A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

31/05/2012

Marcas e Marcadores (II)

31/05/2012 + 5 Comentários API

HISTÓRIA

Valadas (1912-1994) O primeiro melhor marcador do SLB nas duas primeiras edições do campeonato nacional

Nuno Gomes quatro vezes o melhor marcador do SLB no campeonato nacional

Simão quatro vezes o melhor marcador do SLB no campeonato nacional

             
Com 12 marcadores como os melhores do campeonato nacional em 26 das 78 edições já realizadas o Benfica é o emblema mais representado nesta “sub-categoria” dos títulos que podemos estabelecer numa competição tão antiga e longa (já teve 38 jornadas) para além de ser a de maior significado a nível interno.

Em 78 edições o Benfica teve goleadores de enorme categoria
O melhor marcador do Clube foi o extremo-esquerdo Alfredo Valadas (1912 – 1994) que é também o marcador do 1.º golo de toda a história, ou seja não só do Benfica, da competição, há 78 anos, em 1935. Repetiu na segunda época. Seguiram-se outros grandes avançados do Benfica, do futebol português e do futebol internacional (ver Quadro I).

QUADRO I
TOTAL DE GOLOS MARCADOS PELO SLB E TODOS OS MELHORES MARCADORES DO SLB NOS 78 CAMPEONATOS NACIONAIS
Época
Golos marcados SLB
Melhor marcador SLB
MA
Golos
Df.1.º
Goleador
GM
Dif
2.º
Clube
34/35
3.º
41
- 4
Valadas
13
- 1
2.º
35/36
2.º
44
- 6
Valadas
13
- 8
2.º
36/37
1.º
57
+ 3
Rogério Sousa
19
- 5
2.º
37/38
3.º
34
- 33
Rogério Sousa
12
- 22
3.º
38/39
2.º
44
- 13
Espírito Santo
13
- 5
5.º
39/40
3.º
58
- 29
Fc.º Rodrigues
21
- 8
3.º
40/41
4.º
39
- 20
Fc.º Rodrigues
10
- 19
4.º
41/42
4.º
74
- 19
Fc.º Rodrigues
15
- 21
4.º
42/43
74
- 4
Julinho
24
+ 3
Peyroteo
SCP
43/44
3.º
57
- 8
Julinho
16
- 12
4.º
44/45
1.º
79
+ 7
Rogério Carvalho
16
- 5
4.º
45/46
1.º
82
+ 8
Rogério Carvalho
21
- 16
3.º
46/47
2.º
99
- 24
Julinho
22
- 21
4.º
47/48
3.º
84
- 8
Julinho
22
- 14
4.º
48/49
3.º
72
- 28
Julinho
23
- 17
3.º
49/50
2.º
86
- 5
Julinho
28
+ 5
M. Wilson
SCP
50/51
2.º
81
- 10
Arsénio
26
- 3
2.º
51/52
2.º
76
- 15
José Águas
28
+ 4
Ben David
ACP
52/53
2.º
75
- 2
José Águas
27
- 2
3.º
53/54
3.º
62
- 21
José Águas
25
- 6
3.º
54/55
3.º
61
- 12
José Águas
20
- 12
3.º
55/56
2.º
76
- 1
José Águas
28
+ 6
Jaburu
FCP
56/57
2.º
75
- 11
José Águas
30
+ 4
Hernâni
FCP
57/58
3.º
59
- 20
José Águas
22
- 1
2.º
58/59
2.º
78
- 3
José Águas
26
+ 2
A. Teixeira
FCP
59/60
2.º
75
- 7
José Augusto
19
- 6
3.º
60/61
1.º
92
+ 31
José Águas
27
+ 3
J. Augusto
SLB
61/62
1.º
69
+   3
José Águas
18
- 5
4.º
62/63
1.º
81
+ 10
José Torres
27
+ 4
Eusébio
SLB
63/64
1.º
103
+ 41
Eusébio
28
+ 5
J. Torres
SLB
64/65
1.º
88
+ 27
Eusébio
28
+ 5
J. Torres
SLB
65/66
1.º
73
+   3
Eusébio
25
=
Figueiredo
SCP
66/67
1.º
64
+   8
Eusébio
31
+ 6
 Artur Jorge
AAC
67/68
1.º
75
+ 15
Eusébio
43
+ 15
 Artur Jorge
AAC
68/69
1.º
49
+   3
José Torres
16
- 3
3.º
69/70
1.º
61
+   3
Eusébio
20
+ 3
Nélson
SCP
70/71
1.º
62
+ 11
Artur Jorge
24
+ 2
V. Baptista
VFC
71/72
1.º
81
+ 19
Artur Jorge
27
+ 6
José Torres
VFC
72/73
1.º
101
+ 36
Eusébio
40
+19
Flávio
FCP
73/74
3.º
68
- 28
Eusébio
16
-30
3.º
74/75
2.º
62
- 2
Moinhos
13
- 17
4.º
75/76
1.º
94
+ 21
Rui Jordão
30
+ 1
Nené
SLB
76/77
2.º
67
- 5
Nené
23
- 3
2.º
77/78
3.º
56
- 25
Nené
12
- 13
4.º
78/79
1.º
75
+   5
Nené
26
- 1
2.º
79/80
1.º
79
+ 12
Nené
30
- 1
2.º
80/81
1.º
72
+ 19
Nené
20
+ 3
Jacques
SCB
81/82
2.º
60
- 6
Nené
24
- 3
3.º
82/83
2.º
67
- 5
Nené
21
- 15
2.º
83/84
1.º
86
+ 21
Nené
21
=
Gomes
FCP
84/85
3.º
65
- 13
Manniche
17
- 22
2.º
85/86
3.º
54
- 10
Manniche
14
- 16
4.º
86/87
3.º
50
- 17
Rui Águas
13
- 9
5.º
87/88
3.º
59
- 29
Magnusson
13
- 10
4.º
88/89
1.º
60
+   4
Vata
16
+ 1
Jorge Silva
CSM
89/90
1.º
76
+   4
Magnusson
33
+ 16
Rui Águas
FCP
90/91
1.º
89
+ 12
Rui Águas
25
+ 1
Domingos
FCP
91/92
1.º
89
+   4
Izaías
12
- 18
5.º
92/93
1.º
60
+   1
Izaías
  9
-  8
4.º
93/94
1.º
73
+   2
João Pinto
15
-  6
4.º
94/95
2.º
60
- 13
Izaías
14
-  7
4.º
95/96
4.º
57
- 27
João Pinto
18
- 12
2.º
96/97
5.º
49
- 31
João Pinto
7
- 23
9.º
97/98
2.º
62
- 13
 Nuno Gomes
18
- 8
2.º
98/99
2.º
71
- 14
 Nuno Gomes
24
- 12
2.º
99/00
2.º
58
- 8
 Nuno Gomes
18
- 19
4.º
00/01
5.º
54
- 9
Van Hooijdonk
19
- 3
2.º
01/02
2.º
66
- 8
Mantorras
13
- 29
4.º
02/03
1.º
74
+   1
Simão
18
=
Fary
SCBM
03/04
2.º
62
- 1
Simão
12
- 8
4.º
04/05
2.º
51
- 15
Simão
15
- 9
2.º
05/06
2.º
51
- 3
 Nuno Gomes
15
- 1
2.º
06/07
2.º
55
- 10
Simão
11
- 4
3.º
07/08
2.º
45
- 15
Cardozo
13
-11
2.º
08/09
2.º
54
- 7
Cardozo
17
- 3
2.º
09/10
1.º
78
+   8
Cardozo
26
+1
Falcao
FCP
10/11
2.º
61
- 12
Cardozo
12
-10
4.º
11/12
2.º
66
- 3
Cardozo
20
=
Lima
SCP
MA – Melhor Ataque da edição do campeonato nacional

Em 78 edições são 26 os melhores marcadores do “Glorioso”
Entre 26 goleadores, José Águas foi o melhor marcador do Benfica em dez campeonatos (nas 13 épocas a honrar o “Manto Sagrado”). Seguem-se Eusébio (com sete como melhor do campeonato e dois como melhor da Europa) e Nené (duas vezes o melhor de Portugal). Com seis épocas Julinho (duas temporadas como melhor da competição) e Cardozo, com cinco – duas como melhor de Portugal – e ainda com amplas possibilidades de elevar ambos os números (5 e 2) tal a sua qualidade ímpar no nosso País, apesar do “Futeluso” (ver Quadro II).

