correio da Manhã…………… Octávio Ribeiro;
Diário de Notícias…………… João Marcelino;
Expresso………………………… Ricardo Costa;
I……………………………………. Eduardo Oliveira e Silva;
Jornal de Notícias………….. Manuel Tavares;
O Jogo………………………….. José Manuel Ribeiro;
Record………………………….. Alexandre Pais;
Sol………………………………… José António Saraiva

Muitos deles – quase todos – podiam ser alvo da chacota de Eça de Queirós. Com a agravante de já terem passado – por Portugal, pelo Mundo e Universo - mais de 100 anos depois da morte do escritor.

E o Benfica? Existe massa crítica no Clube para perceber o que se passa e como se pode (e deve) colocar o “Glorioso” no meio de tudo isto?

No FC Porto…há! Até contribuem para “isto” (e tiram benefícios disto”)!

Alberto Miguéns


NOTA: O Clube publica uma convocatória de Assembleia Geral a realizar em 14 de Junho de 2012, com um ponto único que já foi aprovado há um ano?! Para que vamos nós, associados do Benfica, aprovar o orçamento ordinário e o plano de investimento elaborados pela Direcção para o exercício de 2011/12 se este exercício vai terminar em 30 de Junho de 2012?! Daqui a um mês!

1 comentários
comentários
  1. philippe1/6/12 08:20

    simplesmente ENORME! mais uma visao acutilante, parabens AM. Viva o Benfica!

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail