A criação deste Blogue, ideia de António Melo, tem como objectivo divulgar, defender o Sport Lisboa e Benfica e a sua Gloriosa história. Qualquer opinião aqui expressa vinculará apenas o seu autor, Alberto Miguéns.

SEMANADA: ÚLTIMOS 7 ARTIGOS

20/04/2011

Tudo por tudo (eles são, mesmo, mafiosos…)

20/04/2011 + 3 Comentários API
ESTATÍSTICAS

Vem aí o clube do Porco. E trazem cachecol para não pegarem a gripe suína ao Xistrema
Estamos a menos de 21 horas de receber o FC Porto, na “Catedral”, para o 271.º “Clássico de Portugal”, com o “Glorioso” a registar mais nove vitórias (108/99) e mais 95 golos (505/410) em relação ao rival.

JOGOS COM FC PORTO
Fundado em 2 de Agosto de 1906
TOTAIS

Competição
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
270
108
63
99
505
410
CASA
113
  63
29
21
252
118
FORA
127
  26
30
71
181
256
NEUTRO
  30
  19
  4
  7
72
  36

Em nossa casa os valores são, ainda, mais expressivos, com 113 jogos, 63 vitórias (mais 42 que as 21 derrotas) e 254 golos (mais 134 que os 118 sofridos).

TOTAIS POR COMPETIÇÃO
Competição
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
270
108
63
99
505
410
Campeonato Nacional
154
  53
41
60
247
231
Campeonato/Taça de Portugal
039
  23
05
11
087
055
Supertaça “Cândido Oliveira”
025
  05
07
13
016
033
Taça da Liga
001
  01
--
--
003
000
Torneios
009
  07
01
01
032
017
Particulares
042
  19
09
14
110
074

Na Taça de Portugal, em 39 jogos mais 12 vitórias (23/ 11) e mais 32 golos marcados (87/ 55).

CASA
Competição
J
V
E
D
GM
GS
TOTAIS
113
63
29
21
252
118
Campeonato Nacional
077
41
23
13
158
076
Campeonato/Taça de Portugal
014
11
02
01
045
010
Supertaça “Cândido Oliveira”
010
05
01
04
011
014
Torneios
001
01
--
--
009
---
Particulares
011
05
03
03
029
018

Em nossa casa, para a Taça de Portugal, temos em 14 jogos disputados, onze vitórias (mais dez que uma do FCP) e 45 golos (mais 35 que os dez do FCP).

OS ÚLTIMOS 52 SLB vs FCP
Clássico
N.º
Época
Comp
Sit
V
E
D
219

93/
94
ST
C
1-0


220
ST
F


0-1
221
CN
F

3-3

222
CN
C
2-0


223


94/
95
ST
N

2-2

224
ST
C

1-1

225
ST
F

0-0

226
CN
C

1-1

227
CN
F


1-2
228
ST
N


0-1
229
95/
96
CN
F


0-3
230
CN
C
2-1


231

96/
97
ST
F


0-1
232
ST
C


0-5
233
CN
C


1-2
234
TP
C
2-0


235
CN
F


1-3
236
97/
98
CN
F


0-2
237
CN
C
3-0


238
98/
99
CN
F


1-3
239
CN
C

1-1

240
99/
00
CN
F


0-2
241
CN
C
1-0


242

00/
01
CN
F


0-2
243
TP
C

1-1

244
CN
C
2-1


245
TP
F


0-4
246
01/
02
CN
C

0-0

247
CN
F


2-3
248
02/
03
CN
F


1-2
249
CN
C


0-1
250
03/
04
CN
F


0-2
251
CN
C

1-1

252
TP
N
2-1


253
04/
05
ST
N


0-1
254
CN
C


0-1
255
CN
F

1-1

256
05/
06
CN
F
2-0


257
CN
C
1-0


258
06/
07
CN
F


2-3
259
CN
C

1-1

260
07/
08
CN
C


0-1
261
CN
F


0-2
262
08/
09
CN
C

1-1

263
CN
F

1-1

264
09/
10
CN
F
1-0


265
TL
N
3-0


266
CN
F


1-3
267

10/
11
ST
N


0-2
268
CN
F


0-5
269
TP
F
2-0


270
CN
C


1-2
271
TP
C




Desde 1993/94, registamos valores negativos, muito por “culpa” da nossa inacção há mais de 30 anos, quando deixámos subverter o funcionamento do futebol português. Nos últimos 52 “Clássicos de Portugal”, menos 13 vitórias (13/ 26) e menos 27 golos marcados (49/ 76).

Logo à noite, nesta quarta-feira, 20 de Abril, queremos atingir mais uma final, somar mais uma vitória e marcar mais golos. Merecemos! Que o Bem vença o Mal.

Apesar de tudo o que alguns BenfiQuistos te têm feito, ou que têm deixado fazer-te, ainda és “Glorioso”!

Alberto Miguéns
3 comentários
comentários
  1. Contra tudo e contra todos vamos ganhar e digo mais, vamos ganhar os 3 troféus ainda em disputa, confiem em mim!

    ResponderEliminar
  2. Convém não entarmos em euforias para o jogo de mais logo.
    Tomem nota que, quem nos vem xistralhar é o próprio XISTRA:

    Aqui temos um belo de naco de prosa do XISTRA:
    " O jogador da equipa visitada, MICOLLI, demandou-se em velocidade tentando desobstruir-se no intuito de desfeitear o guarda-redes visitante. Um adversário à ilharga procurou desisolá-lo, desacelerando-o com o auxílio à utilização indevida dos membros superiores, o que conseguiu. O jogador Micolli procurou destravar-se com recurso a movimentos tendentes à prosecução de uma situação de desaperto mas o adversário não o desagarrava. Quando finalmente atingiu o desimpedimento desenlargando-se, destemperou-se e tentou tirar desforço, amandando-lhe o membro superior direito à zona do externo, felizmente desacertando-lhe. Derivado a esta atitude, demonstrei-lhe a cartolina correspectiva "

    ResponderEliminar
  3. TRAMONTANO21/4/11 00:30

    Como eu compreendo a ultima frase.

    Realmente o Benfica foi aprisionado por alguns ditos Benfiquitas com a complacencia dos verdadeiros Benfiquistas.

    ResponderEliminar

Em Defesa do Benfica no seu E-mail