QUADRO II    
MELHORES MARCADORES DO BENFICA EM TODOS OS 78 CAMPEONATOS NACIONAIS

N.º
Épocas
José Águas
10
51/52

52/53
53/54
54/55
55/56
56/57
57/58
58/59
60/61

61/62






Eusébio
8
63/64
64/65
65/66
66/67
67/68
69/70
72/73
73/74
Nené
8
76/77
77/78
78/79
79/80
80/81
81/82
82/83
83/84
Julinho
6
42/43
43/44
46/47
47/48
48/49
49/50


Cardozo
5
07/08
08/09
09/10
10/11
11/12



Simão
4
02/03
03/04
04/05
06/07




Nuno Gomes
4
97/98
98/99
99/00
05/06




Frc.º Rodrigues
3
39/40
40/41
41/42





Iszaías
3
91/92
92/93
94/95





João Pinto
3
93/94
95/96
96/97





Valadas
2
34/35
35/36






Rogério Sousa
2
36/37
37/38






Rog. Carvalho
2
44/45
45/46






José Torres
2
62/63
68/69






Artur Jorge
2
70/71
71/72






Manniche
2
84/85
85/86






Magnusson
2
87/88
89/90






Rui Águas
2
86/87
90/91






Espírito Santo
1
38/39







Arsénio
1
50/51







José Augusto
1
59/60







Moinhos
1
74/75







Jordão
1
75/76







Vata
1
88/89







 Van Hooijdonk
1
00/01







Mantorras
1
01/02








O Glorioso Benfica precisa de conquistar mais… muito mais!

Alberto Miguéns

NOTA: Viram, na terça-feira, na RTP Informação a Norte, o Trio d’ Ataque ao Benfica!? Eu já tinha avisado. Júlio Machado Vaz não é um intelectual como ele e outros querem fazer crer. É apenas um burguês pedante, que sabe “safar o couro” independentemente daquilo que representa ou por que se faz representar.
5 comentários
comentários
  1. Ainda bem que não vi porque até me parece que o JMVaz costuma defender bem o Clube.Acho que ele como outros não conseguem "meter a mão na massa" tal o cheiro a porcaria que dali exala.Ademais, aquele "cara de cavalo" com a sua pseudo intelectualidade tira-me do ´serio, é mesmo um individuo execravel tal a sua postura que varia entre o incontinente verbal e o lambuza botas.Depois temos o bebado(que por sinal, acerca do tempo do facismo e em que se tentou conspurcar o bom nome do benfica, foi aquele que mais veementemente o desmentiu)que nos obriga a estar constantemente focados tal o ziguezague constante...enfim, desisti de ver com regularidade.Pior foi aquela do Geninho e a figura do Vieira encarnado em Kadafi-no minimo exigiria um pedido de desculpas com destaque no Record, mas a nossa direcção distrai-se muito ou não dá a atenção devida a estes casos.E como já me alonguei, VIVA o BENFICA!!!

    ResponderEliminar
  2. Caro Leitor

    O que JMV fez foi "para ficar bem com todos fez o jogo do FCP". Disse que CL foi insultado etc etc. Mas depois colocou CL no fundo. Ao fazer isto o Guedes riu-se. Foi admitir o que o FCP quer, ou seja, que os espectadores só se comportaram mal porque reagiram aos gestos do CL. Se tem colocado o comportamento dos adeptos no fundo, mesmo criticando CL indicava que o gesto de CL era consequência e não causa. Fácil. JMV dá uma de distanciamento e imparcialidade para andar de bem com todos. Não serve. Isso era no tempo de um senhor como Borges Coutinho.Não no tempo de um mandante como Pinto da Costa.

    Gloriosas Saudações Benfiquistas

    Alberto Miguéns

    ResponderEliminar
  3. Alberto Miguéns, no blog Vitamina B, li um posta de José Carmo Francisco à volta do livro de Joel Neto – «Os sítios sem resposta». Ao longo da leitura deparei-me com referências pouco lisonjeiras ao SLB, como grande conhecedor sobre a história do nosso clube, gostaria, se possível, que lesse e nos elucidasse. O link é:
    http://aspirinab.com/jose-do-carmo-francisco/joel-neto-os-sitios-sem-resposta-ou-o-estranho-lugar-do-delirio-e-da-alucinacao/
    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Leitor

      Agradeço a informação.

      São sempre bem-vindas.

      Já copiei a ligação.

      Depois dou notícias.

      Gloriosas Saudações Benfiquistas

      Alberto Miguéns

      Eliminar
  4. Anónimo1/6/12 19:20

    Seremos todos moribundos neste país que se afunda levado por políticos sem escrúpulos e sem alma, tal como bandidos sem moral e sem respeito pelas vidas dos outros?

    k

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail